A Cozinha de Monicavox-Farinhas Funcionais….com receitas…

Atualmente são encontrados diversos tipos de farinhas funcionais no mercado, essas que se mostraram excelentes aliadas das dietas e passaram a integrar receitas de vitaminas, bolos, pães e etc. Essas farinhas são ótimas substitutas da farinha branca, apresentam um alto teor nutritivo e ainda contam com a vantagem de não possuírem sabor acentuado demais em suas composições.

Aliadas ao emagrecimento

As farinhas funcionais possuem altos níveis de fibras, fazendo com que seu intestino funcione corretamente e a vontade de comer fora dos horários de refeições diminua. Assim, facilita o emagrecimento e o ganho de massa magra. Mas é sempre bom lembrar que estas farinhas devem ser acrescentadas em pratos que já fazem parte de uma dieta balanceada. Se forem inseridas a um bolo de chocolate, por exemplo, não farão muita diferença na contagem de calorias.

Os principais benefícios dessas farinhas são a redução do colesterol e dos níveis de glicose, o regulamento do intestino e a aceleração no processo de emagrecimento.

As farinhas funcionais

A seguir, confira uma lista com as 10 farinhas mais em alta no momento e suas principais funcionalidades:

Farinha de linhaça: Previne doenças cardiovasculares, melhora a circulação sanguínea e alivia até mesmo sintomas de TPM e menopausa.

Farinha de aveia: Excelente para quem tem intestino preso, esta farinha é amiga do coração, reduz o colesterol e proporciona muita saciedade.

Farinha de chia: Com alto poder antioxidante e com níveis acentuados de proteínas e ômega 3, esta farinha é ideal para consumo em iogurtes e tortas, por exemplo.

Farinha de quinoa: Grão riquíssimo em vitaminas e proteínas que auxiliam o metabolismo. A quinoa também tem ação cicatrizante, analgésica e anti-inflamatória, fortalecendo o sistema imunológico.

Farinha de feijão branco: Seus benefícios incluem inibir a digestão de carboidratos e absorver o mínimo possível de açúcares no organismo.

Farinha de beringela: Esta farinha incrementa qualquer receita devido a sua associação ao emagrecimento, reduzindo gorduras do sangue.Usada há tempos pelo “povo da roça”, a farinha de berinjela é dos alimentos mais utilizados em dietas para perder peso. Sem gordura, zero de colesterol e com apenas 20 calorias a cada 100 gramas, o consumo de apenas uma fatia já fornece 10% das nossas necessidades diárias de fibras. Quanto maior o consumo de fibras, menor o acúmulo de gordura visceral, aquela que fica entre os órgãos abdominais – e que vão formar o famoso pneuzinho. Genial, não?A eficácia é comprovada, mas a quantidade necessária é absurda. Consumir mais de 10 gramas por dia durante um ano reduz um pouco menos de um centímetro de barriga. Pois a busca por uma forma concentrada chegou ao fim. Para contar com a maior concentração possível das fibras da berinjela, nada melhor que sua forma em farinha;A farinha de berinjela possui 40% de fibras solúveis em sua composição. Por isso, é 100% funcional, já que as fibras geram saciedade, diminuindo a fome e evitando a compulsão alimentar. Estudo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) mostrou que mulheres que consumiram esse alimento tiveram redução comprovada na gordura abdominal.Mas, atenção! Para gerar o efeito que você quer a suplementação com farinha de berinjela deve estar associada a uma dieta equilibrada e a prática de atividade física, como a corrida,ginástica localizada ou outra atividade aeróbica.Outras vantagens interessantes, é que a farinha de berinjela controla a compulsão por doces, pois ao evitar o pico glicêmico, prevenindo a queda brusca de glicose no nosso sangue. Além de ser boa para diabéticos, uma vez que produz maior quantidade de insulina, tornando mais resistentes alguns órgãos do nosso corpo. Por ser rica em antioxidantes, a casca da berinjela deve sua coloração arroxeada aos flavonoides chamados de antocianinas. Elas protegem nosso organismo de doenças cardiovasculares, câncer, diabetes, infecções virais e obesidade, devido a sua ação antioxidante, que protege o DNA das células e evita inflamações. Ao que tudo indica e alguns estudos comprovam, quando a farinha de berinjela é feita com a casca, ela preserva esses nutrientes, colaborando dessa forma para a nossa saúde.

Farinha de banana verde: Seu consumo ativa o sistema imunológico, evitando diversas doenças. Além disso, ajuda na digestão, regula os índices glicêmicos do sangue e reduz o inchaço corporal.Ver post anterior sobre a Biomassa de banana verde.

Farinha de maracujá: O maracujá em forma de farinha irá diminuir níveis de colesterol e prevenir o diabetes. Um dos maiores benefícios das farinhas de fruta é que em seu preparo, é utilizada toda a fruta, incluindo casca e sementes, assim, garantindo as vitaminas proporcionadas pelas frutas em sua totalidade.

Farinha de uva: Responsáveis por prevenir o envelhecimento celular, essa farinha é uma forma natural de manter a pele um pouco mais jovem e bonita. Seu consumo também diminui as chances de contrair doenças degenerativas e melhora a circulação sanguínea, combatendo varizes e artrite.

Farinha de coco: Ótima opção para bolos e pães por manter o aroma suave do fruto. Além disso, é rica em fibras, auxilia a digestão e reduz riscos de ter diabetes no futuro.

Farinha de laranja amarga:Essa farinha é rica em citrus aurantium que é um composto que ativa e acelera o metabolismo! Por ser rico em fibras, melhora o intestino e diminui a absorção de açúcar e de gordura também! Para um melhor aproveitamento, é bom colocar antes da atividade física, na fruta, no suco ou em qualquer receita pré-treino;O processo de fabricação da farinha, em geral, inclui a casca e outras partes das frutas além da polpa, que é o que normalmente comemos (dois exemplos clássicos disso são a banana e a laranja). Com isso, a concentração de fibras costuma ser maior, e isso é boa notícia na certa. Oferecendo saciedade e melhorando o trânsito intestinal. Além, de modular o açúcar no sangue, o que promove a secreção de insulina de forma eficaz, e também reduz o colesterol total.

Farinha de amora:A farinha de amora é elaborada por meio de um processo no qual a fruta é desidratada e depois moída. É interessante que a amora seja seca em temperaturas baixas, assim evita-se a perda nutricional.Este alimento se destaca por contribuir para a perda de peso por ser rico em fibras solúveis. Além disso, ele tem ação antioxidante por ser rico em antocianinas, substâncias que agem combatendo os radicais livres do organismo e assim previnem o envelhecimento e doenças como o Alzheimer, doenças cardiovasculares, entre outras;A farinha também é rica em vitaminas; especialmente a K e a C, sais minerais, como o potássio, selênio e zinco, e fibras. Este último é muito interessante, pois proporciona o melhor trânsito intestinal e é o responsável pelo alimento ser capaz de ajudar no emagrecimento. Por possuir maior quantidade da fruta e não conter água, a farinha é mais calórica. Enquanto 25 gramas da fruta contam com 10 calorias, a mesma quantidade da farinha possui aproximadamente 32,5 calorias. Porém, ela também conta com grandes concentrações de nutrientes como ferro, que contribui para prevenir anemia, e cálcio, importante para a saúde dos ossos e dentes.
 O potássio, interessante porque ajuda no equilíbrio da pressão arterial, o magnésio, que atua no sistema nervoso combatendo o estresse e melhorando a absorção do cálcio, e o selênio, que tem ação antioxidante, estão presentes na farinha de amora. O alimento também possui boas concentrações de vitamina C, que contribui para tornar o organismo mais resistente à infecções, e vitamina K, que é fundamental para manter os ossos saudáveis e também atua no processo de coagulação sanguínea.
Assim como a fruta, a farinha conta com altas quantidades de flavonoides, especialmente a antocianina. Estas substâncias possuem uma forte ação antioxidante evitando a formação de radicais livres.
Outro ponto interessante do alimento é que ele possui grandes quantidades de pectinas, uma fibra solúvel que proporciona uma série de benefícios como a saciedade, absorção de gorduras e melhora o trânsito intestinal. Existe a possibilidade da farinha perder alguns nutrientes, caso a desidratação da fruta seja feita em uma temperatura elevada.
Farinha de arroz :A farinha de arroz é a principal substituta da farinha de trigo nas receitas porque proporciona o espessamento da massa, assemelhando a textura de ambas as massas. Prefira a versão de arroz integral. Ela garante mais nutrientes como fibras e vitaminas do complexo B. Alguns estudos mostram a presença de compostos como o ácido fítico que ajudaria na prevenção do câncer;Porém, é preciso moderação, pois o ácido fítico também pode diminuir a absorção de vitaminas e minerais. Crianças e idosos, que precisam de aproveitamento máximo dos alimentos, devem ter atenção no consumo. A farinha de arroz possui 4,5 vezes menos gorduras totais do que a farinha de trigo, a primeira tem 0,3 gramas por porção de 100 gramas, enquanto a segunda possui 1,4 gramas para cada a mesma proporção. A farinha de arroz misturada com outros alimentos consegue substituir a farinha de trigo em todas as preparações.
Farinha de amaranto;Apesar de ser novidade para gente, a pequena semente de amaranto é cultivada há mais de 5.000 anos no México e em países das Américas Central e do Sul. Também é consumida em regiões da África e da Ásia. Sua farinha, muito rica em proteína e óleo, pode ser combinada a outras para enriquecer receitas de pães e bolos.O amaranto é um cereal rico em proteínas de alto valor biológico, minerais como cálcio, fósforo, potássio, vitaminas e aminoácidos essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Seus muitos benefícios se estendem aos mais diferentes perfis e necessidades específicas.O alto valor protéico – de 14 a 20% a mais, quando comparado a outros cereais – e de minerais atuam na manutenção e no aumento da massa magra em atletas e esportistas amadores, além de contribuir para a diminuição do colesterol e a prevenção de doenças cardiovasculares, osteoporose e câncer na população de idosos e adultos em geral.Rico em cálcio, o amaranto pode ser utilizado como substituto do leite animal, sendo indicado para crianças e pessoas com intolerância à lactose. O alimento também funciona como uma ótima opção de variação nutritiva no cardápio dos celíacos, além de atuar no controle da glicemia em diabéticos, graças à alta concentração de fibras alimentares – maior do que as encontradas na aveia, milho e trigo.É sugerido o uso com shakes, iogurtes, frutas amassadas, sopas e no preparo de doces, pães, bolos, empanados e pizzas doces.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre essas farinhas funcionais e seus principais benefícios, experimente incrementá-las em sua dieta. Certamente elas potencializarão sua saúde e autoestima. Só não esqueça de consultar seu nutricionista, ele te indicará a melhor maneira de introduzir essas farinhas em sua alimentação.

Como fazer as farinhas

– Para a farinha de amêndoas: Bata as amêndoas cruas no liquidificador ou processador (se for em lascas, mais fácil ainda)

– Para a farinha de Linhaça ou Chia: Bata as sementinhas até virar farinha.

– Para a farinha de coco: Se você tiver coco em flocos, é só bater o liquidificador para que fique mais fino.
– Farinha de feijão branco: Lave bem o feijão (a quantidade que você quiser fazer) e seque bem com um pano limpo ou guardanapo, ou ainda ao sol (não coloque no forno porque as propriedades “emagrecedoras” podem se perder. Coloque até 250 g por vez no liquidificador e peneire. Não é recomendado guardar a farinha por mais de 30 dias.
Ela tem uma glicoproteína que impede a absorção do carboidrato e ajuda seu corpo a metabolizar melhor o carboidrato de outros alimentos e até mesmo, diminui a absorção do que vc está ingerindo.
– Farinha de maracujá: Deixe as frutas de molho por 15 minutos em 1 litro de água com 1 colher (sopa) de água sanitária. Depois, lave-as em água corrente e retire a polpa. Corte as cascas em tiras e leve ao forno médio por meia hora. Após esfriar, bata no liquidificador até virar farinha.

– Farinha de grão de bico: Deixe a quantidade desejada de grão de bico de molho em uma bacia com água por uma noite. Depois disso, retire da água e deixe secar – se quiser, pode secar no forno para acelerar e facilitar o processo. Então, bata no liquidificador até que vire farinha.

E na cozinha de Monicavox…

Farofa Funcional de Farinha de Feijão Branco
sem glúten, sem trigo
Ingredientes:
2 colh de sopa (cs) de farinha de semente de linhaça
2 cs de farinha de feijão branco
2 cs de farelo de arroz
2 cs de gergelim torrado e triturado
1 xic de chá de castanhas variadas trituradas em pedaços
1 cs de semente de melão torrado e triturado ( essa não encontra pra vender, tem que fazer em casa)
 
Modo de Preparo:
Torre todas as sementes e as castanhas por 15 min em forno médio. Triture no liqüidificador separadamente. Misture com as outras farinhas e coloquei na salada ou no iogurte de leite de côco.
Benefícios: diminuição o índice glicêmico e da absorção de carbohidratos.
 Suco Anti-gordura:

Ingredientes:
1 fatia de mamão
1 colh de sopa de farinha de maracujá
1 colh de sopa de farinha de linhaça
4 ramos de salsinha
1 copo de água

Modo de Preparo:Bata tudo no liquidificador.Pode tomar no desjejum ou a noite, porque funciona como estimulante do fígado tb ( a gordura fica lá).
Bolo de laranja funcional de Farelo de Aveia
sem trigo, sem ovo e sem leite
Ingredientes
1 xícara de farelo de aveia
4 colh de sopa de agave
1 xic de suco de laranja
2 colh de sopa de óleo de coco liquido
2 colh de sopa de farinha de chia hidratada na água – vai formar uma pastinha)
1 colh de chá de fermento.
Coloque tb uvas passas a gosto; Eu coloco bastante porque adoro….

Modo de Preparo:
Misture tudo e coloque nas forminhas de silicone, 25 a 30 min no forno quente. Delicia!! Esse bolinho é ótimo para quem tem colesterol alto, pra um pré ou pós-treino (depende) e para quem quer aumentar a imunidade e para quem quer queimar gordura!

Receita de pão de amêndoas

Ingredientes:

1 1/2 xícara de farinha de amêndoas*
1/4 xícara de farinha de linhaça dourada*
3/4 xícara de polvilho doce
1 colher de chá rasa de sal
1 colher de chá rasa de açúcar demerara ou de coco
1 colher de sopa de fermento biológico seco
4 ovos
3 colheres de sopa de leite de coco

*Não tem farinha de amêndoas e nem a de linhaça, ou achou carinho pra comprar? Faz! É só bater tanto as amêndoas quanto a linhaça no liquidificador até que vire farinha. 😉

Modo de preparo:

Em um recipiente, misture todos os ingredientes secos. Bata no liquidificador os ovos e o leite de coco. Despeje  esta mistura sobre os secos com uma colher e misture bem. Despeje na forma de pão untada e leve ai forno alto pré-aquecido em temperatura alta por 5 minutos e depois abaixe para 180ª por mais 30-40 min.

Nota do Monicavoxblog;Aqui, vale fazer o teste do palito pra ver se está assado ou não. E, quem quiser, pode colocar castanhas moídas que fica muito bom.O pão não cresce muito e a receita dá um pão pequeno. Mas é um pequeno que vale muito a pena.

BOLO DE LINHAÇA COM BANANA E AVEIA

Ingredientes: 

  • 1 ½ xícara de aveia em flocos finos
  • 2 xícaras de açúcar de coco
  • 4 ovos
  • 3 a 4 bananas nanicas bem maduras
  • 1 xícara de óleo de linhaça
  • 1 ½ xícara de farinha de linhaça marrom
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • uma colher de sopa de canela

Modo de preparo:

Amasse bem as bananas, misture os ovos e óleo de linhaça. Junte os demais ingredientes até formar uma massa homogênea. Coloque em uma forma untada e leve para assar em forno pré aquecido em uma temperatura a 180 graus por aproximadamente 40 minutos. Após assado polvilhe com canela.

Visão pessoal…

Há tempos que se fala a respeito das pessoas que tem intolerância ao glúten (tanto da farinha de trigo quanto da de centeio); e com isso vem a dificuldade de encontrar alimentos que sejam isentos de tal ingrediente. Mas vamos concordar com uma coisa. Tem certos alimentos que nos fazem falta em nossa dieta; como por exemplo, pães, bolos e outros carboidratos deliciosos que se deve abrir mão e fechar a boca.A principal função dаѕ farinhas funcionais é о regulamento dо intestino. Quаndо еѕѕе órgão trabalha normalmente, ajuda а diminuir о colesterol е оѕ níveis dе glicose. Porém, ѕó аѕ farinhas nãо ѕãо suficientes раrа trazer todos оѕ benefícios. O ideal é consumi-las junto аѕ refeições.Aѕ farinhas funcionais nãо mudam о sabor dоѕ alimentos, dessa forma podem ѕеr adicionados а sopas, caldos, frutas, vitaminas, iogurte vegano оu outro alimento dе ѕuа preferência.O mais importante é saber que podemos utilizar coisas da natureza para a nossa saúde e nos libertar dos ditos alimentos industrializados, que minam o corpo físico e alteram nosso paladar natural, já que nosso corpo reconhece tudo o que a natureza produz…e agradece nos tornando mais fortes, mais conscientes de nós mesmos e do nosso meio ambiente e mais felizes….nossas células, agradecem……..

Inspiração….

POTENCIAL FUNCIONAL E NUTRICIONAL DE FARINHAS

efeito de alguns parâmetros operacionais nas … – Teses USP

ELABORAÇÃO DE PÃES COM PROPRIEDADES FUNCIONAIS

PROPRIEDADES FUNCIONAIS TECNOLÓGICAS DE FARINHAS …

maracuja – um alimento funcional.pdf – Nutrição em foco

Avaliação das propriedades gelificantes da farinha de chia

Qualidade Microbiológica de Farinhas de Linhaça Dourada e Marrom

literatura de farinha de berinjela – Naturell

Farinha de arroz e derivados: alternativas para a cadeia produtiva

Monicavox

Recomendo…

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre farinhas

 

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre farinhas funcionais

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre farinhas funcionais

 

Anúncios

Um comentário em “A Cozinha de Monicavox-Farinhas Funcionais….com receitas…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s