Minhas matérias & opiniões….

Inversão dos pólos pode acontecer a qualquer momento…estamos preparados?

A Terra é rodeada por um campo magnético, uma espécie de força invisível que protege a vida da radiação solar nociva, desviando partículas carregadas.No entanto, longe de ser constante, este campo está em constante mudança. A história do nosso planeta inclui pelo menos várias centenas de inversões magnéticas globais, nas quais os pólos magnéticos norte e sul trocaram de lugar.

Então, quando será a próxima e como isso afetará a vida na Terra?

 

O que é a inversão

Durante uma inversão, o campo magnético assume uma forma mais fraca e mais complexa. Pode cair para 10% da sua força atual e ter ambos os pólos magnéticos no equador, ou mesmo a existência simultânea de múltiplos polos magnéticos “norte” e “sul”.As inversões geomagnéticas ocorrem algumas vezes a cada um milhão de anos, em média. Porém, o intervalo entre as inversões é muito irregular e pode variar até dezenas de milhões de anos.

Também pode haver inversões temporárias e incompletas, conhecidas como eventos, nas quais os polos magnéticos se afastam dos polos geográficos – talvez até mesmo cruzando o equador – para em seguida retornar aos seus locais originais.A última inversão total, a inversão de Brunhes-Matuyama, ocorreu cerca de 780.000 anos atrás….

Riscos

A última inversão temporária, o evento Laschamp, ocorreu há cerca de 41 mil anos. Durou menos de 1.000 anos, sendo que a mudança real da polaridade durou cerca de 250 anos.A alteração no campo magnético durante uma inversão enfraquece seu efeito de blindagem da Terra, permitindo níveis elevados de radiação sobre e acima da superfície do planeta.Se isso acontecesse hoje, o aumento de partículas carregadas chegando à Terra resultaria em riscos maiores para satélites, aviação e infraestrutura elétrica terrestre.

Experiência passada

As tempestades geomagnéticas, impulsionadas pela interação de erupções anormalmente grandes de energia solar com nosso campo magnético, nos dão uma noção do que podemos esperar com um escudo magnético enfraquecido.Em 2003, a chamada Halloween Storm causou apagões na rede de eletricidade da Suécia, exigiu o reencaminhamento de voos e perturbou satélites e sistemas de comunicação.Mas essa tempestade foi menor em comparação com outras do passado recente, como o evento Carrington de 1859, que causou auroras tão ao sul quanto no Caribe.O impacto de uma grande tempestade na infraestrutura eletrônica de hoje não é totalmente conhecido. No entanto, qualquer tempo gasto sem eletricidade, aquecimento, ar condicionado, GPS ou internet teria um grande impacto no planeta, com apagões generalizados podendo resultar em uma interrupção econômica de dezenas de bilhões de dólares por dia.

O que acontece com as pessoas?

Em termos de vida na Terra e o impacto direto de uma inversão em nossa espécie, não podemos prever definitivamente o que acontecerá, uma vez que seres humanos modernos (Homo sapiens) não existiam no momento da última inversão total.Vários estudos têm tentado ligar inversões passadas com extinções em massa, sugerindo que episódios de vulcanismo estendido poderiam ser impulsionados por uma causa comum.Sabemos que muitas espécies animais têm alguma forma de magnetorecepção que lhes permite sentir o campo magnético da Terra, usando isso para auxiliar na navegação de longa distância durante a migração. Mas não está claro que impacto uma inversão total poderia ter sobre essas espécies.

O que está claro é que os primeiros humanos conseguiram sobreviver ao evento Laschamp e a própria vida sobreviveu às centenas de inversões completas evidenciadas no registro geológico.

Podemos prever inversões geomagnéticas?

Uma inversão total dos polos magnéticos está “próxima”. O fato de que o campo da Terra está atualmente diminuindo a uma taxa de 5% por século levou a sugestões de que o campo pode se inverter nos próximos 2.000 anos.Mas fixar uma data exata – pelo menos por enquanto – é difícil.O campo magnético da Terra é gerado dentro do núcleo líquido do nosso planeta, pelo lento agitar do ferro fundido. Como a atmosfera e os oceanos, a maneira como ele se move é governada pelas leis da física.Devemos, portanto, ser capazes de prever a inversão através do rastreamento deste movimento, assim como podemos prever o clima, olhando para a atmosfera e o oceano.

Dificuldades

As dificuldades de prever o tempo além de alguns dias são amplamente conhecidas, apesar de vivermos dentro da a atmosfera, observando-a diretamente.Logo, a previsão de movimentos no núcleo da Terra é ainda mais complicada, principalmente porque ele está abaixo de 3.000 quilômetros de rocha.

Apesar disso, não estamos completamente cegos: sabemos a composição principal do material dentro do núcleo e que ele é líquido. Uma rede global de observatórios e satélites em órbita também está medindo como o campo magnético está mudando.Isso, combinado com simulações numéricas e experiências de laboratório para estudar a dinâmica de fluidos do interior do planeta, está desenvolvendo nosso entendimento a uma taxa rápida. Quem sabe tenhamos uma melhor idéia do que esperar em breve….


Visão pessoal…

Alguns acreditam que o cataclismo global vai acontecer quando os pólos magnéticos da Terra se inverterem. Quando o norte virar o sul, os continentes vão se mover, gerando terremotos massivos, mudanças climáticas e a extinção das espécies.O histórico geológico mostra que os pólos já se reverteram centenas de vezes na história; isso acontece quando grupos de átomos de ferro no núcleo externo líquido da Terra se alinham de maneira oposta, como ímãs orientados para a direção oposta daqueles que estão ao redor.Quando os inversos chegam a ponto de dominar o núcleo, os pólos da Terra se invertem. A última vez que isso aconteceu já faz cerca de 780 mil anos, na Idade da Pedra, e realmente há evidência de que o planeta esteja nos estágios iniciais de mais uma reversão.Mas nós deveríamos mesmo se preocupar com esse evento? Os continentes vão se partir ou estamos preocupados por nada?A mudança mais dramática que pode ocorrer, com a reversão dos pólos, é uma grande diminuição na intensidade do campo magnético.O campo magnético da Terra leva entre mil e 10 mil anos para se reverter, e durante esse processo, ele diminui muito até se realinhar. Não é uma mudança súbita, mas um processo lento, durante o qual a força do campo fica fraca, ele pode mostrar mais de dois pólos durante um tempo, para então ficar forte e se alinhar na posição contrária;Os cientistas dizem que é o enfraquecimento a pior fase para os terrestres. De acordo com John Tarduno, professor de geofísica na Universidade de Rochester, em palavras textuais, diz que um campo magnético forte ajuda a proteger a Terra da radiação solar. Ejeções de massa coronal algumas vezes atingem a Terra;Algumas das partículas associadas às EMC podem ser bloqueadas pelo campo. Com um fraco, o escudo é menos eficiente.As partículas carregadas que bombardeariam a Terra, durante as tempestades solares, iriam cavar buracos na atmosfera, e isso poderia nos ferir .Buracos na cama de ozônio poderiam se formar com a interação de reações químicas. Eles não seriam permanentes, mas poderiam existir durante um até dez anos – o que é significante em termos de câncer de pele.Bem,já aconteceu antes e nós ainda  estamos aqui, então provávelmente vamos sobreviver a próxima inversão. No entanto, não temos idéia do que esperar.Durante a inversão, um evento gradual que leva cerca de mil anos, o campo magnético vai enfraquecer. Sem a proteção que ele oferece, será que a radiação do sol vai nos bombardear? Será que as aves migratórias que dependem do campo magnético vão ficar irremediávelmente confusas?E quando isso vai acontecer?Algumas estimativas dizem que “em breve”, o que, para um geofísico, pode ser nos próximos 10 mil anos…ou pode até começar amanhã.


Inspiração…

Notícias-Revista Galileu

NASA Spacenews-

Ensinamentos pleiadianos

Monicavox


Recomendo…

Resultado de imagem para imagens de livros sobre inversão dos pólos

Resultado de imagem para imagens de livros de gregg braden

Resultado de imagem para imagens de livros de gregg braden

Anúncios

Algumas descobertas arqueológicas realizadas graças ao aquecimento global…..

Resultado de imagem para imagens sobre as pirâmides na antártidaSe o regime de chuvas está descontrolado e o nível dos oceanos está aumentando, pelo menos existe um lado positivo(?) para o aquecimento global.Com o derretimento de geleiras e de outras áreas que antigamente estavam congeladas de forma permanente, objetos há muito tempo enterrados estão sendo expostos. Muitos desses artefatos possuem um valor histórico inestimável e estão em ótimo estado de conservação, já que ficaram bem preservados pelo gelo durante décadas ou mesmo milênios.

Porém, uma vez que alguns desses itens são libertados de seus túmulos gelados e se expõem ao ambiente, eles rápidamente decaem e desaparecem. Cientistas e arqueólogos de todo o mundo estão correndo contra o tempo para encontrar e preservar esses achados antes que eles se percam. A lista a seguir mostra algumas descobertas arqueológicas recentes que só foram possíveis em decorrência do aquecimento global.

Um vírus gigante de 30 mil anos de idade

Inspirados por cientistas que tinham sido capazes de regenerar flores silvestres a partir de sementes de 30 mil anos de idade, dois biólogos franceses, Jean-Michel Claverie e Chantal Abergel, se perguntaram se eles não poderiam fazer o mesmo com um vírus. No que apenas poderia ser descrito como ficção científica, eles não só foram capazes de trazer de volta um vírus de 30 mil anos de idade, congelado, como também fizeram com que o vírus ainda fosse contagiante.

Felizmente para nós, este vírus infecta só amebas, e não seres humanos. Ele também é incrívelmente grande, quase do tamanho de uma bactéria. Ainda mais intrigante é o fato de o vírus ter atacado a célula hospedeira de uma maneira diferente da maioria dos vírus, além de estar quase vazio por dentro, apesar de seu tamanho gigante. Isso foi considerado estranho pelos cientistas, uma vez que os vírus geralmente embalam o máximo possível de material genético em espaços bem pequenos.

Mas você pode estar com uma dúvida bem pertinente: e se este vírus ressuscitado, ao qual nenhum ser humano foi exposto por 30 séculos, conseguir infectar os seres humanos? Poderia ele matar milhões de pessoas que não possuem resistência natural a ele? Parece loucura, mas à medida que mais e mais geleiras derretem, elas libertam todos os tipos de matéria orgânica que durante muito tempo estava congelada. Simplesmente não há como dizer o que pode surgir. Esse “efeito colateral” bem pouco divulgado é especialmente preocupante no que diz respeito ao derretimento das calotas polares. Em breve, haverá pessoas habitando áreas remotas na Groenlândia, por exemplo, que estiveram congeladas durante séculos. O que eles vão perturbar quando começarem a perfurar o solo a procura de recursos naturais?

Musgo antigo

Há aproximadamente 500 anos, a região das Ilhas de Ellesmere, nas proximidades canadenses do Ártico, estava coberta por alguns tipos de musgos e líquens. Estas plantas simples foram, então, enterradas por toneladas e mais toneladas de gelo – e assim permaneceram por centenas de anos. Isso foi até recentemente, quando a grossa camada de gelo derreteu e as plantas emergiram.

Os cientistas que viram essas plantas crescendo no que parecia ser o próprio gelo derretido se questionaram: “Será que essas plantas podem estar vivas?”. Algumas delas tinham coloração marrom e pareciam de fato estar mortas. Porém, outras estavam crescendo novamente, verdinhas. Os pesquisadores recolheram amostras dessas plantas e as levaram para o laboratório com o objetivo de verificar se o musgo seria capaz de sobreviver.

Para a surpresa geral, o musgo conseguiu se regenerar com sucesso e crescer. Mesmo enterradas sob o gelo por centenas de anos, estas plantas permaneceram vivas. As implicações para os cientistas são óbvias: se as geleiras derreterem e expuserem quantidade suficiente dessas plantas há muito tempo adormecidas, elas poderiam ser usadas para recolonizar regiões de climas mais frios…ou podem ter efeitos positivos para a saúde ou medicamentos para doenças….

Antártida;Com o degêlo dos pólos, apareceram as pirâmides….

Até agora, a equipe dos EUA e Europa não divulgou muitas informações sobre sua descoberta, embora algumas fotos vazaram na internet recentemente. Julguem voces mesmos sobre se essas imagens realmente exibem pirâmides artificiais autênticas ou se  elas apenas mostram os topos de montanhas rochosas, mas as imagens são intrigantes e definitivamente garantem que merecem mais pesquisas na minha opinião. Três das imagens são mostradas mais abaixo.

Resultado de imagem para imagens sobre as pirâmides na antártida 

Será possível que a Antártida em algum momento do passado remoto da Terra já foi quente o suficiente, ou em passado recente para realmente ter tido uma antiga civilização que ali viveu? E ainda mais desconcertante é a questão de se uma cultura avançada lá se desenvolveu, e ainda existiriam estruturas ainda restantes que estão enterradas debaixo do gelo, e que só agora com o aquecimento global e o próprio aumento do degelo das calotas polares revelou essas construções piramidais? 
Resultado de imagem para imagens sobre as pirâmides na antártida

 

Além dessas imagens, a equipe de pesquisadores está muito silenciosa com a sua descoberta até que mais pesquisas venham a ser realizadas sobre esses pirâmides. A equipe é composta de oito exploradores dos EUA e de vários países europeus. Duas das estruturas piramidais foram encontrados há cerca de 10 milhas para o interior do continente (mais próximas ao Polo Sul) enquanto a terceira foi encontrada muito próximo à costa. 
Resultado de imagem para imagens sobre as pirâmides na antártida
A equipe de exploradores está atualmente planejando uma nova expedição para alcançar fisicamente pelo menos uma das pirâmides para determinar se ela é natural ou artificial. Nenhum prazo foi dado a respeito de quando esta expedição terá lugar. De qualquer modo, sendo real ou não, isso coloca muita curiosidade sobre o continente gelado, muito se poderia imaginar neste momento e confirma que a Antártica é um dos lugares mais misteriosos do nosso planeta e que gera imensa curiosidade, assim como as pirâmides, cuja construção ainda é um dos mais antigos e poderosos enigmas da nossa história.

Visão pessoal…

Pelas fotos, é possível observar estruturas piramidais no continente gelado, algumas delas obtidas pelo Programa Integrado de Perfuração Oceânica (Integrated Ocean Drilling Program), um projeto internacional de exploração submarina.
Várias hipóteses foram formuladas em torno destas imagens, como a de que a Antártida pode ter oferecido um clima favorável para o desenvolvimento de uma civilização(extraterrestre??) há milhares de anos e que, agora, poderíamos começar a encontrar vestígios disso. Além disso, há também a especulação de que haveria existido o contato(como, se as distâncias eram enormes e não havia comunicação entre elas de uma forma relativamente rápida) de seus habitantes com os de outros lugares do mundo antigo, como México, Egito, Indonésia, e demais localidades onde foram, recentemente, encontradas outras construções, como na Bósnia.Existem várias provas cabais da existência de civilizações muito antigas e com artefatos muito estranhos, que nos remetem á tecnologia alienígena.Em meados de 2016, os cientistas foram capazes de encerrar um mistério que vinha desconcertando arqueólogos desde que Howard Carter encontrou o túmulo do faraó Tutancâmon em 1922. Entre os muitos itens enterrados com o jovem faraó estava uma adaga feita de ferro. Isto era incomum porque a ferragem no Egito 3.300 anos atrás era incrivelmente rara e o punhal não havia oxidado.Um exame com um espectrômetro de fluorescência de raios X, revelou que o metal usado para a adaga era de origem extraterrestre. Os altos níveis de cobalto e níquel correspondem aos de meteoritos conhecidos recuperados do Mar Vermelho;Outro artefato de ferro do antigo Egito foi testado em 2013 e também foi feito usando fragmentos de meteorito. Arqueólogos suspeitavam deste resultado devido a textos antigos que faziam referência a um “ferro do céu”. Agora eles acreditam que outros itens recuperados do túmulo do faraó também foram feitos usando ferro de meteorito.Na realidade, existem inúmeras provas da existência, permanência, influência de alienígenas em nosso planeta e agora, com o estudo em desenvolvimento da Exobiologia,pensávamos que seria preciso procurar por vastas distâncias para encontrar planetas como a Terra;Agora percebemos que provávelmente há outra Terra em nosso quintal, esperando para ser encontrada…Em suma, a idéia de que “o Universo é grande demais para só ter vida em um planeta” ganha mais força a cada dia entre os cientistas, mas,para os despertos e atentos que estudam e se interessam pelo assunto, sabemos que não estivemos nunca sózinhos, muito menos evoluímos da maneira que nos fizeram acreditar nos bancos escolares….Felizmente ou infelizmente, com o aquecimento global ,teremos muitas surpresas que vão aparecer debaixo de toneladas de gelo milenares….

 
Inspiração….
Conclusões do Fórum Mundial de Ufologia-Dez/2016-Realizado em Foz do Iguaçu-Brasil
Los OVNIs de La Antártida- Rubén Morales-Fatos e descobertas perturbadoras sobre ocorrências testemunhadas no Continente Gelado por especialistas que trabalham nas bases de diversos países que pesquisam a região.
Monicavox

Recomendo…
Resultado de imagem para imagens sobre livros a antartica
Resultado de imagem para imagens sobre livros a antartica
Imagem relacionada

A Cozinha de Monicavox -Conheça as combinações que potencializam vitaminas,enzimas,aminoácidos e hormônios para o bom funcionamento do organismo e prevenção de doenças….

Resultado de imagem para imagens de alimentação veganaAcredito que a alimentação vegetariana e natural seja a maior revolução moral-social-genética- da humanidade.È o que vai salvar o homem e o planeta,assim que ele se concientizar dos benefícios, lutará por seu direito de viver e se alimentar, se curar e se espiritualizar de forma a manifestar em si mesmo e no meio ambiente em que vive, toda sua magnitude de um ser de pura luz que é….

Aqui vai algumas dicas saudáveis e receitinhas da minha própria cozinha experimental com anos de testes embasados na Nova Biologia e Genética, que podem mudar por completo o quadro de saúde no mundo, quando bem aplicada e utilizada com consciência alimentar.Garanto que derrubaria a Matrix dominadora que escraviza a maioria das pessoas mais rápido do que qualquer outra estratégia sócio-político-financeira-administrativa…

 

Resultado de imagem para imagens de suco verdePara alcalinizar,desintoxicar e estimular;A mágica do Suco Verde

De manhã voce acorda com uma grande carga oxidante,então o limão vai ajudar a alcalinizar e a vitamina C potencializará a absorção dos nutrientes dos outros ingredientes.A hortelã vai abrir as vias respiratórias oxigenando o organismo.A canela e o gengibre são termogênicos e, juntos são mais biodisponíveis,isto é, mais fácilmente absorvíveis.Já a pitada de pimenta do reino ajudará a poderosa e anti-inflamatória cúrcuma a ultrapassar a barreira intestinal para que seja absorvida.


Receita do Suco Verde Mágico-(para 1 copo)

È mágico porque é alquímico e muda a vida das pessoas….

Ingredientes;

1 limão -2 folhas de couve-1 maçã-2 cm de gengibre descascado-1 colher de café de canela em pó-1 colher de chá de cúrcuma-1 pitada de pimenta do reino-folhinhas de hortelã-3 ramos de salsinha-200ml de água alcalina-

Bata tudo no liquidificador e coe se quiser uma absorção mais rápida.Eu uso a centrífuga.È mais prático, rápido e tomo imediatamente para não oxidar….


Resultado de imagem para imagens de suco rosaPense que tudo o que voce consome passa pelas suas células gerando benefícios ou malefícios.Assim como um alimento tem vários componentes para gerar determinado efeito,a combinação correta de nutrientes e ingredientes de uma receita também é necessária.Nesse suco, o ácido láurico do côco vai estimular a função da tireóide e gerar energia, além de reduzir a obesidade e os sintomas relacionados á problemas cardio-vasculares, menopausa e TPM, entre outras doenças.A beterraba contém nitratos que são vasodilatadores e vão levar mais nutrientes e oxigênio aos músculos e betaína,que vai diminuir a fadiga muscular, acelerando a recuperação e aumentando a força,reduzindo a inflamação da musculatura.Excelente para quem pratica exercícios físicos.

Suco da vida cor de rosa (para 1 copo)

Só a cor já estimula os 5 sentidos…

Ingredientes;

1/2 beterraba-1/2 maçã-1 rodela de gengibre fresco-1 colher de café de canela-10 folhas de hortelã-1 colher de chá de cúrcuma em pó-1 pitada de pimenta do reino-1 copo de água de côco-1 colher de café de óleo de côco-

Bata tudo no liquidificador e coe se quiser uma absorção mais rápida.Eu uso a centrífuga.È mais prático, rápido e tomo imediatamente para não oxidar….


Resultado de imagem para imagens de TEMPEROS MÁGICOSTEMPEROS MÁGICOS….

A combinação e a dose certa de temperos e especiarias pode determinar o sucesso de uma receita e do benefício que ela traz.Muitas vezes contém muito mais nutrientes que os outros ingredientes;São poderosos antiinflamatórios, antioxidantes,calmantes, estimulantes,antibióticos, cicatrizantes, anticancerígenos….Sou muito fã de todos e tenho inúmeros livros sobre eles.A combinação de um ou mais temperos ou especiarias pode potencializar e aumentar a absorção da receita toda….

Especiarias como a canela, que é um potente antiinflamatório,o coentro em pó,que é diurético,estimulante e também antiinflamatório,o cardamomo-grande antisséptico, analgésico,diurético,digestivo, expectorante-a cúrcuma, um dos maiores anticancerígenos naturais;quando combinada com pimenta do reino, aumenta em mil vezes o efeito- o gengibre, o rei das raizes mágicas,pois retarda a absorção dos açúcares e amidos, dá saciedade e ajuda a queima de gordura;quando combinado com a canela, os dois ficam muito biodisponíveis e suas propriedades ficam potencializadas; o maravilhoso capim-santo, que é um calmante natural e desintoxicante;a hortelã, milenar, ajuda a conservar o colágeno da pele, trata dos pulmões,estômago e é um antiinflamatório poderoso.Sem contar o orégano, o manjericão e a salsinha, tudo a ver com o nosso molho de tomate italiano natural, aquele que leva um tempo para fazer, com tomates orgânicos e sal rosa….um manjar dos deuses…os três são antiinflamatórios,antioxidantes e antifúngicos.Eu também costumo usar em uma ótima salada de tomates frescos com queijo tofu e azeitonas pretas,que é melhor que cozinhá-los juntos pois sempre perde um pouco dos nutrientes, mas mesmo cozidos no molho de tomates é infinitamente mais saudável que os molhos prontos cheios de aditivos, açúcar e conservantes cancerígenos….


Resultado de imagem para imagens de jantar simplesO jantar é a refeição que as pessoas tem maior dificuldade,pois não sabem o que comer para não se prejudicar;depois, ainda tem o metabolismo, que reduz muito a velocidade,já que o organismo está no nível mais baixo,se preparando para o descanso.È o momento em que sentimos mais fome,isso porque a produção de serotonina é baixa á noite, e vai dando vontade de comer para preencher a sensação de bem estar.Se voce se alimentou bem durante o dia, essa sensação vai ser menor,então, vai ter menos fome.Assim essa refeição deve ter carga glicêmica baixa e ser bastante antiinflamatória para que as glândulas neuro-hormonais,como a pineal e a hipófise,possam trabalhar melhor em sua potência máxima e produzir, respectivamente,mais melatonina e hormônio de crescimento, que vai restaurar as células e tecidos(musculatura,pele, nervos,ossos, etc).Alguns alimentos, além de não bloquear a produção destes neuro-hormônios, vão estimulá-los.

O chá antes de dormir é um importante fechamento do dia para acalmar o organismo e ajudar a desinflamá-lo com poderosos antioxidantes.Assim voce vai desintoxicar e adormecer melhor, produzir mais melatonina, acordando menos oxidado e inflamado, além de produzir mais serotonina,ter mais energia, bom humor,comer melhor e entrar em uma crescente onda de benefícos….


Resultado de imagem para imagens de chá de alecrimReceita de chá de alecrim com raspas de limão…..

Aquece a alma e o coração….e traz bons sonhos.

Ingredientes;

1 colher de sopa de alecrim fresco ou desidratado-(eu prefiro o fresco,basta ter um vasinho em casa,em uma varanda ou janela, que tenha um pouco de luz e regar um pouquinho por dia)- as raspas da casca de 1 limão tahiti á gosto-(eu sou bem generosa com as minhas)

Em uma chaleira com água quente,aproximadamente 1 xícara e meia-adicione o alecrim e as raspas do limão quando a água ferver, apague o fogo e deixe em infusão por 5 minutos.

Pegue o seu livro favorito e tome seu chá tranquilamente…..


Resultado de imagem para imagens de amarantoOVERNIGHT

Prepare esta delícia na noite anterior e deixe gelar;ela vai fazer voce levantar rápidinho e com fome, só de pensar o que está na geladeira….

Ingredientes;

2 colheres de sopa de chia-1 colher de sopa de amaranto-1 colher de sopa de aveia-1 colher de sopa de açúcar de côco-1 colher de chá de canela em pó-1 colher de café de óleo de côco-1 xícara de chá de leite de côco

Misture tudo em uma tigela e deixe na geladeira por 8 horas-pode comer com as frutas que quiser e funciona bem como café da manhã-não esqueça antes de tomar o suco mágico e só coma depois de 1 hora,pois ele vai fazer um detox em jejum no organismo inteiro,filtrando todos os líquidos e eliminando toxinas.Tome o suco assim que acordar e espere para degustar esta delícia….

Amaranto é uma Excelente Fonte de Proteína Completa: Um dos elementos mais desejáveis do grão de Amaranto é o fato de que ele dispõe de lisina em quantidades muito maiores do que outros grãos (alguns grãos têm nenhuma porcentagem). A lisina é um amino de proteínas essenciais para o corpo humano, o que torna o amaranto uma “proteína completa”. Isto é muito essencial para a saúde, uma vez que proporciona todos os aminoácidos essenciais para criar proteínas utilizáveis dentro do corpo, otimizando assim o metabolismo e assegurando o crescimento e o desenvolvimento adequado. É por isso que para as culturas indígenas e aqueles com acesso limitado a diversas fontes de alimento, este grão representa um componente vital de sua dieta.O coco vem ganhando destaque na cultura do brasileiro pela diversidade de produtos obtidos: água de coco, óleo de coco, coco fresco, coco seco, leite de coco, açúcar de coco e farinha de coco. Estudos recentes mostram inúmeros benefícios no consumo da fruta e de seus subprodutos para promoção da saúde, variedade alimentar e desempenho esportivo.O coco e o óleo de coco são importantes fontes naturais de gorduras saturadas, especialmente de ácido láurico, ácido graxo de cadeia média. Diferentemente das demais gorduras saturadas, os ácidos graxos de cadeia média são rapidamente absorvidos no intestino, transportados pela veia porta para o fígado, onde são rapidamente utilizados como energia. Não participam do ciclo do colesterol e não são armazenados no tecido adiposo.O óleo de coco é extraído a frio a partir da polpa de coco. Classificado como gordura saturada, mas possui consistência líquida devido à predominância de 70 a 80 % da sua composição em ácidos graxos de cadeia média. Quanto maior o grau de saturação mais dura é a gordura, entretanto o óleo de coco é uma exceção por ser fonte principalmente de ácido láurico, um ácido graxo de cadeia média, que pode ser conservado por longos períodos sem necessidade de refrigeração, é resistente à oxidação não enzimática e a temperaturas mais elevadas do que outras gorduras.

Resultado de imagem para imagens de cocoFontes de fibras, sódio, cálcio, magnésio, fósforo, vitamina C, vitamina E, vitaminas do complexo B e aminoácidos L-arginina.

Estudos demonstram benefícios na utilização da polpa do coco e do óleo de coco:
– ação anti-inflamatória
– redução na circunferência abdominal
– aumento da resposta imunológica contra alguns micro-organismos como vírus, bactérias e fungos
– fonte de vitamina C e vitamina E, tendo ação antioxidante


Resultado de imagem para imagens de mel de maçãA opção do mel de maçã para adoçar sucos, vitaminas,chás e yogurt de leite de castanhas ou de côco,sem o perigo do açúcar…

Sabemos o quanto o mel de abelhas e seus derivados são ótimos para a saúde ,muito saudáveis e naturais;porém, existem pessoas que não podem consumi-lo devido á restrições de saúde-apesar de defendermos o não uso de remédios- existem situações crônicas que precisam de acompanhamento médico e temos de encontrar opções que respeitem as proibições.Cada caso é um caso.Então, desenvolvemos um mel de maçã muito saudável com açúcar de côco, que não tem prejuízos para o índice glicêmico…testado e aprovado.

Ingredientes;

1 litro de suco de maçãs-(Para fazer o suco, corte as maçãs e retire as sementes;cozinhe em 1litro de água por quinze minutos-depois bata tudo no liquidificador e coe)-3 colheres de sopa de açúcar de côco-1 colher de sopa de suco de limão siciliano-

Em uma panela ferva o suco de maçã e o açúcar de côco por 10 minutos.Abaixe o fogo e deixe cozinhar por 50 minutos.O tipo de mel que se forma deve cobrir o dorso de uma colher.Desligue o fogo;enquanto estiver quente, estará líquido,depois, vai esfriando e tomando a consistência certa,engrossando.Depois de frio, adicione o suco de limão e misture.Guarde na geladeira por até 15 dias.Se ficar muito grosso por conta disso, é só colocar um pouco em banho maria e deixar na consistência de sua preferência.Lembre-se que este mel não tem aditivos e tem de ser consumido no prazo recomendado.


Visão pessoal…

Meu conhecimento em biologia, farmácia e bioquímica sempre me impulsionaram a pesquisar muito os alimentos, até porque acredito na saúde pela alimentação;nós definitivamente somos o que comemos, sob todos os aspectos;a alimentação nos influencia demais, pois é usada hoje em dia como controle da massa populacional, inconscientes ainda dos perigos que isso representa para a raça humana como um todo.Não aceito que ainda sejamos cúmplices desta indústria de venenos, crueldade, doenças e manipulação midiática sobre o que é bom para nós, o que nos deixa satisfeitos e felizes.Lendo e estudando muito sobre o assunto, sob o ponto de vista da Nutrologia, da Bioquímica, da Genética e da Fisiologia Humana e agora, sob o ponto de vista da Neurociência,descobri algo muito mais importante que a herança genética;os hábitos errados herdados de família e de uma sociedade doente;são esses hábitos e costumes que acionarão o gatilho para uma doença herdada….ou não herdada.Podemos mudar nosso código genético-veja os posts sobre Epigenética aqui no blog-e influenciar as gerações futuras com isso.E toda essa informação está baseada na alimentação correta e natural,equilibrada e integral.Hoje , 70% das doenças são originadas em maus hábitos alimentares.As pessoas estão se envenenando, muitas vezes conscientes disso, mas incapazes de tomar uma decisão que mudará suas vidas para sempre.Convergi informações para que pudesse ter esse quadro, venho testando receitas há anos para chegar em sabores e texturas que alimente e dê o prazer que tanto gostamos, mas sem a ameaça que sofremos quando não sabemos o que comemos;Incomoda-me profundamente ver pessoas doentes por falta de informação em tudo, mas alimentação é básico e muitos dos nossos processos evolutivos estão ligados aquilo que consumimos , pois nosso corpo é nosso templo e campo de provas físico;Temos de deixar de sermos reféns desta indústria criminosa  deste marketing de valores distorcidos.Então, continuo apostando cada vez mais neste tipo de alimentação, que vem crescendo em simpatizantes, cansados de não ter resposta na medicina tradicional e de viver dependente da indústria farmacêutica.Descobri que podemos ter mais do que saúde;podemos ter uma exuberância em energia, vitalidade, beleza ,alegria e tudo com muita simplicidade,com custos bem atraentes e com mais confiança naquilo que comemos.Um dos benefícios que pude constatar em mim mesma, é que minha glândula pineal passou a trabalhar melhor e a produzir mais serotonina, gerando “picos de felicidade”,êxtases proporcionados pelo meu próprio organismo.Minha produção de melatonina aumentou e produzo mais GH-o hormônio do crescimento, restaurador das células- ao acordar renovada e com muita disposição, ás vezes sinto que vou acender como uma lâmpada….Aguardem mais dicas sobre esse assunto e ainda as seções de beleza ,higiene e sustentabilidade….imperdíveis.


Inspiração…

Documentário sobre alimentação viva-Palestrante Convidado: Profa. Ana Branco – Professora de designer e pesquisadora da PUC/RJ, desenvolvedora do Projeto BIOCHIP que estuda e ensina técnicas para utilização de alimentos vivos, orgânicos e amornados. Tema da Palestra: “Alimentação Viva e Grãos Germinados – Fortalecimento da imunidade através dos vegetais”

CONCEITO DE ALIMENTO NATURAL E ALIMENTO INDUSTRIALIZADO: UMA ABORDAGEM SÓCIO-COMPORTAMENTAL-Vivian Ribeiro de Oliveira (UFPR)-Maria Claudia Mancuelho Malta (UFMS)-Dario de Oliveira Lima Filho (UFMS)

Monicavox


Recomendo….

 

Resultado de imagem para imagem sobre livros sobre cozinha natural

Imagem relacionada

 

Imagem relacionada

Resultado de imagem para imagem sobre livros sobre cozinha natural

As 7 Iniciações da Ascenção….

Imagem relacionadaA palavra ascensão em sua origem nos traz a idéia de subir, ascender, ir para cima. No contexto espiritual ascensão significa libertação, cura e transformação.Quando descemos do Plano Astral para o Planeta Terra, nosso aspecto espiritual, mental e emocional busca a cura de pensamentos, sentimentos e emoções que ainda nos prendem aqui nesse Planeta Denso. Essa densidade nos atrai magneticamente, como se fosse um ímã de acordo com tudo aquilo que não conseguimos curar em vivências anteriores. Então um corpo físico é gerado e “recheado” de pensamentos, sensações, sentimentos, emoções, energia espiritual e muitos outros sentidos para que possamos cumprir nossa missão espiritual de melhorar e curar tudo o que não está de acordo com nossos princípios celestiais.Alguns espiritualistas referem a Terra como um Planeta-Escola porque aqui temos os testes e provas necessárias para completar nosso aprendizado e seguirmos evoluindo em planos mais sutis.Aqui estão alguns objetivos da “escola “que nos levará á formatura,ou seja, a Ascenção;

1. Conhecer os princípios da matéria, dominá-los e superá-los conscientemente. A primeira iniciação é recebida no momento do nascimento da vida física. A lição básica da primeira iniciação, está relacionada a compreender a vida humana como deve ser vivida, de uma forma saudável e equilibrada. Todos os vícios negativos são abandonados. A adaptação completa ao meio físico é também um pré-requisito fundamental, para a conclusão da primeira iniciação.

2. Eliminação do desejo material, assimilação dos princípios de causa e efeito, reconhecimento do sentimento divino dentro de si, discernimento básico da visão da essência espiritual e material. O recebimento da segunda iniciação é marcada pela fusão com o corpo astral ou emocional. Neste nível, o iniciado passa a controlar melhor as suas próprias emoções e começa a abandonar, pouco a pouco, muitos vínculos materiais que não mais servirão para o seu futuro desenvolvimento ascensional. Nesta fase, uma maior consciência da responsabilidade com o caminho espiritual começa a surgir, bem como o despertar para a necessidade de sentir, intuir e ouvir a voz interior, desligando-se assim de tradições, regras e tabus impostos pela sociedade, que antes influenciavam todos os atos e pensamentos de sua vida.

3. Reconhecimento gradativo da presença do Eu Superior, e da voz do Eu Superior falando através da consciência. Domínio completo sobre as leis de formação de pensamentos construtivos e destrutivos. Domínio completo sobre as leis da mente. Necessidade de edificação de bases crísticas na vida cotidiana, nos pensamentos, atitudes, e na forma de conduzir a missão que foi proposta à alma, na atual jornada. É na terceira iniciação que ocorre a fusão com o corpo mental, o que explica de certa forma porque ocorre um maior desenvolvimento do potencial mental. A tendência é que a freqüência cerebral aumente consideravelmente. Os pensamentos tornam-se incrivelmente mais acelerados, e a mente se torna mais eficiente na resolução de problemas complexos da vida cotidiana ou mesmo espiritual.

4. Fusão completa com o Eu Superior. Renúncia completa ao mundo material, caráter, reputação, status social, amigos, dinheiro e ao padrão de vida tradicional. A pessoa não deixa de atuar no mundo físico, mas está completamente desligada e desvinculada de qualquer  prisão ao mundo material. A experiência da fusão com o Eu Superior é extremamente importante na caminhada da ascensão. É um dos passos fundamentais para o aprimoramento do discípulo para que possa melhor servir à humanidade, embora muito ainda tenha a adquirir, em termos de conhecimento e sabedoria, para que se torne ascenso e possa deter um conhecimento completo sobre sua própria natureza.

5. A quinta iniciação pode ser considerada um estágio preliminar da ascensão. Quando a Presença Divina consegue penetrar e preencher de Luz os nossos corpos físico, emocional, mental, espiritual e átmico (fusão com o corpo átmico), tal fato pode ser simbolizado como encher plenamente uma taça com o líquido sagrado que, podemos dizer, seria o amor, poder, sabedoria, energia e Luz Divina. Quando a taça transborda deste líquido sagrado, é porque, enfim, conseguimos estabelecer na Terra um perfeito receptáculo de energias divinas e sutis. Este receptáculo, podemos dizer, é o próprio Cálice Sagrado. Nenhuma outra forma de energia que não seja amor, pode ser emanada de nossos corpos, que começam gradativamente a se transformar em Corpos de Luz. Quando lembramos da palavra cálice, uma das referências é o cálice da flor. A libertação da consciência é semelhante ao brotar de uma flor, a flor de lótus. Podemos dizer, portanto, que o cálice é o elemento que fornece o suporte para a descida da Consciência Divina. Quando o corpo de manifestação se transforma num cálice, ele está se preparando para recepcionar a Consciência do Cristo, do Eu Eterno, que é a nossa Mônada. Esta recepção ocorre a nível consciente, no evento da sexta iniciação. Beber o líquido do Cálice Sagrado, esotericamente, significa receber segredos ocultos. Existem outros elementos iniciatórios que se precipitam na quinta iniciação, dos quais apenas o discípulo poderá ter conhecimento. Ele poderá tomar conhecimento destes elementos através de revelações, sonhos, e situações de grande intensidade energética no mundo material, como viagens a lugares específicos, o encontro com uma pessoa que poderá lhe revelar algo, ou então alguma outra forma de revelação. Preste muita atenção nisto. Esta revelação está intrinsecamente relacionada ao fator pelo qual você veio à esta encarnação. Procure descobrir se trata-se de um elemento kármico, ou se é apenas alguma chave importante que definirá qual é o seu caminho e missão a cumprir na atual existência.

6. A ascensão é um acontecimento maravilhoso. No mundo espiritual, acontece uma grande cerimônia com os Mestres Ascensos, onde nos encontramos rodeados por todos eles, bem como por inúmeros seres angelicais e da hoste ascensionada. Neste outro mundo, que na verdade é um estado de consciência, os poderes da consciência se tornam teóricamente ilimitados.  Tudo seria perfeitamente puro, e dentro do mais perfeito princípio de amor universal. Isto é algo conseguido com o tempo, com o trabalho e principalmente pelo desejo de ser útil na evolução do planeta e de seus habitantes. É uma questão de aprimoramento, de canalizar da mais perfeita forma, todas as energias provenientes da mônada. Este é um processo que perdura até um certo nível antes de adentrar a sétima iniciação.

7. A sétima iniciação está relacionada com o contato com a sexta dimensão, a dimensão da graça divina. Neste ponto, o Mestre Ascensionado já adquiriu e tomou plena posse de todas as suas habilidades como mestre de sua própria natureza. É nesta iniciação, em estágios mais avançados, que se torna possível realizar o teletransporte, bilocação, materialização e desmaterialização de tudo aquilo que se necessita, bem como outras inúmeras faculdades. O sentimento de plenitude é total. A luz que o nosso corpo irradia é praticamente perfeita, e gradativamente começa a permear os níveis mais profundos dos corpos físico, astral, mental, espiritual, átmico e monádico, revelando assim, ao discípulo, todos os conhecimentos, talentos e habilidades provenientes de cada um destes planos de consciência, que antes estavam sendo ocultados pelo véu do maia. Uma característica importante da sétima iniciação é o reconhecimento do verdadeiro significado da graça e da bênção divina. Deste ponto em diante, o Mestre Ascensionado evoluirá somente através da graça, e não mais pelo karma. A sétima iniciação é também representada pela ressurreição – a morte definitiva da personalidade para o plano terrestre, a completa libertação da roda de reencarnações, e o renascimento para a luz eterna e infinita de Deus. A partir deste nível, a única razão pela qual a alma permanece encarnada no corpo físico, é o serviço à humanidade. Não existe mais nenhum aspecto que possa aprisionar a alma ao plano físico, e ela passa a servir exclusivamente aos planos superiores e, sobretudo, à Vontade de Deus. A sétima iniciação é a última que pode ser conseguida no plano físico. As iniciações posteriores somente podem ocorrer depois que a alma abandonar o plano físico.


Imagem relacionadaVisão pessoal…

A missão maior de todos os seres é a busca de sua ascensão espiritual. É um anseio da alma. A veste física, a matéria densa e os prazeres advindos da mesma acabam mascarando essa necessidade. O ego comanda o espetáculo e leva o homem à busca do prazer e do ter, esquecendo o ser e o espírito. Muitos se vinculam a uma religião e freqüentam seus templos de corpo presente e alma ausente, numa atitude meramente social. Mas é preciso repensar, refletir sobre essa atitude, pois atualmente, o processo de ascensão planetária está cada vez mais abrangente. Urge que despertemos para essa realidade que não tem mais volta. Nosso processo de evolução está vinculado ao da Terra. Afinal somos Um Todo, somos todos um e formamos um organismo único que precisa caminhar junto. O que vem a ser Ascensão Espiritual? Ascensão é elevação, crescimento, aumento. De quê? Da freqüência vibratória dos nossos corpos sutis e energéticos. Para quê? Para tomarmos consciência de nossa natureza divina, mudar nossa maneira de ser e auxiliarmos nossos irmãos encarnados, e consequentemente todo o planeta, a também mudar. Com o aumento da nossa freqüência vibratória, entramos em sintonia com o acelerado processo de ascensão planetária para se formar a sonhada Nova Terra. Como se dá a Ascensão Espiritual? Gradualmente, através de Iniciações. Essas Iniciações necessitam de um ritual? Não, necessáriamente. Necessitam que você esteja presente, consciente e consiga receber o quantum energético que lhe está sendo direcionado. Durante as Iniciações, grandes limpezas cármicas são efetuadas e diversos aspectos oriundos desses carmas são, então, curados. Temos o livre‐arbítrio; Evolução é ganho consciencial, é abertura de visão e demais sentidos… A Iniciação pode se dar, também, através de tudo que expanda a sua consciência: exercícios de yoga, leituras de certos textos/livros, Tai Chi Chuan, Reiki, práticas meditativas, limpeza energética etc. Cada Iniciação traz saltos quânticos evolutivos para o espírito. Como numa escada, vamos degrau a degrau, subindo alguns, descendo outros, mas se elevando e atravessando portais que abrem novas percepções e proporcionam mudanças permanentes no estado energético e vibracional. Com todo cuidado, orando e vigiando para não cair, e perseverando após determinada etapa, chegamos finalmente à Ascensão, à Iluminação.Formalmente, um trabalho de Ascensão Espiritual, segundo o Dr. Joshua David Stone, é um processo iniciático dividido em vários níveis. Cada nível representa o progresso energético atingido pela pessoa. Inicialmente, o Caminho da Provação precede o Caminho da Iniciação que levará o então Aspirante Espiritual à condição de Discípulo e às primeiras cinco Iniciações que antecedem a sexta Iniciação, quando se dá a Ascensão Planetária; então, o adepto torna‐se um Mestre Ascensionado com a fusão da Luz da Mônada ao plano físico. É prerrogativa do adepto permanecer na Terra e continuar em serviço, mantendo o seu corpo físico;Segundo o Dr. Joshua David Stone, ascencionar é transformar‐se no Cristo, é tornar‐se um Buda aperfeiçoado, um Mestre Espiritual plenamente desenvolvido e um ser realizado, a quem a Lei do Carma não mais se aplica pois o adepto está totalmente fundido com o Plano Monádico de Consciência. Para isso é necessário equilibrar pelo menos 51% do Carma de todas as suas encarnações anteriores e ter cumprido com a sua missão no plano terrestre. O Ser, nesse estágio, se liberta definitivamente da Samsara, a roda das reencarnações. Se você se considera um candidato à Ascensão, pesquise sobre seus deveres ascensionais e declare‐se disponível, em meditação, listando e oferecendo suas habilidades e dons e declarando o que quer dar de si para a Ascensão, para a realização do seu Deus Interior e para a Humanidade. Repasse suas experiências espirituais e veja o que ficou por fazer nesta vida. Mas não é apenas isso. Existem 352 níveis de iniciação, ancoramento de corpo de Luz e ascensão até a realização da Fonte/ Deus.

Imagem relacionada“O propósito da vida é a realização do espírito, do Ser, do Cristo, do Buda e de Deus pela alma! Isto é o que e quem nós somos na verdade, mas todos temos de seguir o caminho da Ascensão, iniciação, ancoramento do corpo de luz e ativação e desenvolvimento da consciência para a realização dessa grande verdade!”

I Am University, Universidade dos Mestres Ascensos Integrados


Inspiração…

Toda a obra do Dr Joshua David Stone

Manual Completo de Ascensão – Joshua David Stone

Monicavox


Recomendo…

 

Resultado de imagem para imagens sobre livros do dr stone

 

Resultado de imagem para imagens sobre livros do dr stone

Harmonização e unificação dos aspectos da dualidade

 Resultado de imagem para imagens sobre dualidadeA dualidade é o tema principal, sobre o qual todo conhecimento espiritualista é debatido e analisado através de nossa consciência. Dualidade significa desequilíbrio. Em outras palavras, significa oscilar entre prazer e dor, amor possessivo e ódio, auto-exaltação e humilhação, entre muitas outras coisas. Todos os sentimentos negativos provém da oscilação no mundo da dualidade. Nem é preciso dizer que todos nós, no caminho espiritual, precisamos passar por este tipo de situações. Isto faz parte de nosso treinamento e aprendizado para as iniciações superiores. A nossa atenção deve estar sempre concentrada, sobretudo, no processo de harmonização e unificação dos aspectos da dualidade. O que nós queremos realmente, é nos libertar deste círculo vicioso que é o mundo dual.

Queremos, enfim, encontrar o ponto de total equilíbrio e harmonia com a Fonte/ Deus, bem como em relação a todas as coisas que nos cercam. Esta é uma tarefa difícil e árdua, e não pode ser conseguida sem que se realize um profundo trabalho de consciência neste sentido. Existem muitos elementos do mundo dual dos quais queremos nos libertar, pois que não estão sintonizados com o nosso propósito maior para esta existência. O processo de compreensão da unidade é a chave de todo o processo. As pessoas perdem um tempo incrivelmente grande tentando afastar-se da dor, do ódio, da humilhação, buscando então os seus respectivos pólos opostos, que são o prazer, o amor possessivo e a auto-exaltação de si mesmos. Percebe como nenhuma das características é possível nos agradar, na verdade?

Se queremos viver um amor possessivo, então temos que aceitar a conseqüência para esta nossa atitude, precisamos pagar o preço, que será, quem sabe, um sentimento de ódio que poderá vir a nascer no futuro. Mas nós  não queremos odiar, então porque odiamos? Odiamos porque queremos amar possessivamente. E enquanto não adquirirmos a consciência de que esta é uma forma desequilibrada de amor, estaremos presos a este círculo vicioso da dualidade.

O sofrimento perdurará, até que possamos perceber os nossos próprios erros. As pessoas buscam o prazer na vida. Buscam prazeres materiais. Mas não conseguem entender porque após o prazer, sempre vem a dor. O que as pessoas pensam ser um prazer, na verdade não o é. O prazer é apenas uma outra forma de manifestação da dor, uma forma disfarçada e dissimulada. Prazer e dor são uma coisa só, eles não são elementos separados. Difícil é provar isto para a nossa consciência. Se sabemos que prazer e dor são uma coisa só, porque então não descartamos esta forma de experiência de nossas vidas? Não precisamos mais continuar sofrendo, uma vez que possuímos a consciência da ilusão da dualidade.

Uma vez que abrimos mão do prazer, estamos, assim, evitando a dor. Em breves palavras, é assim que vamos realizando, pouco a pouco, a perfeita integração dos pólos opostos da dualidade, resultando na harmonização de todos os aspectos. Nós precisamos unificar, integrar os elementos, e jamais separá-los. Esta é uma grande Lei Universal.

Enquanto o ego acreditar nos prazeres ilusórios da matéria, ele estará na verdade experimentando a própria dor. Poucos, muito poucos neste mundo, chegam a perceber que o prazer material é, na verdade, uma dor. Poucos sentem esta dor, porque se a dor existe, é porque a consciência superior do ser humano está atuando sobre a sua vida. Este ser humano está, na verdade, a caminho de despertar sua consciência. A dor é o elemento sinalizador de todo o processo. Esta dor é na verdade um sinal de libertação, um renascimento para uma nova realidade, uma realidade divina.

A CIÊNCIA DAS POLARIDADES ENERGÉTICAS

É muito importante compreender, neste campo de estudo, como se comportam as polaridades energéticas, e como funcionam os seus princípios.É preciso explicar, neste momento, que ambas as polaridades representam a oscilação do mundo da dualidade. O bem, é na verdade um bem ilusório; assim como o mal, é na verdade um mal ilusório. Perceba que apesar de opostos, ambos pertencem à mesma linha geométrica, bem como o mesmo centro geométrico. Aí reside a grande chave de todo o entendimento. Se uma pessoa está buscando pelo “bem” (prazer, amor possessivo, auto-exaltação), ela está se afastando do seu centro. Como o “mal” é na verdade uma contraparte do “bem”, então a dor, o ódio e a humilhação serão inevitáveis na vida desta pessoa. É evidente que nenhuma pessoa busca voluntariamente o sofrimento, ou seja, o lado do “mal”. Ele é uma conseqüência da busca pelo “bem”. Agora, junte todas estas informações, e pare por alguns instantes para analisá-las. Certamente você encontrará diversos aspectos da sua vida que se enquadram neste esquema.

Você perceberá exatamente onde é que você está empregando suas energias. Você poderá estar se afastando do centro, tanto por buscar o “mal”, como por estar buscando o “bem”. Restará ainda uma pergunta. Se nenhum destes dois caminhos conduz ao equilíbrio, qual é o caminho então? O caminho, sem dúvida alguma, é permanecer no centro.

A interação com o mundo do livre arbítrio pode ocorrer perfeitamente, mas desde que se tenha consciência deste centro de equilíbrio. É impossível viver harmonicamente com o mundo, se não tivermos consciência deste centro. Este centro é, na verdade, a nossa grande busca. Pode ser chamado também de Tao. É um estado de consciência plenamente ligado a Fonte/ Deus.  A melhor forma, e porque não, é imaginarmos que somos como sóis. Como um Sol, somos o centro de onde toda a luz se irradia para o universo. Podemos imaginar a Fonte/ Deus como um grande Sol. Note que a luz do Sol é independente de todos os elementos exteriores. Ela simplesmente é. Comece a perceber a si mesmo, como você realmente é. Neste momento, se você puder perceber, entenderá perfeitamente porque costumamos dizer, em nossas meditações: EU SOU AQUILO QUE SOU. Você saberá que a sua luz independe de toda e qualquer ilusão do mundo exterior, de maya, do mundo do livre-arbítrio.

Você é forte e poderoso por natureza e essência. Sinta este centro de equilíbrio dentro de você, banhe-se nele, realize-se nele. Pois é ele a razão de toda a nossa existência. É a fonte proveniente de toda a felicidade verdadeira e eterna. É o universo infinito que se deslumbra aos nossos olhos, onde tudo é possível se realizar. O nosso crescimento espiritual se dará sempre em direção a este centro, jamais para fora dele.

Por isso se diz que o caminho que conduz á Fonte /Deus é estreito e difícil. Devemos caminhar sempre para dentro deste centro, cada vez mais, pois é este o caminho que conduz a Ele e nos integra cada vez mais à divindade de tudo o que existe.

Resultado de imagem para imagens sobre dualidadeUMA PERCEPÇÃO AINDA MAIS AVANÇADA

Muito questionamos, durante a nossa caminhada espiritual, sobre o que viria a ser o ego. Este é um elemento que está sempre presente, mas que evidentemente, somente nos acompanhará enquanto for necessário para a nossa evolução. Em breves palavras,  podemos dizer que o ego é o nosso aspecto que relaciona-se e identifica-se com o mundo da matéria. Podemos dizer também, que a intensidade das experiências no mundo da dualidade será tão maior, quanto maior for a identificação com a matéria. Isto quer dizer que uma identificação maior com a matéria, requer mais experiências. A distância que separa o foco de consciência do ser humano de seu próprio centro, é maior neste caso. Todo o caminho espiritual está relacionado ao encontro de nosso próprio centro de equilíbrio. Este centro de equilíbrio, é a nossa grande meta.

Sempre que abandonamos alguma forma de dualidade (lembramos aqui os diversos planos de causalidade, segundo a filosofia hermética), estamos caminhando cada vez mais rumo à este centro, que é na verdade o nosso Eu Superior, nossa Mônada, Deus. Este é o nosso caminho, e se você até agora tinha tantas dúvidas, talvez agora possua uma melhor compreensão de tudo isto. Caminhar rumo a Deus é extremamente agradável, especialmente quando temos consciência disto.

A dualidade, uma vez vencida e definitivamente superada, torna-se apenas uma vaga lembrança que guardamos de nossos caminhos tortuosos do passado. Agora, a sensação é de total liberdade, paz de espírito, graça divina e plena confiança em nós mesmos. Continuaremos tendo acesso ao mundo dual, mas desta vez, saberemos como lidar com este mundo. Não criaremos vínculos desnecessários, seremos mais prudentes e sábios, amorosos na medida certa, sabendo onde, como e quando aplicar as nossas energias. O mundo da dualidade, para efeito de ascensão, é um reino para o qual definitivamente fechamos e trancamos todas as portas por toda a eternidade.

O mundo da unidade é o único que realmente nos conduz à Fonte/ Deus, é a única fonte da felicidade eterna que tanto buscamos. Ao chegarmos neste nível, saberemos que tudo o que existe é a paz, a luz e o amor divino. Todo o resto faz parte de um mundo irreal, que só pode prejudicar a quem se permitir. Nossa verdadeira identidade é essa Fonte/ Deus, e como Ele/Ela, somos eternos. Podemos olhar para baixo, ver a ilusão e rirmos dela, exatamente porque é apenas uma ilusão. Podemos olhar para todos os nossos sofrimentos anteriores, e rirmos deles. Pois todos estes sofrimentos, por mais duros que nos parecessem, eram ilusórios. Esta é a consciência que se alcança, uma vez que você descubra seu próprio centro de poder em seu interior.

A ILUSÃO DA SEPARATIVIDADE

É também muito importante ter consciência, sempre, da ilusão da separatividade. As pessoas em geral correm o risco de perder muito tempo envolvidas pela ilusão da dualidade, não conseguindo desvincular-se, e assim atrasando seus processos evolutivos. Pense da seguinte forma: fugir da dor é, na verdade, atrair a dor; fugir do ódio é, na verdade, atrair o ódio; fugir da humilhação é, na verdade, atrair a humilhação. Sempre que estamos fugindo destes sentimentos inferiores, estamos na verdade fugindo de nós mesmos. Alguém pode vir e eventualmente lhe ofender, por exemplo. Qual seria a sua reação? Seria uma reação de ódio? Você teria vontade de vingar-se? Pense sobre  isto. Medite profundamente e entre em contato com o seu centro interior. Você vai perceber, num certo momento, que na verdade nada pode lhe afetar a não ser você mesmo.

Você não possui coisa alguma na vida, que não tenha atraído para si mesmo. Se você irradia ódio, o seu ódio retornará para você. A lei do retorno é inexorável. Portanto, se alguém lhe ofende, este alguém possui razões para tal atitude. Antes de vingar-se ou reagir de alguma forma, veja se em seu interior não há causas, razões para agir de forma igual.

Se estas causas existirem, você não pode de maneira alguma condenar ou julgar o seu agressor. A existirem causas iguais às dele em seu interior, você também pode ser considerado um agressor, caso queira julgar desta forma. Se você considerar, portanto, que é errado julgar a si mesmo, também não julgará ao outro. Se você considerar, portanto, que não deve atacar a si mesmo, também não atacará ao outro. Esta é uma consciência a ser tomada de sua parte. Trata-se de um exemplo de situação, a que estamos sempre muito sujeitos em nosso dia-a-dia. A lei divina, na verdade é muito simples: “Amai aos outros e a ti mesmo, e a Deus sobre todas as coisas”.

É muito fácil teorizar tudo isto, entretanto, aplicar em nosso cotidiano é um verdadeiro desafio. Uma vez que você tenha plena consciência de seu próprio centro interior, você jamais se sentirá afetado ou agredido por qualquer coisa neste mundo. Se você possui somente razões para amar, pouco importa que alguém queira lhe ofender ou atacar. Este alguém receberá de volta para si, aquilo que está projetando sobre você. Se em seu coração habita um amor pleno, se você irradia apenas amor a todas as pessoas, você não poderá receber outra coisa senão somente o amor.  Você só pode ser afetado por você mesmo, e por nada nem ninguém mais. Você é a sua própria limitação. Transcenda suas limitações, torne-se eterno e realizado em consciência.


Resultado de imagem para imagens sobre dualidadeVisão pessoal…

Você é eterno por natureza, basta que adquira a consciência disto. Não tente separar o prazer da dor, o amor possessivo do ódio, a auto-exaltação da humilhação, pois isto é impossível. Ao invés disso, descarte tanto o prazer como a dor, tanto o amor possessivo como o ódio, tanto a auto-exaltação como a humilhação. Não busque mais o prazer, nem o amor possessivo, nem a auto-exaltação, e assim você estará evitando defrontar-se com as polaridades opostas destas mesmas formas de energia. Ao invés disto, permaneça no seu centro interior e caminhe rumo à ele. Você perceberá, assim, que o mundo da ilusão é apenas um instrumento que está nas suas mãos. Conscientize-se, definitivamente, de que sua verdadeira busca deve estar baseada sempre nos princípios de equilíbrio, e jamais de dualidade. Busque a unificação, jamais a separação. E tem mais; uma vez que sua visão espiritual parta de seu centro de equilíbrio, você terá uma forma específica de observar o mundo da dualidade. Você não verá os elementos como duais. Entretanto, saberá que existe uma parcela de energia do que você julgava ser ilusão, em ambas as polaridades, que está fazendo parte, na verdade, do próprio centro de equilíbrio. As polaridades, entretanto, desaparecem quando fundem-se ao centro de equilíbrio. A ilusão se desintegra, transmutando-se e fundindo-se à realidade das infinitas virtudes divinas. Compreendamos que em muitas formas de ilusão, existe uma pequena parcela de energia real, que precisamos reconhecer e assimilar. Aqui se faz necessário o discernimento. Você precisa aprender a discernir entre o real e o ilusório. Isto é algo de que, inevitávelmente, você se conscientizará no decorrer de seu processo de ascensão. Você aprenderá a ver o mundo real em seus mais perfeitos detalhes, sem as influências da ilusão de sua própria mente. Compreenda que a ilusão é apenas uma forma de percepção da mente. Quando a sua mente passa a perceber as coisas da forma como realmente são, então você está enxergando através de uma consciência desperta, pelas lentes do Eu Divino. O seu objetivo final é passar a observar  todas as coisas desta forma, já que todo sofrimento provém de percepções equivocadas. A percepção equivocada dá origem à ilusão que, por sua vez, ocasiona o sofrimento. Pois toda felicidade verdadeira provém da Unidade, únicamente e somente Dela. Sejamos sempre,ou tentemos pelo menos ser a maior parte do tempo, conscientes e verdadeiramente plenos e íntegros espiritualmente.


Inspiração…….

O bem e o mal – Federação Espírita Brasileira

Além do bem e do mal – NEPPEC

O sublime em Assim falou Zaratustra – UFSCar

rousseau e a origem do mal – Mestrado em Filosofia – Ufba

Monicavox


Recomendo…

 

Resultado de imagem para imagens sobre dualidade

Podemos considerar que o nosso cérebro é cósmico….?

 

Resultado de imagem para imagens do cerebro cosmico

Nosso cérebro é elétrico e cheio de células individuais e neurônios, conectados uns aos outros pelos dendritos e axônios.Toda vez que pensamos, nos movimentamos, sentimos ou nos lembramos de alguma coisa, nossos neurônios estão em operação.Essa operação é realizada por pequenos sinais elétricos que se movem rápidamente de neurônio para neurônio(Sinapses).Esses sinais são gerados por potenciais elétricos diferentes carregados pelos íons na membrana de cada neurônio.Todas as nossas percepções físicas são registradas em nosso cérebro físico.Entretanto, nosso cérebro físico é um componente do holograma de nossa realidade 3D.

Nossa mente, por outro lado, é o que nos conecta à nossa Mente Cósmica, que ressoa além do holograma 3D.Enquanto que nosso cérebro é um sistema operacional físico de nosso vaso terreno, nossa mente é a eletricidade que faz esse sistema operacional funcionar.Esta “eletricidade” é a nossa consciência.Nossa mente, que é na verdade nossa consciência, está nos assistindo ativamente na conexão com nossa Mente Cósmica.

A CONEXÃO COM A MENTE CÓSMICA

Nosso estado de consciência determina se nós somos ou não capazes de nos conectar com sucesso com nossa Mente Cósmica e operar a partir dela.Visto que estamos no processo de mudarmos de nosso sistema operacional tridimensional para nosso sistema operacional multidimensional, é vital que nós despertemos nossa consciência multidimensional.Nossa consciência multidimensional é bloqueada pelo medo e ativada pelo amor incondicional.O amor incondicional é isento de todo julgamento, e o julgamento é uma das formas-pensamento principais que baixa nossa consciência e o julgamento é uma forma-pensamento, um pensamento reunido a uma emoção, que sempre é baseada no medo.Sempre que julgamos alguma coisa, há um resíduo de medo, mesmo se ele estiver oculto em nossa mente subconsciente.Portanto, a liberação de todo julgamento é um componente vital para a ativação de nossa consciência multidimensional.

Nossa consciência física está sómente conectada aos nossos sentidos físicos.Assim, nós somente podemos perceber aquilo que ressoa dentro do holograma.Por outro lado, a emoção baseada no amor – que é o amor sem condições – permite que nossa mente se conecte com a nossa Mente Cósmica.Nossa mente, que é o estado de consciência que está conduzindo nosso cérebro, é direcionada ou para sobrevivência/medo ou para criação/amor.O amor condicional é uma forma de medo, enquanto que o amor incondicional é isento de todos os resquícios de medo.Nós passamos a maioria de nossas encarnações físicas conhecendo sómente o amor condicional.O amor condicional é baseado em “Eu amarei você se você…” ou “Se você não… eu não amarei você”.

O FATOR DOS SENTIMENTOS SOBRE A ATIVIDADE DA MENTE CÓSMICA

O amor normalmente era utilizado como uma recompensa.Se nós fôssemos bons (bom sendo determinado por uma fonte externa), nós recebíamos amor.Se nós fôssemos maus (novamente determinado por uma fonte externa), o amor nos era negado.Este amor condicional nos prendia ao holograma 3D, pois ele nos mantinha em um estado de medo.Este medo, não importa se pequeno ou inconsciente, baixava nossa consciência para a ressonância da terceira dimensão.Assim, nossas percepções eram limitadas aos cinco sentidos físicos de nossa forma física.Para ativarmos totalmente nossas percepções multidimensionais, nós precisamos sair do “jogo do bom o suficiente”.Este “jogo” é baseado numa fonte externa que julga se nós somos ou não bons o suficiente para receber amor.O único modo de sairmos desse jogo é amarmos o nosso eu incondicionalmente.Assim que nós nos lembramos de como amamos nosso eu incondicionalmente, as opiniões de fontes externas apenas são um componente do Jogo 3D, ao qual nós não estamos mais limitados.

Imagem relacionada

Em outras palavras, nós podemos ainda estar escolhendo fazer este jogo, mas nós não estamos mais ligados ao resultado dele.Nós não mais buscamos encontrar reforço para nossos empenhos nessa realidade, pois nós sabemos que ainda estamos fazendo esse jogo porque escolhemos fazê-lo e não porque nós temos que fazê-lo.Assim que nossa mente nos conecta com nossa Mente Cósmica, nossa consciência é multidimensional e o Jogo 3D é apenas uma das inúmeras realidades de que participamos.É sensato permanecermos em contato constante com nossa Mente Cósmica, pois o Jogo 3D vicia muito.Este jogo vicia tanto porque ele ativa quaisquer medos ocultos de não sermos bons o suficiente.Se nós permitimos nossa consciência desligar-se do amor incondicional em que TODO feedback externo é uma ilusão, nosso subconsciente pode assumir o leme.Quando nosso subconsciente está no comando, nós somos governados por nossa criança/ego ferido.

Portanto, enquanto jogando no holograma 3D, é importante continuamente permanecermos cientes da constante necessidade que nossa mente subconsciente tem de amor incondicional.Em outras palavras, é vital nos mantermos como os mestres de nosso vaso 3D, que constantemente abastecemos com amor incondicional pelo nosso eu.Amar incondicionalmente nosso eu imediatamente nos liberta do Jogo 3D, pois a qualidade viciante desse jogo é que nós NÃO somos bons o suficiente.Portanto, se nós pudermos fazer, ser ou ter aquilo que o jogo dita em algum tempo determinado, nós seremos bons o suficiente – de acordo com algum julgamento externo.

Resultado de imagem para imagens do cerebro cosmicoO FATOR TEMPO

O tempo é outro gancho do Jogo 3D.Enquanto vivemos no AGORA, nosso passado não existe como uma fonte de julgamento e o futuro é a criação de nosso AGORA eterno.É quase impossível nosso cérebro viver no AGORA, exceto quando todo o nosso DNA 97% multidimensional estiver totalmente ativado.Cair de novo no tempo é um desafio constante enquanto esse DNA ainda está em ativação.Nosso cérebro tridimensional diz: “Se eu não FIZER ou SER ou TER o que essa fonte externa exige, eu não serei ‘bom o suficiente’”.Ser “bom o suficiente” é a principal qualidade viciante do Jogo 3D, pois ela nos mantém no nosso ego ferido que NÃO é bom o suficiente.Então, o fluxo constante de amor incondicional para o nosso eu é vital para nos proteger de nosso vício de julgamentos tridimensionais.E também, quando nossa mente cria uma ponte robusta para a nossa Mente Cósmica multidimensional, nós podemos manter uma conexão forte com nossas expressões superiores do EU que existem fora do holograma 3D.

Da perspectiva de nossa Mente Cósmica, nós podemos usar nossas percepções expandidas de clarividência (visão de frequência superior), clariaudiência (audição) e clarisenciência (sentidos) para perceber as dimensões superiores de nossa realidade que ressoam além dos limites da Matriz 3D.

Visto que nossa ascensão para além da ilusão começou, nossas percepções superiores podem mais facilmente ser ativadas.Novamente, é o nosso vício ao Jogo 3D que limita nossa capacidade de mudarmos para as nossas percepções multidimensionais, as quais INCLUEM as percepções tridimensionais.Em outras palavras, nós não precisamos ignorar o mundo físico.Na verdade, enquanto estivermos usando um vaso 3D, nós não podemos ignorar essa frequência sem colocar em perigo esse corpo.

Felizmente, com a prática, nós poderemos perceber as frequências superiores de realidade, que agora romperam a ilusão do Jogo 3D.Entretanto, as frequências superiores podem conscientemente perceber as frequências inferiores, mas as frequências inferiores não podem perceber as frequências superiores.Por exemplo, nosso vaso terreno pode perceber uma pedra, mas a pedra não pode nos perceber.Nossas percepções tridimensionais são semelhantes a essa pedra quanto a elas ancorarem nossas percepções multidimensionais em nosso planeta.

Felizmente, o planeta também é um ser multidimensional.Portanto, ele também tem frequências superiores de expressão, tal como nós temos.Então, quando expandimos nossas percepções para uma frequência mais alta de ressonância, há um planeta esperando nessa frequência, pronto para a nossa habitação.Toda a criação é multidimensional, mas nem toda a criação reduz sua ressonância para a frequência do reino físico.Assim que sentimos que concluímos nossa experiência de polaridade, densidade, limitação e separação, uma ponte energética torna-se perceptível para o nosso cérebro, mas se nossa mente (estado de consciência) puder ser expandida para se conectar com a Mente Cósmica multidimensional, nossas percepções começarão a incluir frequências de realidade que ressoam além do mundo físico.

O desafio maior é se nós não acreditarmos que uma frequência mais alta de realidade existe, ou se nós não acreditarmos que somos “bons o suficiente” para perceber ou visitar essa realidade superior, nosso cérebro limitará a consciência de nossa mente.Então nossa mente não será capaz de se conectar com nossa Mente Cósmica, e o mundo além da terceira dimensão permanecerá além do nosso campo perceptivo.Uma doutrinação principal do Jogo 3D era que se nós não podemos perceber alguma coisa com os nossos sentidos físicos, ela não é real.Entretanto, se um cego não consegue nos ver a determinada distância dele, isso nos torna não reais?

Se um surdo não ouve nossa voz, isso significa que nós não temos uma voz?De fato, os corajosos que escolheram o desafio de perder um de seus receptores físicos oferecem orientação para todos.Quando um receptor sensorial não funciona, a potência dos outros sentidos é amplificada.Da mesma maneira, nós podemos amplificar a nossa visão para clarividência, a nossa audição para clariaudiência e nosso tato/olfato/instintos para clarisenciência.Nós recuperamos o uso de nossas percepções expandidas por retornarmos à nossa consciência multidimensional.Para fazê-lo, nós precisaremos meditar ou fazer o que nos coloca em um estado superior de consciência.Uma vez num estado superior de consciência, nossa mente pode interagir com as frequências superiores de nossa Mente Cósmica para conectar nossas percepções superiores ao nosso cérebro tridimensional.

Assim que nosso cérebro 3D está conectado à nossa Mente Cósmica multidimensional, nós podemos começar a liberar nosso vício à terceira dimensão e substituir o nosso hábito de perceber SÓMENTE com os nossos cinco sentidos físicos.

Novamente, nós precisaremos acreditar que nossas percepções superiores são possíveis e que nós somos bons o suficiente para tê-las.Então, nós poderemos manter um link ativo entre nosso cérebro, nossa mente e nossa Mente Cósmica.Nós começamos esse processo por amarmos nosso eu incondicionalmente.Então, mesmo se não pudermos perceber com nossas percepções expandidas – ainda – nós AINDA amaremos nosso eu incondicionalmente.

Visão pessoal…

Conhecemos muito, porém também ainda nos resta muito. O cérebro tem 80 bilhões de neurônios interconectados de forma extraordinariamente complexa. Conhecer todos os segredos funcionais de um órgão dessa natureza leva tempo, muito trabalho e o desenvolvimento de técnicas muito elaboradas. Ainda temos muito para aprender, porém já aprendemos muito desde o fim do século 19, quando Santiago Ramón y Cajal revelou que o cérebro está formado por células individuais, os neurônios. Pode ser que nem sequer estejamos capacitados para entender algumas coisas. É preciso não esquecer que é com nosso cérebro que estamos tentando entender o cérebro.Penso que talvez não estejamos capacitados para entender como pensamos porque só alguns de nós são capazes de elaborar uma hipótese.Porém, no caso do cérebro, como a subjetividade se torna possível, a imaginação, a consciência, o pensamento, é o que, a priori, não temos nem sequer idéia como é processado. Essa dificuldade faz imaginar que o cérebro não tem capacidade de entender-se a 100%. Há, porém, quem não concorde com essa idéia e acredite que é apenas questão de tempo ou técnicas.Então poderemos perguntar;A tecnologia que permeia nosso cotidiano está atrofiando nosso cérebro?Não é que ela o atrofia: ela o redireciona. Uma das vantagens modernas do processo evolutivo é que agora podemos condicionar o desenvolvimento do nosso cérebro. O que fizermos vai condicionar o cérebro do futuro, que capacidades ele terá, quais serão as melhorias, quais as desvantagens, que capacidades novas surgirão. Anteriormente ao desenvolvimento tecnológico industrial, nós não tínhamos tanta influência em nosso próprio desenvolvimento cerebral. Agora, conforme desenvolvemos tecnologias, cada vez mais podemos colocar meios que condicionem por onde vai evoluir o cérebro no futuro. Se desenvolvermos muito a visão nos computadores, a visão vai ser um sentido em evolução permanente. Se não desenvolvermos certos tipos de memória porque tudo o que precisamos saber está no celular ou no computador, perderemos certa capacidade de memória que tínhamos, porém ganharemos outros tipos de habilidades.Podemos perguntar;será que somos livres para tomar decisões?É um tema antigo que não está totalmente resolvido. Ninguém chegou a uma conclusão definitiva. A ciência se inclina bastante pelo fato de que nossa sensação de liberdade não é mais do que ignorância sobre o que acontece no nosso cérebro. Se fôssemos mais conscientes, perceberíamos que tudo está sendo preparado lá. Não se pode cometer o erro de pensar que você é diferente do seu cérebro. Meu cérebro toma decisões por mim antes de que eu as tome? Porém quem é você, a não ser o seu cérebro? O que resta se eu tiro o cérebro? Este é um problema maior. Tem-se a sensação de que o pensamento consciente é alguma coisa diferente do corpo, porém não é verdade.Na hora de tomar decisões, costuma-se dizer que a razão deve prevalecer sobre a emoção. Podemos dizer que é uma situação real? É errado acreditar que razão e emoção funcionam de formas independentes. Basta conhecer o cérebro por dentro para ver que os circuitos implicados nos sentimentos estão muito relacionados com os circuitos da razão. Na prática, quer dizer nossos sentimentos estão influenciados por nossa forma de pensar e raciocinar e vice-versa. O que devemos admitir é que não há emoção pura nem razão pura. Embora não percebamos, às vezes o que dizemos que é produto exclusivo da razão que está influenciado pelos sentimentos.Quando falamos sobre o cérebro, discutimos sempre inúmeras possibilidades, aprendemos sua morfologia biológica, suas reações ás drogas,remédios,humor, sono,som,dor,alimentação, consciência,mente,sexo e Eu Superior.Podemos afirmar que é uma aventura incrível entrar no mundo do nosso cérebro, conhecê-lo,estudá-lo e senti-lo, porque não? O futuro dirá o quanto ele é importante em nosso processo evolutivo e o quanto ele pode nos render em inteligência,memória, aprendizado,prazer e….espiritualidade.

Inspiração….

NEUROCIENCIAS – ICB – UFRJ

 

Desafios, o caminho para a transformação…

Resultado de imagem para imagem sobre desafiosNunca existiu um ser humano sobre a Terra que não tenha vivido, ainda que por curto tempo ou em grau leve, um desafio. Sabemos que desafio é tudo aquilo que nos leva a questionar seus efeitos e a maneira como resolvê-los. É um convite da vida para que possamos mostrar as nossas habilidades de buscar conhecer o que está acima das visíveis capacidades que já demonstramos, nos permitindo enfrentar o desconhecido e adquirindo, assim, uma expansão nas nossas capacidades, conhecimentos e resiliência.

Também pode ser visto como competição sobre um rival, por assim dizer, onde queremos provar que somos mais capazes diante do que nos propuseram. Comportamento esse comum em jogos, por exemplo.Quaisquer que sejam os desafios, sabemos muito bem que não é fácil para ninguém aceitar e superar, vistos sermos seres falíveis e limitantes na compreensão sobre o propósito da vida no nosso caminhar. Estamos sempre a questionar considerando, em alguns casos, que não merecemos tal desafio, que a vida não é justa, etc.

Encontraremos na vida aspectos que precisaremos superar para crescer em várias escalas. A nossa vida é formada por vários ciclos, nos quais diferentes tipos de desafios vão se apresentando para que possamos, através deles, nos tornarmos verdadeiramente sábios.Quantas vezes já enfrentamos desafios que até conseguimos resolver com rapidez e clareza, mas outros se arrastaram por longos períodos e até se repetiram, nos levando a descrer da nossa própria capacidade, ou até mesmo a não entender o porquê de estarem em nosso caminho.

Diante de situações assim, muitas vezes nos fechamos sufocados por não encontrarmos as soluções desejadas, nos considerando incapazes, frágeis, derrotados, e fugimos de todos e de nós mesmos permitindo que a tristeza nos convença de que não temos sorte na vida, pois tudo parece nos convencer de que estamos destinados a fracassar. Ficamos ainda pior se alguém nos critica e aponta outros como exemplo de superação, com a intenção de deixar claro que não somos capazes.

Imagem relacionadaSe considerarmos que aprendemos através das lições, veremos nos desafios essa oportunidade, buscando entender o que eles querem nos ensinar para nos tornarmos melhores em qualquer que seja a área em que se apresentem.É certo que todos que souberam aceitá-los e superá-los tornaram-se melhores do que antes. Sabemos que alguns deles foram fruto de escolhas que fizemos de uma maneira consciente, mas há sem dúvida os que já trazemos em nosso histórico, que mesmo não entendendo a princípio as suas causas, querem nos ensinar a crescer em todos os sentidos da vida.

Precisamos olhar os desafios como uma dádiva, pairando sobre eles um olhar mais demorado sem julgar se somos melhores ou piores que os outros, se são justos ou não, e sim únicos no nosso tempo e entendimento, buscando com atenção entender o que querem nos dizer para atingirmos os nossos objetivos, ou nos elevarmos em consciência.Portanto, devemos considerá-los como a verdadeira oportunidade para atingirmos a transformação, que nunca será só externa, mas essencialmente interna, que nos permite as verdadeiras mudanças quando os absorvemos com entendimento. Podemos enfrentar um grande vendaval dentro e fora de nós diante dos desafios na vida, mas só através deles crescemos e nos transformamos.

“É preciso ter um caos dentro de si para dar à luz uma estrela cintilante”.
– Friedrich Nietzsche –

Como crescer

Um rei foi até seu jardim e descobriu que suas árvores, arbustos e flores estavam morrendo.

O Carvalho disse a ele que estava morrendo porque não podia ser tão alto quanto o Pinheiro. Virando-se para o Pinheiro, o encontrou caído porque não podia dar uvas como a Videira. E a Videira, por sua vez, estava morrendo porque não podia florescer como a Roseira. A Roseira chorava porque não podia ser tão alta e forte como o Carvalho. Então encontrou uma planta, uma Frésia, florescendo e mais fresca do que nunca.

O rei, então, perguntou: Como você consegue crescer saudável em meio a esse jardim murcho e sombrio?

Não sei dizer… Talvez seja porque sempre supus que, quando me plantou, queria frésias. Se quisesse um Carvalho ou uma Rosa, os teria plantado… Naquele momento disse a mim mesma: “Tentarei ser uma Frésia da melhor maneira que eu puder!”

Agora é sua vez. Você está aqui para contribuir com sua fragrância. Simplesmente olhe para si mesmo.

Não existe a possibilidade de que você seja outra pessoa.

Você pode aproveitar e florescer regado com o amor que voce tem por si mesmo, ou pode cair em sua própria desaprovação…

Resultado de imagem para imagem sobre desafiosVisão pessoal…

Como dizia Albert Einstein, “Todas as pessoas são gênios”. No entanto, se você julga um peixe pela sua habilidade de escalar uma árvore, ele passará toda a sua vida acreditando ser um idiota.”Quem é você na realidade?Desde muito pequenos somos ensinados a julgar a nós mesmos, levando em conta as qualidades e opiniões das pessoas que estão ao nosso redor. Mas se nos compararmos contínuamente com as pessoas, difícilmente chegaremos a nos conhecer profundamente. Para isso, precisamos observar diante do espelho cuidadosamente e procurar todas essas potencialidades que, muitas vezes, deixamos escondidas por trás dos nossos medos e hábitos.Comparar continuamente a si mesmo não costuma ser uma boa fórmula para manter uma boa autoestima, pode inclusive nos levar a ter uma percepção deformada de nós mesmos.Ao mesmo tempo em que as comparações têm um aspecto negativo, também têm outro aspecto positivo; e é justamente a capacidade de percebermos que existe uma grande variedade de formas de pensar, atuar e sentir.Não se trata de ser parecido com alguém, nem de ter sucesso, ser competente ou divertido como os outros são, senão de aproveitar nossas qualidades, as melhores que tivermos e uni-las ao nosso talento e originalidade.Ninguém é exatamente igual a nós mesmos. Todos somos diferentes. Ninguém viveu todas as experiências que cada um de nós viveu, nem mesmo de maneira parecida. Cada pessoa tem sua história. Portanto, ao fazer comparações, nos comparamos com coisas diferentes, levando em conta apenas algumas características ou traços pessoais. Por isso, a oportunidade de ser você mesmo acaba sendo tão valiosa.Cada um de nós tem várias características, algumas tornam a vida mais fácil, enquanto outras podem dificultar em certas ocasiões, mas juntas elas fazem com que nós sejamos únicos.Isso não significa que não podemos tentar mudar aspectos de nós mesmos se quisermos, já que isso não é uma coisa ruim de se fazer; somente é preciso levar em conta que as verdadeiras mudanças nascem da auto aceitação, e não da rejeição.Aprender a nos valorizar, nos querer bem e nos aceitar é uma mudança trabalhosa que se estende por toda a vida; e muitas vezes, esse caminho requer doses de motivação e persistência. Chegar ao conhecimento pleno de nós mesmos fará com que nos sintamos mais confortáveis em nossa própria pele, além de ser uma das viagens mais emocionantes na qual podemos embarcar.Vamos ser a melhor versão de nós mesmos a cada dia…

Inspiração…

Encarando os desafios da vida: uma conversa com … – Soperj

Trauma e superação | Savoia | Psicologia USP – Revistas USP

A experiência da superação em Assim Falou Zaratustra

Monicavox

Recomendo…..

Resultado de imagem para imagens sobre livros de superação

Imagem relacionada

Resultado de imagem para imagens sobre livros de superação

 

Solidão- uma epidemia moderna….?

Nas últimas décadas, o isolamento social tem sido reconhecido como um grande risco para a nossa saúde e longevidade.O número crescente de pessoas que dizem são afetadas, em uma ampla gama de idades, é surpreendente, levando facilmente o título de epidemia. Contudo, os mecanismos óbvios – como a autonegligência – não explicam o quadro geral. Então, o que mais está acontecendo?

Para responder a esta questão, é importante notar que você pode sofrer os efeitos nocivos da solidão, mesmo que não seja socialmente isolado. Ela é, essencialmente, um estado emocional, e reconhecer o papel do cérebro neste processo é vital para entender muito do dano que pode ser causado por este mal.

O comediante Robin Williams fez uma observação notável em 2009: “Eu costumava pensar que a pior coisa na vida era acabar totalmente sozinho. Não é. A pior coisa na vida é acabar com pessoas que fazem você se sentir sozinho”.

O acompanhamento de grandes grupos ao longo do tempo indica que o isolamento social percebido tem seu próprio risco de morbidade e mortalidade, independente do isolamento social real. Mas o que poderia trazer este efeito surpreendente?

Segurança em números

A percepção de isolamento – de estar na periferia social – não é apenas uma causa de infelicidade, mas também sinaliza um perigo. Os peixes evoluíram para nadar até o meio do seu grupo quando predadores se aproximam, ratos alojados em isolamento social apresentam interrupções no sono e redução nas ondas lentas do sono e, quando isolados de seus parceiros e colocados em campo aberto, arganazes da pradaria (um tipo de roedor nativo da América do Norte) exploram menos os arredores e se concentram na evasão de predadores……

Saiba porque pessoas introvertidas preferem a solidão

Segundo um novo estudo, os as expressões faciais dos humanos podem ter mais significado para indivíduos mais sociáveis do que para pessoas mais introvertidas.Os resultados da pesquisa mostraram que o cérebro de pessoas extrovertidas presta mais atenção aos rostos humanos do que as tímidas. Na verdade, o cérebro delas parece não distinguir objetos inanimados de rostos humanos.

As descobertas podem explicar em parte porque os extrovertidos são mais motivados a procurar pela companhia de outras pessoas do que os introvertidos, ou porque uma pessoa particularmente tímida prefere ler um bom livro do que sair com um grupo de amigos.

O estudo contribui para a ideia de que as diferenças no cérebro das pessoas têm ligação com a sua personalidade. Os investigadores sugerem que o comportamento diferente que você vê nas pessoas mostra que há bases neurológicas para diferentes tipos de personalidade.Há muitas maneiras de descrever o caráter de alguém; de falante a ansioso até trabalhador e organizado. Psicólogos descobriram que os traços da personalidade de alguém podem ser agrupados em cinco grandes categorias: extroversão, neuroticismo, afabilidade, consciência e abertura/intelecto.

Extroversão é a forma como as pessoas interagem com os outros. Os extrovertidos (mais sociáveis) gostam de estar perto de outras pessoas e geralmente desfrutam de situações sociais, enquanto os introvertidos (menos sociáveis) são o oposto. Estudos anteriores demonstram que as pessoas que são extrovertidas também tendem a ser mais assertivas, ter sentimentos mais positivos e obter mais recompensas em geral.

Resultado de imagem para solidão imagensA pesquisa analisou 28 indivíduos com idade entre 18 e 40 anos que variavam de personalidade. Eletrodos colocados no couro cabeludo dos participantes registraram a atividade elétrica de seus cérebros, uma técnica conhecida como eletroencefalografia ou EEG.Os pesquisadores estudaram uma determinada mudança na atividade elétrica do cérebro conhecida como P300. A mudança, que aparece como um desvio no EEG de uma pessoa, pode ser provocada por determinadas tarefas ou por uma mudança no ambiente, por exemplo, um barulho muito alto que surge de repente em uma sala quieta.
A reação do cérebro ocorre dentro de 300 milissegundos, antes que a pessoa tenha consciência da mudança. Portanto, o P300 pode ser visto como um indicador da atenção humana, ou o quão rápido seu cérebro percebe que algo mudou.

Os pesquisadores utilizaram uma sequência de rostos masculinos, com um feminino piscando de repente, e uma sequência de flores roxas, com uma amarela piscando de repente.

Nos extrovertidos, a resposta P300 maior foi aos rostos humanos. Em outras palavras, eles prestaram mais atenção aos rostos humanos. Já os introvertidos tiveram respostas muito semelhantes tanto para as faces humanas quanto para as flores. Segundo os pesquisadores, eles simplesmente não colocam um peso maior nos estímulos sociais do que em quaisquer outros estímulos, ou seja, o cérebro dos introvertidos trata a interação com pessoas da mesma maneira como trata qualquer informação não humana, como objetos inanimados.Os resultados sugerem fortemente que, de fato, as faces humanas, ou as pessoas em geral, possuem mais significado para os extrovertidos do que para as pessoas menos sociáveis e mais fechadas.

Esses comportamentos refletem uma maior ênfase na autopreservação, quando no perímetro social. Por exemplo, os peixes na borda de um cardume são mais susceptíveis de serem atacados por predadores porque são mais fáceis de se isolar e caçar. Tais observações refletem um princípio mais geral, que em animais sociais o isolamento social percebido ativa respostas neurais, neuroendócrinas e comportamentais que promovem autopreservação a curto prazo. No entanto, estas respostas trazem um custo para a saúde e bem-estar a longo prazo.

A gama de efeitos neurais e comportamentais prejudiciais que vêm da noção de isolamento documentada em adultos incluem o aumento da ansiedade, hostilidade e isolamento social; fragmentação do sono e fadiga diurna; aumento da resistência vascular; expressão genética e imunidade alteradas; diminuição do controle de impulsos; aumento da negatividade e sintomas depressivos; e aumento do declínio e risco de demência cognitiva relacionada com a idade.

Um pouco menos solitário

Infelizmente, até hoje, as tentativas de reduzir a solidão tiveram um sucesso limitado. Uma meta-análise de diferentes estratégias estudadas em ensaios clínicos randomizados mostrou que elas tinham um efeito pouco significativo. Entre os quatro tipos de intervenções analisadas, a terapia de conversa que se concentrava em processos de pensamento inadequados – falta de autoestima, de perspectiva e uma idéia distorcida de quão confiáveis são os outros e como eles nos notam – teve o maior impacto. Treinamento de habilidades sociais, suporte social e aumento das oportunidades de contato social eram muito menos eficazes.

Este resultado é consistente com a idéia de que a percepção de isolamento social ainda pode nos colocar no modo de autopreservação – uma resposta de tempos antigos, quando isolamento teria nos deixado muito vulneráveis ao ataque – o que pode levar a processos de pensamento prejudiciais e comportamento que está em desacordo com aquele que prospera em uma sociedade moderna.

Não existe um tratamento farmacológico para a solidão, ainda que essa possibilidade esteja sendo estudada em pesquisa animal. Dada a dimensão do problema, atualmente, a busca por melhores tratamentos de todos os tipos merece alta prioridade.

Visão pessoal…

A falta de companhia humana pode fazer mal a uma pessoa, e isso vai além de um simples problema psicológico: pesquisadores da Universidade de Chicago (EUA) afirmam que existe uma relação direta e biológica entre a solidão e a queda da qualidade nos indicadores de saúde.A lista de problemas que a solidão pode ocasionar, conforme explicam os cientistas americanos, é extensa, incluindo endurecimento das artérias (o que leva à pressão alta), inflamações pelo corpo e até problemas cognitivos, de memória e aprendizagem.O estudo, feito em parceria com cientistas da UCLA (Universidade da Califórnia em Los Angeles), mostrou que até o sistema imunológico muda com o tempo em pessoas que passam por grandes períodos de solidão.Alguns genes entram em super atividade em pessoas socialmente isoladas, e a maioria deles está ligada a respostas antivirais e à produção de anticorpos. Isso leva a uma disfunção destas tarefas do organismo, e o corpo perde boa parte de suas defesas naturais.Isso acontece, segundo os cientistas, porque o corpo humano tem uma capacidade imunológica limitada: ele precisa escolher entre lutar contra ameaças virais ou proteger o corpo contra a invasão de bactérias. Como o solitário tende a ver o mundo como um lugar ameaçador, o corpo foca as atenções contra as invasões externas de bactérias, abrindo caminho para ação dos vírus.Nesse momento, o problema fica ainda mais intenso. O organismo desprotegido aumenta o risco de desenvolver tumores cancerígenos, infecções e doenças no coração. Em um estágio ainda mais elevado, os hormônios são afetados, e nasce o risco de complicações como um ataque cardíaco fulminante ou um derrame. A solidão joga um papel em todas essas ameaças.O agravante, no caso da solidão, é um problema cíclico. Quanto maior a solidão de uma pessoa, mais cresce sua tendência a ter uma saúde ruim, e os efeitos dessa saúde tornam o paciente ainda mais isolado.O motivo deste ciclo é uma consequência natural: a solidão não apenas faz o solitário infeliz, mas também mais inseguro, e o corpo sabe interpretar estes sinais.Muito diferente são aqueles momentos em que estar sózinho consigo mesmo pode nos trazer um maior autoconhecimento, paz e tranquilidade,principalmente quando temos uma vida cheia de compromissos e agitada….devemos saber diferenciar…..

Inspiração….

UM ESTUDO DA SOLIDÃO HUMANA E SUA EXPLICAÇÃO

SOLIDÃO E LIBERDADE | Lessa | Fenomenologia e Psicologia

Heidegger e a fenomenologia da solidão humana (vol. I).pdf

LiveScience

New Scientist

Monicavox

Recomendo….

Resultado de imagem para solidão pdf

 

 

Resultado de imagem para solidão pdf

Resultado de imagem para solidão pdf

 

As emoções e seus impactos sobre o corpo na visão da medicina ayurvédica

Resultado de imagem para imagens sobre ayurvedaResultado de imagem para imagens sobre ayurvedaAyurveda é a mais antiga das ciências médicas da qual temos registro, sua origem remonta aos Vedas, textos de conhecimentos compilados a 5.000 anos atrás, surgidos como fruto da sabedoria dos povos que viveram e vivem ao longo do território hoje ocupado pela Índia e países visinhos. O termo ayurveda se origina do idioma sânscrito e significa ciência (veda) da vida (ayur). Se trata não apenas de um sistema de saúde e de cura, mas de uma visão muito completa e integrada de como a vida se manifesta em seus mais diversos níveis, gerando suas múltiplas expressões, entre as quais se encontram os seres-humanos e suas singularidades.

Esta ciência parte do pressuposto de que para conhecer e promover a saúde de um ser vivo, suas singularidades devem ser consideradas ao máximo. Se olharmos para duas pessoas aparentemente semelhantes, à despeito dos traços comuns, encontraremos diferenças de funcionamento e de constituição tão marcadas que farão com que algo que possa ser benéfico para a saúde de uma seja ao mesmo tempo maléfico para a outra. Esta observação é importantíssima quando buscamos compreender o ser humano, pois desde sua constituição física à sua configuração mental, podemos observar o quanto as pessoas são diferentes entre si.

Ayurveda nos ensina a olhar e compreender a lógica que norteia estas diferenças. Segundo a visão dos Vedas, este mundo de matéria em que vivemos pode ser dividido didaticamente em cinco formas de manifestação, as quais estão representadas por cinco elementos:

Espaço ou éter – representa a matéria em seu estado mais sutil, ao qual chamamos de vácuo ou espaço.Possui atributos como amplitude, onipenetrância e meio de comunicação ou de ligação entre as coisas.

Ar – representa a matéria em seu estado gasoso, possuindo atributos tais como leveza, mobilidade, volatilidade, inquietude, estímulo, secura. Assim como o vento, sua qualidade principal é o movimento.

Fogo – representa a energia, a luz e o calor, possuindo atributos tais como projeção, penetração, mobilidade, ignição, poder de queimar, consumir, transformar e iluminar.

Água – representa a matéria em seu estado líquido, possuindo atributos tais como maciez, densidade, fluidez e lubrificação.

Terra – representa a matéria em seu estado mais sólido ou condensado, possuindo atributos de peso, inércia, lentidão, imobilidade, estabilidade e sustentação.

Como podemos ver, para explicar o que são estes cinco elementos, necessitamos de combinar certos atributos tais como quente ou frio, móvel ou inerte, seco ou úmido. Assim o Ayurveda, além de caracterizar o mundo como formado por estes cinco elementos, aprofunda esta visão compreendendo a natureza a partir um “alfabeto básico”, manifesto através de atributos ou qualidades. Dentre os principais atributos da natureza, o ayurveda enumerou 20 como os mais importantes. São eles:

Leve/pesado, quente/frio, claro/escuro, seco/úmido, móvel/inerte, denso/fluído, liso/áspero, mole/duro, denso/sutil, lento/brusco.

É fácil perceber como na verdade, tudo o que percebemos é uma combinação destes atributos. Assim, tanto as manifestações fisiológicas de nosso corpo, quanto nossos processos psicológicos como os pensamentos e as emoções, se expressam através destes mesmos atributos. Os cinco elementos e os 20 atributos no corpo humano Assim como todos os corpos animados e inanimados, o organismo humano é formado pelos cinco elementos, conforme a descrição dada por Vasant Lad (1997, p.24-25):

Éter: no corpo humano há muitos espaços, tais como as cavidades da boca, nariz, trato gastrintestinal, trato respiratório, abdome, tórax, vasos capilares, linfáticos, tecidos e células. Estes espaços presentificam o elemento éter do corpo.

Ar: o espaço em movimento é o que chamamos de ar. No corpo humano, está presente no movimento dos músculos, nas batidas do coração, na expansão e contração dos pulmões, nas contrações do estômago e intestinos. Também a totalidade dos movimentos das células nervosas se deve à presença do elemento ar. Por fim, todos os gases presentes no interior do organismo também presentificam este elemento.

Fogo: se faz presente no metabolismo do corpo, que é a fonte de todo o calor. Concentra-se no sistema digestivo, ativa o funcionamento das retinas e também a inteligência (luz) proveniente das células nervosas. Todo o metabolismo e sistema de enzimas são controlados por este elemento.

Água: presentifica-se nas secreções, sucos digestivos, glândulas salivares, membranas mucosas, plasma (parte líquida do sangue) e citoplasma, além de ser a base dos fluídos sexuais, daí o seu vínculo com a fertilidade e sexualidade.

Terra: presentifica-se nas estruturas sólidas do corpo como os ossos, músculos, tendões, cartilagens, unhas, pele, cabelos e tecidos. (Lad, 1997, p.24-25)

Da mesma forma, podemos notar a atuação dos 20 atributos no corpo através de seu estado ou de seu funcionamento. Percebemos que o corpo pode esquentar ou esfriar, pode ficar mais leve ou pesado, podemos ter a sensação de agilidade ou lentidão para se mover, notar a presença de maior lubrificação ou ressecamento em diferentes partes do corpo e assim por diante.

Imagem relacionadaOs Biotipos do Ayurveda

Embora todas as pessoas sejam formadas pelos mesmos cinco elementos e 20 atributos, a proporção em que estes se combinam é diferente em cada um. Pensando do ponto de vista da estrutura ou constituição genética de cada organismo, iremos notar uma certa proporção na manifestação destes elementos e atributos que tende a ser mais ou menos fixa, com alguma possibilidade de modificação ao longo da vida. Como exemplo, iremos notar que certas pessoas possuem corpos estruturalmente mais pesados enquanto outras mais leves, sendo este um padrão mais ou menos constante, com alguma margem de variação.

Da mesma forma, existem pessoas cujo corpo tende a estar sempre mais quente enquanto outras são mais frias, independente da influência do clima externo. Ao notar que existem padrões mais ou menos estáveis para a manifestação destes cinco elementos e vinte atributos na constituição de cada ser vivo, o ayurveda caracterizou três biotipos básicos para facilitar o entendimento do funcionamento de um organismo, apesar de considerar que cada ser vivo é único em sua manifestação e que não pode nunca ser “cem por cento” enquadrado em nenhuma forma de tipologia.

Os biotipos são:

Vata – são pessoas em cuja constituição prevalecem as características dos elementos ar e espaço. São portanto pessoas dotadas de um corpo mais leve, com tendência a perder peso com facilidade, possuindo ossos e músculos pouco desenvolvidos, veias proeminentes, pele e articulações mais secas, apetite irregular, metabolismo rápido com muita função catabólica, sono leve, sistema nervoso hiper-sensível, movimentos e fala mais rápidas e agitados, olhar oscilante e tendência a ter o corpo mais frio. Suas fezes tendem a ser mais secas e duras, enquanto a urina é clara (aguada) e o suor escasso. Possuem pouca resistência física. As pessoas vata têm grande propensão a desenvolver artrites pelo ressecamento das articulações, constipação devido ao ressecamento das fezes e intestino, emagrecimento, insônia, hiper-sensibilidade ao barulho, problemas de baixa imunidade e cansaço físico freqüentes. Conforme os atributos dos elementos ar e espaço, predominantes nesta constituição, as pessoas vata são mais inquietas e muito irregulares em seus hábitos de vida, crenças e decisões. Possuem grande entusiasmo, curiosidade e interesse por diversos tipos de assuntos ao mesmo tempo, por isso tendem a se envolver com mais atividades do que podem dar conta, freqüentemente iniciando muitas coisas sem contudo finalizá-las. São pessoas muito “aéreas”, distraídas, mas por isso também muito imaginativas e criativas. Compreendem rapidamente as coisas mas possuem memória fraca e por isso logo esquecem. Tendem a ser mais ansiosas, inseguras, indecisas, e ao mesmo tempo ávidas por mudanças, novidades. Tendem a ser muito desapegadas e até mesmo descuidadas de suas posses. Orientam-se muito pelos sentidos do tato e audição. Seus desequilíbrios psicológicos manifestam-se enquanto ansiedade, medo, insônia, mania, hiper-atividade, pânico, falta de foco.

Pitta – são pessoas em cuja constituição prevalecem as características dos elementos fogo e água. São pessoas de estrutura mediana, com a mesma facilidade de perder e ganhar peso, possuem a pele mais avermelhada e oleosa, unhas bem rosadas, o corpo é mais quente, o apetite é muito forte, com alto poder digestivo, tendem a ficar fracas e irritadas quando com fome. Têm propensão a ter olhos e cabelos mais claros, com tendência a calvície e cabelos grisalhos precocemente. São muito sensíveis à luz, queimando rapidamente a pele e sentindo ardência nos olhos quando expostas ao sol forte. Seu olhar é penetrante. Suas fezes tendem a ser mais pastosas, enquanto a urina é amarela com cheiro forte e o suor abundante. Sua resistência física é mediana. Possuem grande tendência a desenvolver problemas ligados à inflamações e infecções, problemas gástricos como hiper-acidez, queimações e úlceras, feridas, coceiras e alergias de pele. Conforme os atributos dos elementos fogo e água, predominantes nesta constituição, as pessoas pitta tendem a ser muito passionais, obstinadas, extremamente focadas e ávidas por atingir metas e superar desafios. São pessoas com inteligência muito aguçada, muito voltadas para o conhecimento (a luz é uma característica de fogo) e ao mesmo tempo com tendência a liderar e exercer o poder. É grande sua tendência ao controle, auto-disciplina, exigência voltada para si e para os outros. Tendem a ser críticos e são muito persistentes em seus pontos de vista. Costumam ter hábitos de vida muito regulares, cheios de esquemas. Ressentem-se em “perder tempo”. Possuem grande tendência a ficar irritado, sentir raiva, ter explosões de agressividade (sentimentos quentes). Não toleram pular refeições. São muito determinados e empreendedores. Orientam-se muito pelo sentido da visão. Seus desequilíbrios psicológicos manifestam-se enquanto raiva, ódio, agressividade, obsessão, compulsão, esquematismos e falta de flexibilidade.

Kapha – são pessoas em cuja constituição prevalecem as características dos elementos água e terra. São pessoas de estrutura mais densa e pesada, com forte tendência a ganhar peso, a reter gordura e líquidos no corpo. Possuem apetite fraco mas constante, com metabolismo e digestão lentos e grande função anabólica. Seus ossos e músculos são grandes e as veias pouco proeminentes, a pele é mais pálida, fria e muito oleosa, os olhos grandes e atraentes, os cabelos densos e macios, a fala grave e volumosa, os movimentos lentos. São mais sonolentos e precisam de estímulos mais intensos para manterem-se alertas. Possuem grande capacidade de tolerar jejuns pois possuem muita reserva energética, sua resistência física tende a ser grande bem como a imunidade muito forte. As fezes tendem a ser bastante oleosas e cheias de muco, a urina leitosa e o suor mais frio e de pouco odor. Possuem grande tendência à obesidade, problemas relacionados a inchaços, tumores, retenção de líquido, acúmulo de muco e gordura, asma e bronquites, sedentarismo e letargia. Conforme os atributos dos elementos água e terra, predominantes nesta constituição, as pessoas kapha tendem a ser muito calmas, lentas, de temperamento manso e muito emotivas, geralmente são bondosas, afetuosas e generosas, mas também possessivas e resistentes a se desfazer das coisas. Tendem a ser muito apegadas ao passado, cheias de saudosismo, com ótima memória e resistentes à mudanças. São freqüentemente preguiçosas, especialmente para exercícios físicos, e muito sonolentas. Tendem a compensar suas frustrações emocionais com excesso de comida, mesmo sem ter fome. Contudo, têm grande facilidade em experimentar tranqüilidade, contentamento, paciência, e tendem a ser pouco preocupadas. Orientam-se muito pelos sentidos do cheiro e paladar. Seus desequilíbrios psicológicos manifestam-se enquanto letargia, preguiça, inércia, apegos, possessividade, falta de motivação, depressão, excesso de mágoa e ressentimento. De acordo com o Ayurveda, estes biotipos nem sempre se encontram em sua forma mais “pura”, mas geralmente em combinações que podem ser descritas como vata-pitta, pitta-kapha, vata-kapha, o que significa que encontraremos características em comum de dois tipos em uma mesma pessoa.

Resultado de imagem para imagens de doshasAs emoções e os cinco elementos e 20 atributos

Assim como utilizamos o modelo dos cinco elementos e 20 atributos para descrever a estrutura e funcionamento do corpo humano, também podemos perceber que nossos processos mentais se manifestam através dos mesmos atributos. É comum descrevermos nossas emoções e sentimentos através de termos como “seco”, “duro”, “caloroso”, “frio”, “pegajoso”, “leve”, “pesado” e assim por diante. Desta forma,vamos analisar algumas de nossas emoções mais comuns do ponto de vista de quais atributos às caracterizam. Bem como que tipo de repercussão produzem no corpo físico:

Medo: é interessante notar que a reação fisiológica mais comum que caracteriza o medo é o tremor. Dizemos que uma pessoa está “tremendo de medo” quando afetada por esta emoção. O tremor é uma manifestação do atributo móvel, agitado ou brusco, uma das qualidades mais importantes do elemento ar. O excesso de agitação leva à perda da estabilidade e do  enraizamento e, portanto, à perda de segurança. Outro atributo, também intimamente ligado ao tremor é a sensação de frio. O medo gera uma sensação semelhante ao estar com frio, com tremores e palidez. É, portanto, uma emoção típicamente vata, de modo que pessoas de constituição vata ou em condição de vata agravado (excesso de ar) são mais propensas a senti-lo.

Toda experiência de medo leva, portanto, à contrações musculares no organismo, no intuito de criar estabilidade, segurança e ao mesmo tempo “proteger o calor” do corpo em resposta à sensação de frio. Sabemos que as couraças ou padrões de tensão muscular crônica têm sempre o medo como sua emoção matriz. Assim, a experiência contínua de insegurança leva nossa musculatura a ficar cronicamente enrijecida.

Sobre esta relação entre o medo e o tecido muscular podemos dizer ainda que as pessoas de constituição vata são mais magras, com pouca massa muscular, por isso estão mais “indefesas e desprotegidas” diante das ameaças externas. Daí sua propensão maior ao sentimento de medo. Em geral, notamos que quando o tecido muscular está saudável e bem fortalecido, haverá maior sentimento de segurança. Desenvolver um bom tônus muscular é um dos caminhos corporais para o sentimento de estabilidade e segurança. Também o atributo do calor, especialmente o calor afetivo nos ajuda a superar a “frieza” do medo. Tudo o que reduz vata, o princípio do ar no organismo, nos ajuda a superar este sentimento.

Raiva: diferente do medo que é uma emoção fria, podemos notar como a raiva é uma emoção quente. Ao sentir raiva o corpo se esquenta, o sangue vem para as extremidades e o corpo fica mais vermelho, diferente da palidez que caracteriza o medo. A raiva se expressa através do desejo de queimar ou consumir o objeto, assim como o fogo. Também há a relação com o desejo de morder e devorar, relacionado com o fato de que o calor e o fogo também são os principais atributos do sistema digestivo. Pessoas de constituição pitta, por terem o corpo mais quente, são mais propensas a experimentar raiva e irritação.

O impacto maior deste tipo de emoção recai sobre os órgãos “quentes” do corpo tais como o fígado, intestino delgado e coração (o sangue é um dos componentes mais quentes do corpo). Em ayurveda dizemos que a raiva é pior do que o álcool para o fígado. Em geral, quando vemos alguém tomado pela raiva, dizemos que está com a “cabeça ou com o sangue quente”, e dizemos que esta pessoa deve “esfriar a cabeça”. Isto é correto, pois o uso do atributo frio é um dos melhores meios para apaziguar o humor colérico.

Em geral, todas as medidas para reduzir pitta e o fogo corporal irão aliviar este sentimento.

Mágoa: fazendo uma leitura livre desta palavra que define a emoção, mágoa poderia ser pensada como “má água”. Ou seja, água que se estagnou e entrou em putrefação. A interpretação condiz com o fato deste sentimento ter como principais atributos a sensação de peso e a inércia – o sentimento fica guardado, não se vai, não pode fluir. Permanece o aperto (atributo pesado) no peito e a sensação do choro guardado (a água estagnada). As pessoas kapha, pelos atributos pesado e inércia, tendem a guardar muito na memória seus ressentimentos. São mais conservadoras, apegadas e retentoras, vivendo de lembranças e cultos ao que já passou.

Por isso são muito propensas a carregar este tipo de sentimento. A repercussão sobre o corpo é o aparecimento de sintomas de retenção, seja de líquidos, gorduras ou toxinas, formando inchaços e tumores benignos ou malignos. O desapego e o perdão são a cura para este sentimento. Assim, tudo o que reduz kapha (o princípio de terra e água), a inércia e o apego ajudará a superar este sentimento.

Amor: O sentimento de amor, contanto que desprovido de apego, é sem dúvida um dos sentimentos mais benéficos para a saúde física. Assim como kapha está relacionado com estrutura e anabolismo, podemos pensar no amor como uma força gravitacional, a qual une e mantem a estrutura de tudo o que existe. Kapha está relacionado a esta força gravitacional no sentido de que é o que mantém a estrutura, a força e estabilidade do corpo. Sua função anabólica constrói os tecidos e órgãos e os mantém através de sua capacidade imunológica e regenerativa.

Em ayurveda dizemos que toda a capacidade imunológica de um organismo se fortalece através do sentimento de amor, e notamos o quanto as pessoas de constituição kapha são em geral mais amorosas e compassivas. Kapha está relacionado à nutrição e não há sentimento mais nutritivo do que o amor. Até mesmo o início da história alimentar de um indivíduo, a amamentação, está diretamente vinculada ao sentimento de amor materno.

Resultado de imagem para imagens de doshasVisão pessoal…

Atualmente um novo paradigma começou a surgir e a se difundir, baseado nos últimos avanços das pesquisas em física quântica e no resgate das antigas tradições médico-filosóficas do passado, particularmente a medicina oriental. Esse novo paradigma – O Holismo – entende o ser humano como um sistema dinâmico de energias formando corpo, mente , e espírito ou consciência, um todo indivisível. É com essa visão holística e transpessoal do ser humano, ou seja, como um ser uno e indivisível – impossível de ser explicado pelo estudo separado de seus componentes físico, psicológico, e espiritual – que a medicina chamada “alternativa” busca alcançar grande interação com o paciente visando detectar-lhe os estados emocionais, os conflitos interiores, traumas, estilo de vida, sua alimentação, enfim, sua relação consigo mesmo e com o mundo que o cerca. Nesse mesmo caminho, cada vez mais, cientistas começam a comprovar muitos dos fundamentos das antigas ciências orientais (como a tradicional medicina chinesa – e a acupuntura, a medicina ayurvédica, e mais recentemente a homeopatia), como por exemplo a existência de uma “anatomia energética ou sutil”. Hoje os pesquisadores falam da existência de um campo energético no homem chamado corpo bioplasmático, ou campo morfogenético.O reconhecimento de que toda matéria é energia constitui a base para a compreensão de que todos os seres vivos podem ser considerados sistemas energéticos dinâmicos. Assim, a tentativa de se curar o corpo através da manipulação desse nível básico energético ou vibracional vem sendo chamada de Medicina Ayurvédica Vibracional; através da percepção de que os seres humanos são constituídos de energia, podemos começar a compreender novos pontos de vista a respeito da saúde e da doença. Ao invés de recorrer aos tratamentos cirúrgicos ou farmacológicos convencionais, a Medicina Ayurvédica Vibracional procura tratar as pessoas com energia pura. Essa perspectiva teórica baseia-se na compreensão de que o arranjo molecular do corpo físico é na verdade uma complexa rede de campos de energia entrelaçados. A rede energética, que representa a estrutura físico-celular, é organizada e sustentada por sistemas energéticos “sutis”, existindo uma organização hierárquica entre esses sistemas energéticos, que coordena tanto as funções eletrofisiológicas e hormonal como a estrutura celular do corpo físico. É básicamente a partir desses níveis de energia sutil que se originam a saúde e a doença. Esses singulares sistemas de energia são afetados, tanto pelas nossas emoções, como pelos fatores ambientais e nutricionais. Através da Medicina Ayurvédica Vibracional procura-se curar as doenças, atuando sobre os padrões energéticos que dirigem a expressão física da vida.Em Ayurveda, a jornada da vida em sua totalidade é considerada sagrada. Sua grande verdade é Ser, Existência Pura, Fonte de toda a vida. Ayurveda é uma ciência da Verdade, como esta se expressa na vida…..

Inspiração…

Um manual para incorporar a ciência ayurvédica … – Portal Estar Bem

DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO AYURVÉDICO … – Centro Reichiano

novos tempos para ervas ayurvédicas

A Medicina Tibetana – Jardim do Dharma

sanathana dharma – Alinhamento Energético – Cura Interior

Monicavox

Recomendo…

Imagem relacionada

 

Imagem relacionada

Resultado de imagem para imagens de livros sobre ayurvéda

 

 

 

Métodos para superar situações difíceis….

Resultado de imagem para imagens sobre situações dificeisA vida é uma série de montanhas e vales, uma mistura de momentos felizes, acontecimentos normais do dia a dia e situações difíceis. Às vezes você se sente eufórico, e outras vezes, é como se o mundo tivesse acabado. E, embora a tendência natural do ser humano seja procurar a felicidade, realmente são as situações difíceis que nos testam e nos fazem crescer.

A maneira como encaramos estes tempos difíceis é o que realmente define quem somos e que nos faz valorizar profundamente todos os acontecimentos da vida. Quando uma pessoa é capaz de superar estas situações difíceis não só cresce interiormente, mas também aprende a valorizar a felicidade de outra forma, o que lhe dará força interior e sabedoria.

“A vida não é da forma que acreditamos que deva ser, ela é o que é. A maneira como você a enfrenta é que faz toda a diferença”.
-Virginia Satir-

Mesmo na situação mais desesperada, há esperança. É mais fácil falar do que agir, mas é possível sair do buraco e superar as dificuldades. Não é fácil, mas ninguém disse que seria. Mas, apesar de tudo, muitas pessoas conseguem. Aqui estão algumas dicas que podem ajudá-lo a superar estas situações sufocantes que, em um primeiro momento, você acha que não vai superar.

Isto também passará

Você já sabe por experiência própria que tudo passa, que nada dura para sempre. Esta situação de dor e angústia que está sentindo também passará. Não importa o quanto esmagadora ou intensa ela seja, também passará. Portanto, não se agarre a sua dor para superá-la. Sinta, deixe fluir, mas sem apego.

Não se sinta culpado por sentir dor ou tentar buscar a responsabilidade, dentro ou fora de você. Buscar culpados não resolverá nada, só aumentará a raiva. Sinta a sua dor, ela é sua, e depois a deixe fluir. Mais cedo ou mais tarde, ela irá, mas só quando você a deixar fluir. Dessa forma, você encontrará a saída.

Você é forte, tão forte quanto quiser ser

Existe muita força e coragem dentro de você. Se você ainda não percebeu o quanto é forte, é porque não precisou usar essa força trancada dentro do seu interior. Diante de uma situação difícil, você tem a oportunidade de liberar essa força interior.

Você não sente essa força? Isso é porque você sente medo, um medo paralisante que pode fazer você pensar em atrocidades. Mas, tudo o que o seu medo lhe diz é mentira. Você pode superar esta situação, porque tem dentro de você as ferramentas necessárias para fazê-lo. Busque essas ferramentas e coloque-as em prática.

Faça com que a sua vontade se imponha sobre a sua mente, e a razão se imponha sobre o coração. Aceite o fato de que você precisa encontrar essa força, mesmo que doa. Seja corajoso para tomar a decisão de controlar os seus pensamentos.

 “A vida é 10% o que acontece com você e 90% como você reage a isso”.
-Charles Swindoll-

Não deixe que ninguém dite a sua realidade

A dor e a perda fazem parte da vida; todos nós passamos por momentos dolorosos. Não deixe que os outros interfiram na sua maneira de enfrentar a dor, enfrente a sua própria realidade do seu jeito. Ela é sua e de mais ninguém.Não existe uma maneira correta de lidar com a dor, você não tem que ser politicamente correto. Decida por si mesmo o que deseja fazer. Procure em seu interior o que você precisa fazer para deixar a dor fluir. Descubra onde está a sua força interior e como usá-la em seu benefício.Muitos não entenderão a maneira como você vivencia a sua dor, mas isso não é problema seu. Não deixe que ninguém decida por você como enfrentar as suas situações difíceis.

Não se concentre no que você não pode controlar

Diante de uma situação difícil, existem muitas coisas que você não pode controlar. Mas nos apegamos a elas, tentamos buscar explicação e encontrar os culpados. E nessa tentativa de controlar tudo, nos apegamos à raiva e à dor.Solte, deixe ir, não se concentre naquilo que é incontrolável. Deixe que fluam as angústias, liberte-se delas, concentre-se na busca de paz interior. Você não pode controlar a situação e nem mesmo as suas emoções. Aceite-as sem apego e não tente dominá-las.

As situações difíceis têm um significado: procure por ele

Tudo na vida tem um sentido, uma razão, um aprendizado, basta procurar. Acredite que você pode aprender algo de bom com tudo o que acontece com você, mesmo com as situações mais dolorosas. Não tente entender ou manipular a situação. Simplesmente deixe que ela lhe ensine algo que o transformará em uma pessoa mais forte e corajosa.

O escritor Dean R. Koontz disse certa vez que recebemos respostas através das orações, mas é preciso ouvir atenciosamente e acreditar na resposta. Deus não grita, ele sussurra. E o caminho está nos sussurros. É uma ideia igualmente válida, aplique-a em suas crenças.

Resultado de imagem para imagens sobre situações dificeisVisão pessoal…..

Proponho uma reflexão sobre esta frase do psicólogo e psiquiatra Maslow, que nos convida a analisar como ficamos “cegos” ao manter a mesma forma de lidar com as situações ou problemas que enfrentamos na vida cotidianamente. Com esta atitude, a impressão que temos é que tudo é muito difícil de ser resolvido ou superado.

Para quem só sabe usar martelo, todo problema é um prego.
Abraham Maslow

Tendemos a manter-nos prisioneiros também pela maneira com que, culturalmente, aprendemos sobre este tema, cultivando nossas crenças, medos e inseguranças. Assim, inconscientemente, vamos repetindo os mesmos padrões de funcionamento, vivenciando decepções e frustrações e justificando e responsabilizando tudo que está alheio a nós, ou seja, projetamos no outro tudo aquilo que acreditamos que nos ajudaria a aliviar tais sentimentos. Portanto, se ampliarmos nossa forma de olhar e perceber o mundo à nossa volta, notaremos que existem outras ferramentas e não só o “martelo”.Certamente, manter o bom humor e sorrir é uma boa saída para estes momentos difíceis da vida, pois as adversidades vão ocorrer, independente do nosso desejo ou disposição para resolvê-las. Por isso, sorrir nos ajuda a enfrentar de maneira mas leve tais situações. Até porque liberamos substâncias que alteram nossa bioquímica e promovem sensações de bem-estar e disposição. Isso facilita a interpretação e, consequentemente, a percepção em relação às atitudes a serem tomadas frente à situação problemática do momento.No entanto, existem momentos em que não sabemos como lidar com determinadas situações. Inesperadamente, todos nós, algumas vezes, somos confrontados com problemas, lutas, desafios, dificuldades e situações difíceis. De acordo com nosso estado emocional, podem apresentar-se para nós como verdadeiros “monstros” diante dos quais nos sentimos pequeninos, com medo e inseguros. Estas manifestações emocionais provocam uma inação e não conseguimos encontrar recursos para resolver os problemas. Nestas horas, o melhor é manter a calma e aceitar. “Olhar” para a situação da maneira como ela apresenta-se para, assim, ser capaz de descobrir de quais recursos precisamos, sejam eles internos, como autoconfiança, coragem e determinação, ou externos, como amigos, parentes, ajuda financeira, entre outros.Nossa condição humana caracteriza-nos como seres dependentes um do outro desde nosso nascimento. Conforme ocorre o desenvolvimento, ficamos mais independentes em muitos aspectos, o que é bom. Porém, se pararmos para pensar, não somos absolutamente independentes. Por isso, há momentos em que precisamos recorrer a algum tipo de ajuda. Especialmente quando temos alguma situação difícil com que temos de lidar. Um dos maiores vínculos afetivos que construímos ao longo da vida é o realizado com nossos familiares, e ainda que tenhamos dificuldades neste campo também, muitas vezes é nele mesmo que encontramos alguém que possa ajudar-nos, de alguma maneira, a superar uma situação difícil, pois o amor do outro por nós dá força e nos ajuda a construir autoestima.As fases ruins vão ocorrer em nossas vidas a despeito do nosso desejo ou da nossa vontade, sem fazer nenhuma apologia ao negativismo ou autocomiseração. Mas o que eu quero dizer é que sempre há a possibilidade de superação caso reconheçamos, em nós mesmos, a capacidade de responder positiva e construtivamente frente a estas fases, que nos põe à prova em muitos momentos da vida. Pense que, à medida que vamos superando as adversidades que surgem, sejam elas grandes ou pequenas, ficamos mais autoconfiantes, seguros e capazes. As melhores consequências disto são o amadurecimento e a sabedoria que vamos adquirir.Há momentos em que o pensamento de que será muito difícil suportar algo surge fortemente em nossas mentes, causando-nos uma sensação de impotência diante das dificuldades. Ficamos perdidos e sem saber o que fazer; Acredito que aceitar os fatos como eles são, sem aversão, sem pessimismo e sem passividade, é claro, pode fazer com que o sofrimento seja menor, pois quanto mais a reatividade e a rebeldia ou revolta estiverem presentes, mais intenso será o sofrimento. Buscar e construir recursos internos favorecerão a construção ou manutenção do equilíbrio emocional, um forte aliado nestas situações difíceis. Isso nos deixará mais fortes e confiantes diante de futuros obstáculos.Cultivar bons relacionamentos com amigos, familiares e companheiros constitui outro recurso. Bons vínculos afetivos são reconfortantes e contribuem para a manutenção da nossa saúde mental. Também estas pessoas poderão ter experiências semelhantes à que estamos passando, o que pode trazer “luz” para nossas mentes. Tudo isso ajuda a preservar nosso equilíbrio emocional e psicológico. Porém, se achar que tais dificuldades estão prolongando-se ou que você não encontra caminhos, procure ajuda profissional, prevenindo-se de transtornos e problemas de saúde psíquica, mental e física no futuro.

Quero terminar  com uma frase do psiquiatra e psicoterapeuta Carl Gustav Jung, para refletir:

Tudo depende de como vemos as coisas e não de como elas são.
Carl Gustav Jung

Inspiração….

Site: https://www.amazon.com.br/365-Sementes-Amor-Clene-Salles-ebook/dp/B072BH4H6S/ref=sr_1_3?ie=UTF8&qid=1496858814&sr=8-3&keywords=clene+salles

 

Conversas Dificeis

Argumentar em Situações Difíceis – PDF,

O Lado Difícil das Situações Difíceis

52 maneiras de vencer situações difíceis – Clene Salles –

Monicavox

Recomendo…

Resultado de imagem para imagens sobre situações dificeis

Resultado de imagem para imagens sobre situações dificeis