Minhas matérias & opiniões….

O Plexo Solar e a estrutura de polaridades

Resultado de imagem para imagens sobre o chacra plexoCada pessoa nasce com uma estrutura de polaridades que faz parte da sua essência e é o seu esqueleto energético. A história de vida pode afetar o movimento energético natural desta estrutura, gerando desbalanceamentos entre elas que comprometem a expressão do potencial criativo do indivíduo e a sua saúde.

A polaridade dá suporte para a vida no físico e está constantemente criando movimento. Entre as polaridades existe uma força. O chakra do Plexo Solar, cumpre a função de equilibrar e estabilizar o movimento das polaridades. As emoções podem interferir na relação da pessoa com a terra (chakra da Raiz), com o sentimento (chakra Cardíaco) e com a visão da realidade (chakra Frontal), produzindo desequilíbrios. Quando as emoções oscilam de um extremo a outro não existe equilíbrio e a pessoa não se conecta com sua força energética natural. O poder não reside em nenhum dos pólos e, sim, na combinação de ambos. Quando um aspecto do emocional é negado, a polaridade fica presa, a energia não pode atravessar o chakra do Plexo Solar e avançar. É o conhecimento e a inclusão dos vários aspectos do emocional que possibilitam a este chakra encontrar uma estabilização e um centramento que lhe permite expandir e desempenhar plenamente as suas funções produzindo equilíbrio, integração e saúde no organismo do indivíduo.

No nível energético, o chakra do Plexo Solar está ligado ao elemento fogo e à transmutação. Esta é a função primordial deste chakra. Transmutação é um processo fundamental quando se trabalha com energia. Segundo Bob Moore (1992), para que ocorra uma liberação de bloqueios ou de emoções suprimidas a energia precisa se mover dentro da pessoa. A energia se move da parte inferior do corpo para cima, começando pelos pés, atravessando a Raiz, o Hara até encontrar o Plexo Solar, a área de fogo do corpo, dando início ao processo de refinamento da energia.

Os pensamentos relacionados à energia do bloqueio ou supressão começam a vir para a consciência instaurando o movimento de mudança – este é o estágio da transmutação. Transmutação é mover a energia de uma dimensão de consciência para outra dimensão de consciência acima dela. É uma preparação para a transformação. A transformação acontece a partir desta mesma energia. As energias bloqueadas e reprimidas são o material energético que a pessoa tem para ser transformado e usado pelas dimensões progressivas de consciência.Sem transmutação não se pode transformar. 

Sem transmutação não ocorre mudança, não ocorre o refinamento da energia para que ela possa subir e se ligar ao chakra Cardíaco, ficando como uma energia desperdiçada que pode entrar em estagnação. A transformação acontece quando a energia transmutada pelo Plexo Solar alcança o chakra Cardíaco para se expressar, vinculando a pessoa aos sentimentos e aos estados progressivos de sua consciência, possibilitando novos pensamentos e atitudes. A partir destas informações, pode-se perceber a importância de se trabalhar com a área central do corpo e com o chakra relativo a ela – o Plexo Solar.

O trabalho com a área central, com o Plexo Solar, com o emocional, é essencial para a construção de uma liberdade. Quando o Plexo Solar equilibra seu movimento energético e se abre, é possível criar novos caminhos internos, com novos pensamentos, sentimentos e atitudes. Criar liberdade. 

Ao expandir, este chakra pode manifestar a qualidade construtiva inerente do emocional que é a capacidade de se vincular e amar. É neste movimento de expansão que o chakra do Plexo Solar pode funcionar no pleno potencial dele e transferir energia para o chakra Cardíaco iniciando o processo de transformação e desenvolvimento espiritual da pessoa.

Cuidados para o plexo solar

  1. É importante criar afirmações para o plexo solar, partindo de uma base “EU SOU”Eu Sou capaz, Eu posso, Eu consigo, Eu sei definir a minha vida, Eu sou bondoso, Eu amo-me, Eu respeito-me e respeito os outros, EU sou um defensor de mim mesmo, Eu ajudo-me…
  2. Caminhem e visualizem-se a colocar o sol dentro da barriga
  3. Não tenham medo que as coisas entrem dentro de vocês, pensem antes que de dentro de vocês sai iluminação para fora, só entra algo quando estamos com espaço vazio por dentro…
  4. Libertem-se e transformem as emoções negativas

Programa de autocura e equilíbrio de 21 dias-Prólogo

As crises pessoais ocorrem quando percebemos a inutilidade de um velho padrão, mas continuamos insistentemente apegados a ele, porque nos é mais seguro e familiar: zonas de conforto.Para poder atravessar as águas das emoções que acompanham as inevitáveis demandas da vida que clamam por transformações, e o crescimento que advém das crises pessoais, precisamos de algo verdadeiro, simples, eficiente.

Precisamos estar conscientes que na medida da expansão da consciência, velhas estruturas tendem a desmoronar. As zonas de conforto, apesar do medo, vão deixar de existir (porque existe amor emanando). E o modo antigo, mesmo sob estresse e ansiedade precisa ser transformado com otimismo e bom astral. É hora de crescer, de renascer, de começar de novo, de enfrentar e degustar o novo.

A raiva é a lembrança da dor passada e re-visitada. A irritação produz uma substância que se espalha vagarosamente pelo nosso sistema nervoso, interrompe canais elétricos, contamina a aura e finalmente emburrece. O medo é o antônimo do amor, a dor da lembrança projetada no futuro.Vivemos num mundo com um fluxo invisível de emoções e desequilíbrios. Na maioria das vezes não temos a menor consciência ou controle das nossas emoções, dos nossos ralos energéticos, dos nossos pensamentos. E, para complicar, às vezes somos inundados pelas ondas das experiências traumáticas vividas no passado, quem sabe, em outras vidas.Não há como evitar as emoções ou sentimentos desagradáveis, somos humanos. Mas há como passar por eles e aprender com suas lições. Negar ou evitá-las somente as intensificam. Elas crescem e se tornam maiores, nos engolem. Aceitar, é reafirmar que estamos prontos para acompanhar e transpor, transformá-las em algo mais consciente, lapidado, em sentimento, de tal forma que possamos aprender e crescer na jornada. SENTIR superação, sentir-se maior.

Vamos a um exercício bem concreto para nos livrar de desordens mentais indesejáveis:

Passo 1 – Compre um caderninho e anote todos os pensamentos negativos que faz de si mesmo no período de 7 dias. TODOS; Por exemplo: Eu sou muito esquecido – Não consigo me concentrar – Tudo dá errado comigo – Nunca dá certo – As pessoas não me entendem – Não consigo fazer…. Estou mal , etc.Nessa primeira semana você terá uma idéia da crença que fez sobre si mesmo. Aqueles pensamentos que entram uma única vez, não serão tão importantes nesse momento, mas naqueles que se repetem, você deverá prestar atenção.

Passo 2 – Na segunda semana, separe aqueles pensamentos negativos mais constantes, e monte afirmações contrárias e positivas do tipo: Minha memória está cada vez melhor – Consigo me concentrar para realizar esta tarefa – O Universo me inspira para fazer as coisas certas para os meus propósitos – As pessoas me compreendem – Faço tudo aquilo que precisa ser feito – Cada dia que passa vou melhor, etc.Repita durante a semana várias vezes essas afirmações positivas.

Passo 3 – Na terceira semana, faça novamente a coleta de pensamentos negativos e veja se algo já foi alterado.E siga fazendo. São necessários um mínimo de 21 dias consecutivos de trabalho intenso para começar a alterar o disco rígido. Padrões mentais precisam de tempo para serem alterados. Afinal foram anos de perpetuação.Mas não esqueçam o corpo físico – nosso templo, nossa casa – precisa estar sendo alimentado de: água, atividade física, alimentos leves como os da alimentação desintoxicante, ou seja, precisa estar deixando sair o velho, para dar espaço ao novo.

Como fortalecer o plexo solar

O plexo solar, como é conhecido em termos médicos, é uma rede de interseção de nervos localizada posteriormente ao estômago, no ponto médio da parte superior do tronco. Esse centro nervoso contém dois conjuntos de fibras conhecidos como gânglios solares, que abrigam neurônios que inervam estômago, fígado, vesícula biliar, baço, rins e intestinos. Por esta razão, esse plexo sensitivo também é conhecido como “cérebro abdominal”. Embora os próprios nervos não possam ser fortalecidos como os músculos, uma musculatura abdominal forte protege essa área. Para isso, existem exercícios taoístas, chakra e ioga.

Como fortalecer o plexo solar Exercício taoísta

  1. Coloque as duas mãos sobre o plexo solar, na base do centro da caixa torácica, em pé ou sentado. Com o corpo e a cabeça inclinados para frente, inspire, sentindo o ar entrar pelos pulmões.
  2. Expire, pressionando as mãos contra o estômago e para cima, no plexo solar, enquanto gira tanto quanto puder a cabeça e a parte superior do corpo para a esquerda. Ao mesmo tempo, gire a pelve para a direita.
  3. Inspire ao retornar para a posição inicial, relaxando as mãos lentamente durante a inspiração, até a posição inicial de repouso abdominal.
  4. Repita o processo virando a cabeça e a parte superior do corpo para a direita e a pelve para a esquerda.
  5. Concentre-se na área do plexo solar durante o exercício e repita para ambos os lados do corpo de quatro a 36 vezes.

Posição Kundalini do Ioga

  1. Deite-se de costas e coloque as duas mãos nas nádegas, as quais apoiarão a parte inferior das costas durante o exercício.
  2. Levante ambas as pernas por cerca de 30 cm, elevando os dedos dos pés.
  3. Levante a cabeça, tentando olhar os dedos dos pés e mantenha a posição por 10 a 20 segundos.
  4. Respire fundo, mantendo a posição.

kundalini-nova-energia

Causas da dor no Plexo Solar

A dor no plexo solar pode resultar de vários fatores. Um deles é interno, o que significa que a dor pode ser causadas por problemas no funcionamento da rede de nervos. Isso pode causar desconforto em um ou mais dos órgãos conectados aos nervos do plexo solar. A dor também pode ser resultado de uma lesão causada por uma batida no estômago. O câncer é um outro motivo em potencial para a sensibilidade no plexo solar, especialmente se ele for uma metástase. Os cânceres metastáticos no plexo solar podem se espalhar de um órgão para outro pela rede, fazendo com que o problema seja mais difícil de tratar.

 Lidando com a dor

Lidar com a dor no plexo solar é uma tarefa complexa, já que a dor pode ser causada por várias razões em potencial. Qualquer dor em órgãos pode na verdade estar relacionada ao plexo solar. Por exemplo, algo que parece ser apenas uma cólica abdominal pode ser mais complexo se o plexo solar estiver envolvido. Então, quando houver suspeita de lesão nesse plexo, um diagnóstico precisa ser feito antes de qualquer tratamento, usando radiografias e outros exames para ver se a área está envolvida. Se a dúvida for confirmada, as terapias apropriadas devem ser prescritas de acordo com a fonte da dor. No entanto, se ela for originada por causa de um câncer, o oncologista é quem decide o melhor tratamento. Quanto a dores musculares, pode-se tentar o método de repouso, gelo, compressão e elevação.

 Métodos de tratamento

O fato principal sobre a dor no plexo solar é que ela está relacionada aos nervos. Então, analgésicos que atuam sobre estruturas musculares e nervosas terão uso limitado. Já os medicamentos que agem sobre o sistema nervoso podem suprimir a dor, mas esse é um tratamento sintomático. 

A chave para resolver o problema subjacente é relaxar os nervos. Talvez nenhum sistema de tratamento tenha sido comprovadamente eficaz como o Yoga quanto ao relaxamento dos nervos. Algumas técnicas fáceis que podem ser praticadas no dia a dia incluem respirações profundas (a hiperventilação enquanto se deita de costas) e superficiais e aceleradas. Os movimentos respiratórios superficiais e rápidos devem ser como a respiração de um cachorro e, se forem feitos por cinco minutos, eles podem acalmar o sistema nervoso. Cantar em voz alta também pode liberar o estresse e colocar as mãos sobre a região do plexo enquanto se faz isso também pode ajudar.

ALGUNS EXEMPLOS DE TERAPIAS ALTERNATIVAS  Á MEDICINA CONVENCIONAL,PARA ESTUDO E CONSULTA

1-Aromaterapia

2-Cromoterapia

3-Cristaloterapia

4-Terapia Floral

5-Homeopatia

6-Radiestesia

7-Acupuntura

MEDICINA ALTERNATIVAS-OPÇÕES DE CURA

Reiki

MEDITAÇÃO PARA O EQUILÍBRIO DO PLEXO SOLAR

Visualização: Saudação ao Sol

Veja-se de pé sobre a protuberância de uma rocha, numa paisagem árida e sem árvores. Ainda está bastante escuro; está prestes a amanhecer. Sua posição privilegiada permite que você contemple o território. Mesmo nessa luz você consegue descortinar uma vasta planície desértica que avança em todas as direções.Aqui e ali você consegue perceber grandes aforamentos rochosos, que parecem dedos que se erguem para o céu. O Sol começa a nascer no horizonte longínquo. Você observa o despontar da grande bola de fogo. Logo que surge, parece vermelho. Você ergue os braços saudando o grande ser que emerge da escuridão da noite.A luz do sol começa a inundar o terreno, iluminando a paisagem aparentemente sem fim. Você sente um toque de calor no rosto quando os raios do grande astro ficam mais longos.À medida que o sol se eleva no céu, passando do vermelho para um amarelo ardente, ele parece acender a fagulha dentro do seu centro de fogo.Sua mente fica inundada com a imagem de uma radiante esfera nas profundezas cio centro do seu ser. Ela reluz com um brilho que se expande para fora, enquanto você se ergue sobre o seu pico elevado. Ela sobe dentro de você como uma grande bola flamejante que emerge do sono. Você começa a respirar profundamente, bebendo os raios do sol como um líquido dourado. Ao inspirar, você se vê inundado por uma chuva de luminosidade. Ao expirar, irradia essa energia divina na direção de outras formas vivas.Enquanto se ergue no brilho cada vez mais intenso de um novo dia, procure tomar consciência da qualidade vivificante de toda a paisagem. Na frescura do novo dia, tudo irradia vida. À medida que você dá seguimento à respiração profunda, suas inalações parecem colocá-lo em contato com a força vital da terra, das pedras, da areia e do próprio ar.Enquanto inspira, você sente que está bebendo a energia que a terra tem a lhe oferecer, compartilhando o seu ciclo diário de renovação. Essa energia enche o seu centro do poder, inundando-o de força vital. Você se sente totalmente vivo, revigorado, extremamente alegre. Sua reserva de energia, agora tão elevada, está quase transbordando. Transfira esse vigor para a sua vida e use-o para se realizar.O chakra manipura produz um vasto conjunto de imagens flamejantes: acender uma fogueira; preparar um fogo ritual; observar uma casa em chamas; até mesmo estar ardendo em chamas, porém, paradoxalmente, ileso, de um modo bastante semelhante ao da sarça ardente. As imagens do amanhecer, ou outras imagens solares, podem indicar um despertar nesse nível.

TÓPICOS PARA A CURA EMOCIONAL QUE DEVEM SER OBSERVADOS;

  • A sabedoria nada tem a ver com governar os outros, é uma questão de ordenar a si mesmo.
  • A nobreza nada tem a ver com poder e posição social, é uma questão de auto-realização.
  • A felicidade nada tem a ver com riqueza e posição social, é uma questão de harmonia.
  • As pessoas verdadeiras sabem de que modo considerar o ser interior como grande e o mundo como pequeno.
  • Endireite o seu corpo, unifique a sua visão, e a harmonia do céu chegará.
  • Aqueles que seguem o céu viajam com o Caminho, aqueles que seguem os humanos se misturam com o que é vulgar.
  • Quando as pessoas perdem sua natureza essencial por seguir desejos, as suas ações nunca são corretas.
  • A vastidão do uno é evidente em todo o céu e em toda a terra.
  • Contentamento e raiva são desvios do Caminho, ansiedade e lamento são perdas de virtude, preferências e aversões são excessos da mente, desejos habituais são pesos para a vida.
  • Aqueles que alcançam o Caminho são fracos em ambição mas fortes no trabalho, as suas mentes são abertas e suas respostas adequadas.
  • A flexibilidade e a tolerância são os administradores da vida, a dureza e a força são os soldados da morte.
  • Seguir significa combinar os elementos dos acontecimentos de modo que eles se harmonizem com o momento.
  • – Eleve os pensamentos a Deus;
    – Sinta a luz divina descer sobre o topo de sua cabeça, espalhando-se por dentro e por fora de seu corpo;
    – Agora volte sua atenção para seu coração; perceba-o todo iluminado, como um sol;
    – Imagine que raios de luz saem de seu coração-sol, irradiando-se pelos braços e mãos;
    – Fique assim, por algum tempo, deixando que a luz divina faça a cura em você;
    – Você também pode, nesse estado de Ser, espalmar suas mãos e enviar luz-amor para o Planeta Terra e sua humanidade.
    Que as bênçãos de Deus caiam sobre você como uma chuva de luz dourada, para todo o sempre

MENSAGEM DE PAZ E LUZ PARA EQUILÍBRIO DO CORPO EMOCIONAL-~Mestre Kutumi

Vivam levemente. Libertem a vossa própria desordem emocional e a bagagem do passado. Como eu disse, é essencial manter a limpeza do próprio corpo emocional. Como as camadas de uma cebola, há muitas questões. Portanto, há ainda raiva ou dor sendo retida, que deve ser libertada. É importante que limpem regularmente o corpo emocional. Não permitam que o medo, os ressentimentos ou os julgamentos criem raízes no vosso corpo emocional. TRANSMUTEM, TRANSMUTEM E TRANSMUTEM NOVAMENTE. Esta é a chave para que sobrevivam a estes tempos de transição. Como eu disse, reconheçam-no ou o transmutem. Compreendam que tudo é experiência. Compreendam que estão agora terminando a experiência da dualidade. O velho Karma está agora a terminar. Qualquer novo Karma que vocês criem, será tratado instantaneamente. Sim, Karma imediato, uma aprendizagem final de tratar os outros, como vocês mesmos gostariam de ser tratados. Meus amigos, estas simples etapas têm o poder de auxiliá-los intensamente em todas as áreas da vossa vida. Se puderem seguir estas orientações que lhes dou agora, experimentarão um despertar consciente da alma, mais rápido e mais suave. Vocês experimentarão os primeiros passos da Nova Terra. Uma vibração mais elevada através da consciência da alma – a alma viva.” ~ Mestre Kuthumi

Resultado de imagem para imagens sobre o chacra plexoVisão pessoal….

Temos a possibilidade real de escolher sermos os Mestres aqui neste momento. Podemos nos tornar Mestres HOJE, não amanhã, ou na 5º dimensão, não com os “dez mais” livros que iremos ler, não sendo uma boa pessoa, mas simplesmente pelo reconhecimento e aceitação de nós mesmos. Essa dimensão esta´ atravessando uma profunda mudança agora, já estamos no Cinturão de Fótons, ou seja, na Era da Luz, por conta disso a Terra está vibrando mais depressa, a dimensão está se acelerando, por isso que sentimos “tempo voar”. Podemos e devemos aproveitar essa aceleração para liberar tudo o que não queremos mais em nossas vidas, experimentar a nós mesmos de maneira muito maior, muito mais rápida e muito mais clara. Uma das maneiras de acelerar nossa vibração é trabalhar com o nosso Plexo Solar – onde se localiza TODOS os nossos problemas emocionais….A energia do MEDO se localiza no plexo solar, então devemos aprender a movimentar essa energia estagnada acelerando-a para fora, de modo que comece a vibrar mais rápido. Se você vibrar bem rápido e irradiar essa energia nada poderá atingir o seu plexo solar. O mais importante é sair da experiência da inércia e colocar nossa intenção consciente para clarear e dissolver o medo…. ISSO É SER MESTRE, ISSO É SER FONTE.Tenha consciência que ao realizar todos os exercícios de limpeza e a transmutação do MEDO estará não só aumentando sua freqüência de luz no seu corpo físico como estará ajudando de uma maneira efetiva o Planeta Terra.A ascensão consiste em elevar a frequência da energia de todos os  campos mais densos, incluindo as células do corpo físico, de tal forma que deixem de conter qualquer resquício de energia que reflita esses planos inferiores. A frequência de energia mais baixa, de medo, raiva, ódio, e outras energias negativas não são compatíveis com a 5º dimensão. Em virtude disso que enfatizamos que a limpeza é de suma importância para a nossa ascensão, pois quem estiver vibrando com alguma energia de medo, raiva, ódio ou qualquer outra energia mais densa terá que ir para os outros planetas de freqüência muito baixa e realizar a depuração e transmutação e aguardar mais um ciclo de 26.000 anos.Cada um de nós ressoa com um espectro energético que nos capacita a mudar do medo para o amor. Essas vibrações energéticas são parte do compromisso da nossa alma, que é o motivo pelo qual estamos conscientes e sentimoa arrastados para certos tipos de sofrimento. Alguns querem curar a fome, outros a doença, outros os indefesos e incapazes, outros trabalham para e pelas  crianças. Quaisquer que sejam as energias de que precisamos para curar no mundo, são as mesmas que devemos curar internamente, à medida que elas representam a nossa jornada Kármica, a nossa desconexão e as feridas da nossa alma.Infelizmente nossa memória celular está impregnada com dores, tristezas, traumas, desilusões, doenças, traições, raiva, ódio, raiva, amargura e muitas outras lembranças negativas de todas nossas vidas passadas. Enquanto não procedermos com a devida limpeza energética voltaremos novamente até que a transmutação seja realizada. Porém não teremos mais o Planeta Terra na 3º Dimensão para reencarnar, o Planeta Terra está acelerando sua freqüência rápidamente e logo estará na 5º Dimensão.Então, estejamos conscientes que está encarnação é a mais importante de todas de nossas vidas porque, segundo muitos estudiosos e canalizadores da hierarquia superior, é a última encarnação que faremos no Planeta Terra. Não importa  religião, se acreditamos ou não, o processo já não tem mais volta. Por isso a urgência de uma mudança total em relação a nossa vida agora, neste exato momento, porque todos que não elevarem suas freqüências vibracionais e energéticas no nível da 5º Dimensão terão que retornar para outros planetas kármicos e mais densos que a Terra que por sinal já estão a espera das pessoas que não conseguirem elevar e transmutar sua energia. Mantenham o coração aberto e confiem que a dor que talvez estejam experimentando precisa ser explorada de modo que possa ser liberada, após ser processada em um nível de memória.Nos encontramos num tempo em que as memórias estão flutuando na superfície, vindas de recessos profundos. Essas memórias podem trazer reações emocionais. O que quer que vejamos, precisa ser olhado de frente;Vamos Transmutar Isso.

Inspiração….

Estudos da Consciência, Healing, Energia e Crença: Logos, 2005, número 3.

PLEXO SOLAR – Centro Reichiano

Chakra Plexo Solar – os animais absorvem nossa energia

3º Chakra – Plexo Solar (Manipura) ~ Escola Cósmica

Monicavox

Recomendo…….

Imagem relacionada

Imagem relacionada

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre chakras

 

O ser humano regido pelas Leis do Universo

Resultado de imagem para imagens sobre as leis cósmicasAs Leis Cósmicas são as grandes Leis que comandam o funcionamento do Universo. São Leis Universais que atuam de forma direta e permanente sobre todos os elementos constitutivos do universo, sobre toda a realidade cósmica. Essas Leis são tão perenes quanto o Universo e a Vida.

NADA É INDISCUTÍVEL NEM IMUTÁVEL. PORÉM , SÁBIO É AQUELE QUE SABE E ENTENDE AQUELAS LEIS QUE SÃO OS  VERDADEIROS VALORES PARA UM UNIVERSO DE LUZ E VIDA

Retomando as teorias sobre a origem do UNIVERSO e do HOMEM, estas Leis Cósmicas encontram sua origem também junto com o UNIVERSO. Se existe algo/força/Plenum Cósmico que é criador do universo, é também o criador das Leis que regem o Universo. Portanto, essas leis também evoluem de acordo com a evolução do universo, que é dinâmico. Ou, se o UNIVERSO nasceu com a explosão do Big Bag também as Leis nasceram com ele.

Se o UNIVERSO foi evoluindo, as Leis também evoluíram com o passar do tempo. Mas independente da sua origem, as Leis estão no UNIVERSO, e existem para manter a ordem, a harmonia do UNIVERSO e também das criaturas que fazem parte dele. Por isso,para  toda a ciência e para todo o estudo do homem através da filosofia e da espiritualidade, o importante é saber como essas Leis funcionam, e qual a interferência delas na vida de cada pessoa.

O HOMEM como Ser Humano, como integrante do Universo, está sujeito á essas leis Cósmicas. O ser humano é partícula física do Universo e é, também, um ser vivo. É necessário estar sintonizado com essas Leis Cósmicas para não provocar e sofrer atrito externo e conflito interior. Cabe por isso, a nós Seres Humanos conhecer estas Leis e as observar.

1a- Lei da Vibração

O que é vibração?
Vibração é “Vai e vem”, “Ir e vir” ir é dar; vir é receber.
Essa lei se expressa na realidade humana caracterizada no (Dar e Receber), no ser Útil e ser Valorizado. Dar e ser Útil são “Ir”, Receber e ser Valorizado é “Vir”. Por isso quando uma pessoa não se sente útil também não se sente satisfeita, mesmo que receba muito, como ocorre na superproteção.

2a- Lei da Evolução

O universo encontra-se em marcha contínua para frente. O mais importante é compreender que estamos integrados na contínua evolução universal. Existimos para crescer, evoluir, aprender, progredir, aperfeiçoar-nos, sermos felizes e ascendermos. A Lei da Evolução Contínua é infinita e mais forte que a nossa fragilidade de elemento cósmico. A felicidade estática de permanente desfrutar não existe. A felicidade somente será encontrada num processo evolutivo, como realização e satisfação daquele que se vêem crescendo. A evolução cósmica processa-se em todos os níveis, todos os sentidos, e todos os elementos.

3a- Lei da Direção

A lei da “direção” como lei cósmica é uma só; da matéria à energia, do mundo físico ao mental. No mundo físico é a Lei da Dinâmica, em sua manifestação mais “pura”. Um elemento não pode deslocar-se em direções diferentes ao mesmo tempo. A lei da direção no sentido psíquico se expressa da seguinte forma: Só podemos atingir um alvo de cada vez. E como é possível fazer rápido progresso, se só podemos programar um objetivo de cada vez? A lei determina um objetivo de cada vez, mas não fala de dimensão (tamanho) desse objetivo.

4a- Lei da Harmonia

No micro e no macrocosmo existe uma harmonia de forças, movimentos, ritmos, e equilíbrio de energias, harmonia é a unidade na variedade. O universo é um todo em harmoniosa evolução. A lei da harmonia, no sentido mental ou psíquico é “Um por todos e todos por um”. Todo objetivo programado precisa ter em vista o seu bem pessoal (felicidade), e o de todas as pessoas envolvidas.

5a- Lei do Impulso

É A mesma lei que fez o físico grego Arquimedes exclamar: “Dêem-me um impulso e um apoio e levantarei o mundo” Todo movimento está fundamentado num impulso inicial. A alavanca existe na medida em que há um apoio. Você só pode erguer o pé direito para dar um passo na medida em que o pé esquerdo encontre apoio no chão ou em qualquer superfície resistente. A segurança dos movimentos depende da segurança do apoio. A lei do Impulso encontra seu equivalente no mundo mental ou psíquico na lei da Gratidão. Quando agradecemos, reconhecemos que conseguimos algo e sempre que há motivo para agradecer; há o reconhecimento de que existiu um apoio. Quanto mais agradecemos, mais segurança adquirimos.

6a -Lei da Não-Resistência

A lei da Não-Resistência é também uma aplicação da lei da dinâmica. Quanto menor a resistência do atrito, por mais tempo se mantém um corpo em movimento. É para reduzir a resistência do atrito entre o eixo e a roda de um veículo que se usa lubrificante. No mundo psíquico, a lei da Não-Resistência encontra seu correspondente na lei do Perdão que é a própria Compreensão.

7a- Lei da Atração

Na realidade é a própria lei da criação expressa de outra forma, ou dito de outro modo, é uma lei derivada da lei da criação. Os semelhantes “se atraem”. Que semelhantes? O que está na mente (subconsciente), e o que está na realidade exterior prática ou existencial. Assim, quem tem programado em seu subconsciente que a vida é difícil, vai atrair dificuldades para sua vida. Outra forma de manifestação dessa lei é você cultivar pensamentos positivos na dificuldade.

8a- Lei da Afirmação

A repetição contínua de uma idéia desenvolve pensamentos e imaginação, até criar convicção a Fé. A Fé a que se refere esta Lei é totalmente ecumênica não tem nada com religião, mas sim com a certeza.

9a- Lei dos Opostos

Entre o Bem e o Mal, o Positivo e o Negativo, há uma relação de complemento e não de negação. “O problema não existe”, o que existe são obstáculos e dificuldades colocados em nosso caminho como desafio, que nos provocam ou nos chamam ao crescimento, ao desenvolvimento e a efetivação da lei da Evolução. Nós temos a mania de vestir as dificuldades e obstáculos como o “fantasma” do problema. O mal é desafio para a caminhada em direção ao aprofundamento na compreensão e a valorização da alegria. É a dor que nos permite experimentar a maior profundidade sensorial do prazer, somente o sofrimento nos permite dimensionar o valor e a grandeza da felicidade.

10a- Lei do Equilíbrio

A lei do equilíbrio no mundo físico encontra seu similar no principio da balança. Uma pessoa passa a ser negativista e perder o equilíbrio entre o positivo e o negativo, quando em sua mente fazem-se presentes mais as imagens negativas e com essas imagens tudo passa a dar “errado”. A decadência de um povo ou de uma nação inicia-se quando 50% + 1 das pessoas está negativa.

11a- Lei do Amor Próprio

É Lei que nos mostra o ensinamento ; “AMA  A TEU PRÓXIMO COMO A TÍ MESMO”, mas quem é o próximo; mais próximo; que está próximo de nós? Somos nós mesmos, portanto, devemos nos amar até o amor transbordar e, assim envolver tudo e todos em nossa volta. Esta lei é comparada com a maior de todas as leis: CRIAÇÃO.

12a- Lei da compreensão

Em primeiro lugar devemos compreender a nos mesmos; se observarmos a palavra compreensão vamos notar duas vogais (EE) juntas, isto é, como no verbo a primeira pessoa sou (EU) a terceira é (ELE), portanto, primeiro eu me compreendo para depois buscar compreender meu semelhante, ou seja Ele/o outro. A Compreensão encontra seu equivalente na lei do PERDÃO.

13a- Lei do Policiamento

Devemos policiar palavras, pensamentos, sentimentos, ações e emoções. O que sai de nossa boca não volta, com uma PALAVRA enaltecemos ou destruímos um pessoa ou a nós mesmos, por isso devemos policiar tudo que dissermos.

PENSAMENTOS; todos os pensamentos se transformam em imaginação, e a imaginação materializa-se.
SENTIMENTOS; Somos seres que vibram entre o positivo/negativo e passamos parte de nosso tempo oscilando entre Alfa e Ômega; policiar os sentimentos é ficarmos o máximo de tempo na freqüência mental Alfa.
AÇÕES; a forma como agimos faz toda a diferença em nossa vida! E como queremos viver? A vida é feita de escolhas e nossa escolha faz toda diferença.
EMOÇÕES; é muito importante colocarmos a certeza positiva em tudo, não só nas emoções, mas em todas as nossas escolhas. 

14a- Lei do Desejo

Especificar de modo claro tudo o que queremos (desejamos), todo desejo deve ter princípio, meio e fim, deve haver coerência, bom senso.

15a- Lei da Ousadia

É preciso ter muito mais coragem para viver do que para morrer. Ousado é aquele que faz tudo o que for melhor em seu favor com determinação e persistência, aguardando o tempo que for necessário sem jamais desistir de suas metas e seus objetivos.

16a- Lei da Certeza

A certeza é o mesmo que a fé, colocar a certeza em tudo não basta é preciso colocar a certeza positiva, portanto, a certeza encontra seu equivalente na Fé inabalável e a Fé remove montanhas.

17a- Lei do Silêncio

Devemos calar para tudo o que for a nosso favor. O silêncio nos protege da maledicência e da inveja. Esta Lei encontra equivalência na Lei de Atração.

18a- Lei da Capacitância

A capacitância está ligada a capacidade do campo áurico individual e a tela do pensamento. A energia cósmica sabe que tem capacidade; antes ela é a própria capacidade, porém, na aura, ela se encontra condicionada pelo espaço/tempo e também pelo livre-arbítrio. Imaginemos o espaço ocupado pela aura em torno da matéria, este espaço é ocupado pelos demais corpos, mas o circulo dourado os condiciona, pois ele circunda a aura, sendo a sua proteção. Dentro deste espaço o homem tem em si a parcela da energia cósmica, com a qual ele trabalha. A existência humana ocorre no presente, mas na aura correr na linha evolutiva, indo ao passado ou ao futuro.

19a -Lei da Resistividade

A resistividade é a capacidade de usar bem e de uma forma sensata e equilibrada todo o potencial energético que forma a nossa capacitância. Nos sistemas eletrônicos, o resistor é uma peça componente do circuito integrado de um transformador. Ele está programado para oferecer uma determinada resistência a um fluxo de corrente diminuindo-lhe a voltagem. No sistema integrado mental, não existe uma peça programada para opor resistência ao fluxo de energia; o mecanismo funciona movido pela 13º Lei: POLICIAMENTO.

20a- Lei da Indutância

A indutância que no terreno psicobiofísico é um resultado obtido pela conjugação do uso energético das duas Leis que a antecedem. No campo da eletrônica está ligada ao magnetismo exatamente como acontece no processo mental. A Lei mental ligada a Indutância é a Lei da certeza, que aciona a energia potencial da aura, magnetizando-a fazendo-a assumir a sua verdadeira característica que é ser dinâmica.

21a- Lei de Causa e Efeito

Esta lei explica os acontecimentos da vida atribuindo um (Motivo Justo), e uma (Finalidade Proveitosa), para todos os acontecimentos com que se depara o homem. Causa e Efeito e/ou Ação e Reação encontram sua equivalência na lei da Compreensão.

22a- Lei de Responsabilidade

A responsabilidade das faltas é toda pessoal, ninguém sofre por erros alheios salvo se a eles deu origem, quer provocando-os pelo exemplo, quer não os impedindo quando poderia fazê-lo. A lei de Responsabilidade encontra equivalência na lei do Policiamento.

23a- Lei de Misericórdia

Esta Lei ensina “Não julgues” para que não sejais julgados com a mesma severidade com que julgastes o teu semelhante: Isto não significa que vamos abolir as leis morais, mas sim dar-lhes cumprimento. Compreender o próximo, conviver com as diferenças, respeitar as limitações também é um ato de misericórdia, mesmo quanto seja necessário aplicar a disciplina com o rigor correspondente ao ato praticado. Esta lei encontra equivalência na lei do Amor Próprio, que por sua vez encontra seu equilíbrio na lei da Criação.

24a- Lei da Potencialidade Pura

Entre em contato reservando um momento do dia para ficar em silêncio! Para apenas SER. Fique sozinho em meditação silenciosa pelo menos uma vez por dia. Reserve um período do dia para comungar com a natureza e observar em silêncio a inteligência que há em todas as coisas vivas. Pratique o não-julgamento. Comece o dia dizendo: Hoje não julgarei nada; não julgarei quem quer que seja; nem a mim mesmo.

25a- Lei da Doação

Dê um presente em todo lugar que for, a todos que encontrar; esse presente pode ser um cumprimento, uma flor, uma oração/prece. Ofereça sempre alguma coisa às pessoas com quem fizer contato. Estará, assim desencadeando o processo de circulação de energia, alegria, riquezas e abundância na sua vida e na vida de outras pessoas. Agradeça as dádivas que a vida oferece. E esteja aberto para receber.Deseje em silêncio felicidade e muita alegria toda vez que encontrar alguém. .

26a- Lei do Carma

Observe as escolhas que vai fazer a todo momento. Toda vez que fizer uma escolha pergunte à si mesmo; quais serão as conseqüências? Trará felicidade e satisfação a mim e aos outros? Peça orientação ao seu coração. Se sentir conforto siga adiante com a escolha; se sentir desconforto observe. O coração é intuitivo e conhece a resposta certa.

27a- Lei do Mínimo Esforço

Pratique a aceitação dizendo: Hoje aceitarei pessoas, as situações, as circunstâncias e os fatos como eles se manifestarem. Não se volte contra o Universo lutando contra o momento presente. Aceitando as coisas como elas são assuma a responsabilidade pela sua situação. Desista da necessidade de defender seus pontos de vista e de convencer ou persuadir os outros. Permaneça aberto a todos os pontos de vista.

28a- Lei da Intenção

Faça uma lista de todos os seus desejos. Olhe para ela antes de entrar em silêncio e meditação; olhe antes de adormecer; olhe quando acordar. Libere a lista de seus desejos no ventre da criação; confie. Esteja consciente do momento presente.

29a -Lei do Desapego

Comprometa-se hoje com o distanciamento e o desapego. Não force soluções de problemas. Transforme as incertezas em um ingrediente essencial da própria experiência através da sabedoria da certeza e encontrará segurança. Experimente a aventura da vida com todo o mistério, diversão e magia.

30a- Lei do Propósito de Vida

Você deve nutrir com amor a divindade que habita em você; no fundo de sua alma. Preste atenção no espírito que anima seu corpo e sua mente. Faça uma lista de seus talentos únicos, depois outra lista das coisas que adora fazer; diga então: Quando eu expresso meus talentos e os ponho a serviço da humanidade perco a noção do tempo e crio abundância na minha vida e na vida de outras pessoas. Pergunte diariamente a si mesmo: Como posso servir? Como posso ajudar?”

O Corpo Quântico – Interação Astral – Meditação Quântica – Legendado em portugues

Inspiração….

As 7 Leis espirituais

 As 7 Leis Cósmicas de Hermes Trismegistos

 20 Leis Cósmicas do Grande Segredo

Resultado de imagem para imagens sobre as leis cósmicasVisão pessoal….

Toda Lei tem sua ação no Cosmo, no Homem e na Natureza, apresentando os seus efeitos.Desde a mais remota Antiguidade, o ser humano tem se preocupado com a sua origem, bem como a do Universo.Surgiram diversas teorias, segundo as épocas e os tipos de civilizações: do materialismo ao espiritualismo e do espiritualismo ao materialismo.Algumas teorias tentaram explicar a origem do homem e do Universo a partir da matéria, em suas mais variadas formas, segundo os conhecimentos físicos e astronômicos, mas geralmente esbarravam num grande obstáculo para explicar que tipo de elemento animaria o corpo em vida.Outras teorias fundamentavam a origem do ser humano e do Universo a partir do espírito ou de “Deus”, considerando “Deus” como o Criador de todas as coisas, e elas foram conquistando maior número de adeptos.Entretanto, alguns estudiosos continuaram a pesquisa, ansiando por um melhor entendimento de “Deus”, pois não conseguiam acreditar que “Deus” fosse um velhinho barbudo que criava tudo, mas que também castigava, conforme ensinavam as religiões…Atualmente, as ciências mais avançadas no estudo do Microcosmo e do Macrocosmo, das partículas subatômicas às galáxias e até à expansão do Universo, apresentam um novo conceito de Cosmo a partir da ENERGIA.Surge, então, a descoberta de que:“TUDO É ENERGIA – A MATÉRIA NÃO EXISTE”. A matéria é energia, conforme explica a ciência; e a inquestionável lei da conservação da energia, que é uma lei da Física, comprova a eternidade do ser humano e sua permanente evolução.
Portanto, a matéria, sendo energia que assume as formas criadas por um pensamento, é um elemento sujeito às leis mentais. Conclui-se que as Leis que comandam o Universo ou Leis Cósmicas são as mesmas Leis da Mente.Assim, a preocupação dos pensadores, cientistas e sábios de outrora sobre a distinção entre matéria e espírito parece desvendar-se através do entendimento das Leis.A Astrofísica informa que o Universo está em constante expansão, pois de qualquer ponto que estejamos situados no universo das galáxias, todas as estrelas, constelações, planetas e até as próprias galáxias continuam se expandindo ou crescendo. Se tudo cresce, tudo evolui. O homem dentro do contexto do Universo tem a meta de seguir a Lei, que é evoluir.Podemos dizer que o Universo é um Ser dinâmico, em processo de evolução harmônica e contínua. O Universo é regido por leis, assim como tudo que existe nele, inclusive o ser humano. A maior de todas as leis é a LEI DA CRIAÇÃO ou LEI DO AMOR.
Enfim, todas as Leis Cósmicas falam a linguagem do Amor.

Monicavox

Recomendo…..

Resultado de imagem para imagens sobre as leis cósmicas

Resultado de imagem para imagens sobre as leis cósmicas

O fluxo da Consciência

5

Toda prática de desenvolvimento da espiritualidade está fundamentada em uma característica: AUTOCONHECIMENTO. O autoconhecimento é uma travessia das regiões áridas da ignorância e caminhos inóspitos do medo, para encontrar nossos oásis interiores de revelações libertadoras, embora estejamos sempre sujeitos ás miragens e enganos durante o caminho.Conhecer quem somos verdadeiramente é caminhar em direção de si mesmo, o Eu. Para isso devemos estar dispostos a questionar o conhecido e entrar no desconhecido. As perguntas que fazemos á nós mesmos, expressam a nossa perplexidade diante da existência e o convite incisivo nos incita para conhecer a maravilha de “Ser Humano”, usufruindo do milagre da vida, para provar dos “suculentos frutos” da expansão da consciência pelo Autoconhecimento.

Ao invés de irmos com a nossa atenção meramente para fora, tentando entender o “mundo”, nós precisamos, acima de tudo, ir com a mesma atenção para dentro e nos conhecermos melhor. Observar o que estamos pensando, como estamos respondendo e emocionalmente reagindo às outras pessoas e aos eventos.Quando fizermos isto, começaremos a entender como nos limitamos á uma janela relativamente pequena, de uma seleção maior de possibilidades. Esta ação limitante naturalmente nos mantém numa situação de medo, pois nós meramente permitimos que certa quantidade de realidade entre em nossas vidas.Se nós apenas tirarmos um tempo para seguir certa emoção até a profundidade da origem dela, isto não somente nos servirá para ficarmos mais íntimos com nós mesmos, mas também servirá para começarmos a mudar o padrão de energia de nosso corpo. Conforme as coisas ficam conscientes, o fluxo de nossa energia é aumentado.

7
A auto indagação cotidiana requer respostas sempre renovadoras, que levam a novas indagações e constituem o processo dinâmico do autoconhecimento na busca da auto realização.No decorrer das descobertas vamos aprender a abrir mão, desatar vínculos, enfim, dissolver o que ficou cristalizado dentro de nós.

Não vamos nos enquadrar em nenhum segmento para sermos iguais em pensamento, sentimento e ações. Somos seres distintos em missões distintas, embora sejamos iguais em termos de vibração energética, somos frutos da mesma energia universal em corpos físicos e em históricos diferenciados de existência por termos missões diferentes.

A espiritualidade está em nós e, acreditando ou não, isto é uma assertiva universal. Segundo Einstein, somos um campo vibracional formado de físico, mente, espírito e emoções.Logo, a busca pela espiritualidade, na verdade é o desejo de despertar o que já temos adormecido em nós. A era da terceira dimensão, onde o poder da energia mental e física era a grande “sacada” e intenção da maioria das pessoas, nos educou voltados ao TER achando que daí viria toda satisfação do SER.

Com o advento da quinta dimensão, onde o Ser Espiritual é o Caminho, as pessoas se voltam aos segmentos espiritualizados para que entendam as situações que os rodeiam e que, por muitas vezes, os fazem sofrer. Este acordar é a ordem do momento, só que o interessante é que hoje não buscamos tais segmentos por conta de um estimulo externo. Hoje as pessoas buscam respostas em todos os lugares ao ponto de frequentar vários segmentos espiritualistas, espirituais, religiosos, enfim, por uma necessidade interior.

Esta necessidade é que vai levar o buscador espiritual a compreender sua existência e com isto é como se uma luz de alta potência ACENDESSE e ASCENDESSE de dentro dele mesmo, então ele passa a enxergar algo que antes não via. Metaforicamente , é como um quartinho que tinha uma lâmpada de 40 watts e, de repente, troca-­se esta lâmpada por outra de 100 watts; claro que com esta potência luminosa, enxerga-­se mais sujeiras neste quartinho. Assim está sendo a vida das pessoas, elas sentem que tem algo errado (sujeiras internas), mas não enxergam onde e, quando começam a ampliar o ângulo de visão, passam a enxergar tais “sujeiras” em si, nos outros e nas situações ao redor.

Essa luz de alta potência podemos chamar de VERDADE. A verdade está vindo à tona, a mentira está sendo eliminada e com isto,as pessoas estão se entendendo melhor dentro deste conceito de vida ao qual estão inseridos. Percebemos na política, nas famílias, nas religiões, na sociedade, muitas verdades vindo à tona e em sua maioria, assustadoras. Fala-­se em atos horrorosos acontecendo, mas na verdade estão sendo mais “enxergados” que antes (a sujeira está sendo vista a olhos nus) e com isto, sendo eliminadas através da Luz da Verdade.O que todos buscam hoje, e a maioria não sabe, é a sua verdade interior: quem sou eu, o que faço aqui, qual meu papel e assim vai se descobrindo as “sujeiras internas” e sendo trabalhadas e quanto mais eliminamos tais “sujeiras internas”, mais espiritualizados nos tornamos, pois como falamos no início deste texto, a espiritualidade está em nós e não fora de nós e ela só será expandida se nos tornarmos uma Verdade em todos os sentidos.

E, para sermos a Verdade, o primeiro passo é entender o sentido de SER e não o do TER….Assim, saberemos que para sermos, temos que exercitar o amor por nós mesmos e pelo próximo; consequentemente, só assim seremos a VERDADE, e a espiritualidade será finalmente respeitada e entendida.


Este texto tem o objetivo de oferecer às pessoas os elementos para que se possa iniciar a fascinante aventura de se lapidar, de se conhecer e conhecer os outros. São conhecimentos que devem ser aplicados constantemente em nossa vida diária. Exige disciplina e determinação no desenvolvimento,mas os resultados compensam e nos despertam para novas realidades .


O PASSO Á PASSO -CRONOGRAMA DOS CAMINHOS 

1-Alma (Contato com nossa Alma / Humildade)
O primeiro passo é se relacionar com seu Ser Interior, irradiar vitalidade interna. Trabalhar o seu autoreconhecimento, sua autoestima. Equilibrar cabeça / razão com coração / sentimentos. Nada lhe servirá se você não viver em contato com sua alma para desenvolver sua criatividade e sua humildade. Acreditar que merece ser belo e espiritual porque o Plenum Cósmico/ Deus o criou assim. Viver na gratidão, na alegria, na criatividade, na compaixão e ser feliz por sentir a fluência da sua alma.

2- Mente Negativa / Protetora (Desejo de Pertencer / Proteção)

O segundo passo é sentir grande satisfação em estabelecer relações com profundidade. È necessário desenvolver a sua mente protetora, a paciência e obedecer à sua própria voz interior, não atuando impulsivamente, movido pelo desejo de pertencer e agradar. É importante perceber com discernimento os riscos das situações, mantendo-­se centrado. Não fazer nada para agradar o outro que vá contra seus próprios princípios. Canalize seu desejo de estar ao lado de pessoas de consciência elevada, numa conexão de alma para alma, em relacionamento de amor/amizade/cumplicidade,onde você possa se sentir seguro. Proteger a si mesmo e ao outro com equilíbrio.

3-Mente Positiva / Projetiva (Positividade / Igualdade / Verdade)

O terceiro passo é trabalhar firmemente no desenvolvimento da mente positiva e projetiva. Ver o positivo, projetar Luz, Esperança e Humor. Saber elevar a si e ao outro. Sorrir! Ver o positivo nas pessoas, transmutando as sombras em Luz; eliminando a negatividade. Trabalhar a palavra na verdade, sem ilusões, sem manipulações. Usar o seu poder com equilíbrio.

4-Mente Meditativa / Neutra (Neutralidade / Equilíbrio / Compaixão)

O quarto passo é enxergar os acontecimentos da vida com uma atitude neutra, como uma experiência de aprendizado. Integrar em sua vida qualquer experiência mantendo a perspectiva que todo acontecimento vem para ensinar-­lhe algo, torná-­lo mais sábio. A mente neutra é a capacidade de escutar a mente protetora considerando os riscos de uma situação; escutar a mente positiva considerando os aspectos positivos, sem ilusões da situação e atuar com neutralidade e sabedoria para o interesse de todos. A mente neutra nos dá a habilidade de perceber as ilusões, escutar e ser guiado pelo Ser Superior. É necessário aprender a ver todos os eventos da vida com neutralidade, mantendo-­se sereno e confiante, sentindo os propósitos dos eventos.

5-Corpo Físico (Auto suficiência / Equilíbrio)

O quinto passo é aprender a se relacionar e manejar seu corpo físico e sua energia. Atingir a melhor capacidade que puder deste corpo porque existe um propósito, um trabalho que este corpo deve realizar. Desenvolver resistência, onde a organização da energia é efetiva. Viver sua vida em tal equilíbrio e harmonia compreendendo que cada parte da sua vida é sagrada. É ensinar a si mesmo e aos outros com seu exemplo de disciplina, dedicação com seu próprio modelo de ser. Significa também fazer alguns sacrifícios do seu tempo pessoal para benefício de outras pessoas.

6- Arco de Luz / Poder de Projeção (Proteção / Projeção / Justiça / Integridade)

O sexto passo é desenvolver um escudo de proteção contra a negatividade e desenvolver a capacidade de projetar para a vida os seus desejos e concretizá-­los.Este é o poder de criar sua própria realidade. Desenvolver um comportamento correto e manter sua palavra; ser consistente, coerente e constante. Trabalhar a ética, a honestidade consigo mesmo e com os outros; usar seus recursos com integridade. Quando este corpo está desenvolvido o Ser é forte, firme, pleno e brilhante, capaz de resolver qualquer situação através do domínio e da meditação.

2
7-Corpo Prânico (Pureza / Energia)

O sétimo passo é usar a respiração para entrar em contato com a infinita energia que está à nossa disposição todo o tempo. Vencer medos, sentir-­se protegido e íntegro. Abrir o coração e se expandir. Falta de Prana se revela em um estado crônico de fadiga e cansaço, afetando o funcionamento da mente (Protetora, Positiva e Neutra) e o Poder de Projeção ,de modo que a pessoa não tem forças para atrair os recursos que necessita, sempre tendo a sensação de escassez, de que algo lhe falta, de que não tem o suficiente. É imprescindível atrair experiências de abundância. A enfermidade ocorre quando o Prana não pode fluir livremente através do sistema. É necessário vencer o bloqueio para que o fluxo de energia possa ser restabelecido.

8-(Elevação / Segurança / Piedade / Misericórdia / Amor)

O oitavo passo é aceitar, amar e respeitar a si mesmo e a todos. Expandir a aura, aprender o sagrado do Ser. Levar em sua presença radiante e brilhante a compreensão, a Luz e o Amor. A aura é o campo eletromagnético que rodeia o corpo. Uma aura forte faz com que se sinta seguro, permitindo ser carinhoso e compassivo consigo mesmo e com os outros. Permite se sentir bem sozinho ou em grupo, porque desenvolveu sua auto­estima, sua segurança interior, não permitindo que as influências externas o afetem. O objetivo é fazer com que as pessoas se sintam elevadas em sua presença. Dedicar-­se a elevar a si mesmo e inspirar os que o rodeiam levando esperança no seu caminho.

9-Corpo Sutil (Serenidade / Conselheiro / Sutileza / Maestria)

O nono passo é desenvolver o corpo sutil que nos permite ver o panorama geral de uma situação; nos permite ver através das aparências. Ter a profunda compreensão do porquê dos acontecimentos; ter informações para entender as situações. Se o corpo sutil é desenvolvido o suficiente através dos procedimentos acima descritos, o mistério da vida será substituído pelo conhecimento, que leva à maestria, mantendo a serenidade e a compreensão, agindo com sutileza, calma e sabedoria em qualquer situação.

1

10-Corpo Radiante (Coragem / Magnetismo / Coração)

O décimo passo é potencializar o corpo radiante que nos dá uma Esfera de Luz que se estende por todos os lados. É dourada, brilhante e impenetrável. Nenhuma negatividade externa pode penetrá-­la e a negatividade interna é neutralizada por ela. Quando este corpo está desenvolvido, a pessoa projeta harmonia e graça ao seu redor. Entende que a abundância é uma expressão do Infinito e que o nosso desejo de nascimento é viver majestosamente a prosperidade e a felicidade. Esta Luz se projeta na sua própria vida e irradia para o outro. Minha Luz é a sua Luz! Transmite e age com coragem; luta contra os obstáculos, não se dando por vencido. É seu próprio guia. Aprendeu a controlar seu radicalismo. Tem uma presença magnética ganhando o respeito de todos por sua força e determinação.

11-A Totalidade (Direção / Flexibilidade / Liberação)

O décimo primeiro passo é atingirmos um ponto que é a soma de todos os 10 anteriores. Chegamos à integração, ao centro de direção, à completa flexibilidade e adaptabilidade; à capacidade de elevação. É a conquista da Fênix. Renascer das cinzas e se elevar para a Luz, para o Sublime. Sabedoria de como lidar com o jogo da vida e contatar qualquer parte do seu Ser. A conquista do equilíbrio e da fluência dos seus desejos. Levar ao mundo, pelo seu próprio Ser, a certeza da existência da centelha interior.
6Visão pessoal….

Faz parte da natureza humana a busca do amor, da paz de espírito,da felicidade, do acolhimento humano . Queremos ser aceitos, compreendidos, ser amados, enfim. Queremos sentir o calor humano, sem o qual é quase impossível sobrevivermos saudavelmente. O engano, porém, é concentrar a busca de tudo isso somente fora de nós mesmos, o que faz prevalecer um constante desassossego interno. Ao tomar consciência dessa intranquilidade, uns vão procurar se olhar e se compreender melhor através da busca do autoconhecimento. Optam por dar um mergulho nas suas profundezas, para emergir com mais paz, amor e sabedoria. Outros, na ânsia de serem aceitos e amados, entram em caminhos distorcidos, feitos de atalhos, cheios de ilusões. E quanto mais caminham, mais distantes ficam do que buscam. Fogem do sentir a si mesmos, da verdade de suas vidas, através do sexo desregrado e volúvel, da conquista do poder, do dinheiro, do status social, bem como do uso do álcool e de outras drogas. Há, também, um outro tipo de amortecimento muito comum: a fuga da realidade através do fazer, do trabalho. As pessoas se mantêm muito ocupadas, fazendo algo o tempo inteiro, mesmo que o corpo não aguente. Tornam-­se workaholics. Ao parar, vão entrar em contato com as emoções e sentimentos reprimidos que lhes causam dor e sofrimento. E, para não sentir, não param. No entanto, é olhando a dor de frente que ela se dissolve e as suas marcas podem ser apagadas de modo natural. A vida faz os ajustes necessários, no devido tempo. Inquietações, desconfortos ou dores, cujas raízes são internas, não se eliminam com coisas do mundo externo. Acumulação de bens materiais, poder e status social não curam os problemas de ordem emocional de ninguém, ao contrário, camuflam a realidade, impedindo o processo de transformação. Se não acordamos em tempo, corremos o risco de viver sempre isolados de nós mesmos e procurar no mundo externo o que está dentro: a nossa fonte suprema de amor. Se não conseguimos voltar os olhos para dentro de nós mesmos, não obtemos o almejado sustento emocional e espiritual. Tornamo­-nos adultos infantis, carentes e dependentes.Se conseguirmos nos relacionar com mais harmonia conosco, em primeiro lugar, os relacionamentos com as pessoas ao nosso redor serão fundamentados no compartilhar, vidas que se encontram em uma dada dimensão de tempo e espaço. Bem diferente de uma relação de necessidades e exigências, que coloca o outro como um objeto, com o dever de nos nutrir e atender as nossas demandas, por mais absurdas que sejam. À medida que nos interiorizamos, expande-­se em nós o sentimento de auto-aceitação e amadurecemos emocionalmente. Consequentemente, aumentamos as nossas possibilidades de atrair pessoas com as quais podemos nos relacionar de forma mais consistente e amorosa, com base no respeito recíproco e com uma troca sincera de afeto, ao invés do apego e da dominação que “coisificam” as pessoas. O amor por todos os seres vivos não contempla a posse e o apego. Se um número maior de pessoas tivesse abertura, coragem para sair da parte periférica do ser e aprofundar o contato interno, não haveria tanta miséria afetiva, haveria muito mais encontros felizes de todos os tipos(familiares, amorosos, fraternais,espirituais) que nutrem as pessoas, do que desencontros, que frustram, decepcionam e ferem uns aos outros. Entretanto, grande parte prefere a “pseudo-segurança das suas cascas e das águas rasas”. E, no raso, não dá para conhecer quem realmente somos. A nossa essência fica esquecida, adormecida e a nossa capacidade de dar e receber amor permanece encolhida. As potencialidades mais belas do ser humano ficam invisíveis vistas da superfície. Se quisermos descobri­-las e vivenciá-­las, temos que perder o medo das águas profundas e dar um mergulho no nosso ser, de onde resgatamos o senso maior de dignidade, respeito e valorização da nossa expressão. Assim, abrimos passagem para o Amor Incondicional entrar e fluir em nossas vidas.

Inspiração….

Autoconhecimento: o fundamento para se desenvolver 

Curso de Autoconhecimento e Mudança Interior

Os 3 Passos do Autoconhecimento

Monicavox

Recomendo…

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o autoconhecimento

 

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o autoconhecimento

 

 

Uma nova realidade espiritual e planetária se aproxima…..

A Transição Planetária, acontecimento inevitável que já está ocorrendo, mas que as mudanças mais visíveis e identificáveis ainda virão em breve, é um fato cósmico individual de interesse em nossa vida, porque geralmente nós não estamos nos sentindo à vontade neste mundo, nessa cultura, nessa maneira de viver, neste corpo que nós estamos vestindo no momento.Por isso a oportunidade que nós nos demos pode ser ampliada a um ponto tal que quando nós entramos no cinturão de fótons, no novo padrão vibratório, nós tenhamos passado esse período mais sombrio sem deixar muitas sequelas traumáticas em nosso ser. A questão não é ficar ou não ficar desencarnado, todo mundo vai desencarnar algum dia, a questão é ter um mundo melhor para reencarnarmos depois, ou para ficarmos encarnados. Esse mundo melhor é inevitável.

Agora  nós não esperamos aquele aspecto cataclísmico, nós esperamos o aspecto de mudança vibratória. No entanto, até essa mudança vibratória nós podemos passar por algumas dificuldades, não no sentido de ameaça ao planeta, mas dificuldades no sentido de viver numa cultura ruindo, é essa dificuldade que nós vamos poder sofrer agora mas, quanto mais consciência nós tivermos, menos seremos atingidos pelas dificuldades ambientais de uma cultura em desorganização, uma cultura em início de caos, ou com pleno caos, mas já é muito mais abrandável do que estava aí a nossa frente.Se nós mantivermos essa faixa vibratória em crescimento em nós, até mesmo as dificuldades culturais poderão ser abrandadas, individualmente, pelo nosso comportamento, pelo nosso sentimento, pelo nosso padrão de entendimento da realidade.

Por isso, o que é que nós podemos fazer agora, para melhorar mais ainda?

De acordo com as nossas possibilidades interiores, de acordo com o nosso amadurecimento consciencial, procurar se aprimorar ao máximo para estimular o lado positivo da gente, o lado bonito, o lado amoroso, o lado desapegado, o lado compreensivo, tolerante, paciente, desenvolver a nossa conexão com Deus, não importa a religião que a gente siga, ou nenhuma, nenhuma instituição ou ordem estabelecida, mas que nos conectemos conscientemente, que  ancoremos nesse corpo nossa consciência divina, nossos corpos de luz, que possamos ser guiados internamente, que nossos pensamentos, que nossos sentimentos possam ser guiados pelos nossos corpos luminosos, pela nossa consciência superior. Mas não como uma coisa fraca, como uma coisa teórica, mas como uma coisa que a gente pratique ali, com nossa mãe, com nosso pai, com nossos irmãos, com os nossos filhos, com nosso vizinho, com o porteiro do prédio, com o síndico, com o condutor do veículo que está dividindo a estrada com a gente, com a pessoa do comércio, com as nossas relações profissionais.

O esforço agora tem que ser no sentido em que essa conexão aumente, mas não teoricamente, não dogmaticamente, uma coisa que flua espontaneamente, mas que a gente possa, com a vontade direcionada, ampliar esse estado de espírito positivo. Isso vai gerar uma vibração tão boa,  que vai equilibrar essa balança da mudança, fazendo com que aquela carga negativa de muitos que não estão conseguindo elevar suas frequências vibratórias, que ela não penda muito ,a balança do equilíbrio das culturas, das populações.Doenças, conflitos regionais vão acentuar, isso é inevitável. Quem não se harmonizar com as forças cósmicas não vai conseguir se manter vivo por muito tempo nesse corpo. Chegou o momento: ou entra em harmonia ou a roda das Leis da Vida esmagará o indivíduo, ou a população em questão.

Cada vez mais pessoas vão despertar para ver que não é o que elas têm, não é o que elas sabem que realmente será a credencial para sua felicidade, a felicidade não depende do que se tem nem do que se sabe, muito menos em saber se vai ter comida para pôr no estômago ou não. Por incrível que pareça vamos descobrir isso. Por isso, para nós nos prepararmos para transição basta mantermos o nosso crescimento interno no ritmo das nossas possibilidades… o inevitável está se desdobrando ali, em breve nós seremos alcançados por esse inevitável. A mudança já está ocorrendo, no entanto esse período de ajuste, ele será turbulento. Se tivermos estabilidade interior a turbulência externa não nos afetará tanto, se não tivermos estabilidade interior, a turbulência externa nos afetará.

Por isso a sua responsabilidade é com você mesmo, não é com mais ninguém. O outro será uma consequência do seu crescimento, você agirá de forma mais harmônica com o próximo porque você está harmonizado. Então isso é fundamental: direcione para se auto aprimorar. Naturalmente que não é auto aprimorar egoísticamente, auto aprimoramento e egoísmo não andam juntos. A gente se auto aprimora exercitando AMOR. Amor é uma coisa importante para  elevar a nossa frequência vibratória, sem Amor não se eleva a frequência vibratória. A mudança vai ser interna. No mundo inteiro as pessoas, que de repente tinham uma vida bem comum, começam a questionar aquela maneira inconsciente de viver, e começam a demonstrar um padrão de consciência maior.

SINTOMAS DO SER ESPIRITUAL ACERCA DAS ENERGIAS DA TRANSIÇÃO PLANETÁRIA

• Não tem ligação nenhuma com qualquer religião ou dogma, reconhecendo suas mentiras e manipulações.
• Aceita apenas ensinamentos que tragam soluções espirituais, fundamentados no verdadeiro conceito de liberdade e não na ameaça, medo e destruição.
• Aceita os ensinamentos de mestres, filosofias e líderes espirituais sem importar a origem, porém sem idolatra-los.
• Aprimorou seus conhecimentos históricos e filosóficos reconhecendo a diferença entre DEUS-FONTE e TODAS as falsas divindades nas quais estão fundamentadas as religiões e culturas no planeta.
• Sabe que não é mais preciso o apadrinhamento cósmico, sabe que a solução dos desafios e respostas se encontra em cada um e não num ser celestial, entidade, santo, guia etc.
• Reconhece sua essência e multidimensionalidade aceitando conselhos apenas do seu grande professor: seu EU SOU.
• Sabe que os segredos da criação estão na natureza e que só é possível alcançar seus conhecimentos no perfeito respeito e comunhão com o planeta e todos os seus reinos.
• Não aceita o KARMA.
• Não tem mais CULPA.
• Conhece como funciona a matrix e as artimanhas dos seres que dominam o planeta.
• Reconhece a sua força e poder de criar.
• Cuida de seus pensamentos e sentimentos.
• Caminha rumo à misericórdia e amor incondicional.
• Luta pela verdade e liberdade.
• Não tem mais preconceitos.
• Reconhece-se como parte da Criação, merecedor do bom e do melhor.
• Sabe da responsabilidade de ajudar ao próximo, porém sem hipocrisias e falsa caridade, apenas se limitando àquilo que se encontra a seu alcance.
• Respeita a vida. Por isso se preocupa pela sua saúde, alimentação e cuidado energético.
• Reconhece a espiritualidade como um atributo intrínseco à alma, por isso sabe que é um ser espiritual capaz de extravasar todos os limites condicionantes tendo possibilidade de alcançar a sabedoria e iluminação.

Visão pessoal….

Percebe-­se uma busca intensa pela espiritualidade. Pessoas estão sendo convidadas, estimuladas e até convocadas a se espiritualizarem.Observa­-se um grande movimento com objetivo de atrair as pessoas para o “mundo espiritual”. Fala-­se da NOVA ERA, em trabalhar a espiritualidade, em meditação, em grupos de estudos, fala-­se em desenvolvimento de potenciais físico-biológico-espiritual, em mantras/mudras/terapias holísticas e em retiros espirituais; as pessoas estão cada vez mais em busca de algo que lhes dê a sensação de estarem “consigo mesmas”, de conseguirem se expressar, tanto na vida prática do dia á dia, como na vida interior, sendo mais autênticas, mais desbloqueadas, mais felizes, mais amorosas, mais centradas.Esses são alguns dos “atributos” e características do Ser Humano desta Nova Era ESPIRITUAL, onde nos aprofundaremos cada vez mais na verdade e na responsabilidade da consciência da nossa Co-Criação, quando também saberemos a importância da nossa presença no planeta, o que nos levará à libertação definitiva da matrix ou rede que foi criada para nos prender nessa falsa realidade. Estaremos, assim, entrando em uma Nova Realidade Espiritual onde a Vida, o Amor, a Liberdade e o Respeito imperarão nas nossas vidas.

Inspiração….

A Era de Aquário – Fraternidade Rosacruz

Transição Nova Era.pdf – Federação Espírita Brasileira

Monicavox

Recomendo….

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre a transição planetária

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre a transição planetária

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre a transição planetária

10 ¨Segredos¨ sobre o flúor na água que você bebe e muito mais sobre esse assunto tão importante que afeta nossa Pineal

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o flúorEDITORIAL –

Como considerar inteligente uma raça que destrói o ambiente do qual DEPENDE para sobreviver?

Utilizamos água limpa como solução ¨inteligente¨ para o esgoto. Pense no quanto isso é ignorante. Não bastasse isso, também tratamos a água que bebemos de uma maneira altamente questionável.O que acontece é que, a partir do momento em que temos uma solução confortável e aparentemente eficaz a curto prazo, paramos de pensar no tanto que algumas das nossas soluções são idiotas a longo prazo. Nós simplesmente paramos de pensar e questionar algumas coisas.Só evoluímos quando uma solução se mostra idiota a curto prazo, depois do longo prazo ter se vencido. Uma atitude questionadora, um apreço pela verdade, e principalmente disposição para mudar, quando nossa postura, diante da verdade, torna-se idiota.

“O Flúor de Hitler”
Durante a Segunda Guerra Mundial o flúor foi testado pela primeira vez em humanos. Os cientistas nazistas de Hitler usavam altas dosagens nos Campos de concentração dos judeus para que os mesmos ficassem inertes a situação que estava ocorrendo ao redor. O efeito foi o desejado pelos nazistas e os testes “aprovados”. O flúor retardou mentalmente os judeus e hoje esta mesma prática está sendo espalhada mundo a fora, pois o sistema atual aplica esta substancia venenosa para controlar o raciocínio dos seres humanos. É certo que se não tivéssemos contato com esse veneno que nos mata aos poucos, não teríamos dificuldades de memorizar, nem de aprender.O plano da Nova Ordem Mundial é deixar a humanidade mais burra. Enquanto isso eles desfrutam dos mananciais de águas puras, sem contaminação alguma. 
Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o mal do fluor

10 fatos ¨secretos¨ sobre a água fluoretada que você bebe:

1 – A maior parte dos países desenvolvidos não adiciona flúor à água. O Japão e 97% da Europa ocidental não bebe água com flúor. Segundo Uma declaração da república Checa, é eticamente questionável forçar qualquer tipo de medicação, principalmente uma tão controversa.

2 – Países que adicionam flúor não tem índices menores de caries do que países que adicionam flúor. Estudos modernos de grande escala não mostram diferença na quantidade de cáries.

3 – O flúor afeta diversos tecidos no seu corpo, dos seus dentes ao seu cérebro. 43 estudos em humanos encontraram relação entre o flúor, danos cerebrais e QI mais baixo em crianças. Várias doenças de artrite até problemas da tireoide podem estar ligadas ao flúor.

4 – A maioria das crianças excede hoje a ingestão de flúor apenas pelo uso de pasta de dente. cerca de 40% dos adolescentes nos EUA apresentam fluorose(manchas brancas nos dentes) causada pelo excesso de flúor.

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o mal do fluor
5 – O Flúor não é um nutriente essencial para o ser humano.4 – A maioria das crianças excede hoje a ingestão de flúor apenas pelo uso de pasta de dente. cerca de 40% dos adolescentes nos EUA apresentam fluorose(manchas brancas nos dentes) causada pelo excesso de flúor.

6 – O Flúor utilizado na água é ácido fluossilícico, não é o flúor que ocorre naturalmente em alguns mananciais.

7 – O flúor não faz nada pela água. Ele é utilizado apenas e com o único objetivo de evitar cárie em humanos.

8 – Beber o flúor não adianta, ele é apenas efetivo quando tópico, em contato com os dentes.

9 – O Flúor é mais tóxico do que o chumbo, menos tóxico que o arsênico.

10 – A União de cientistas do EPA (Agência de proteção ambiental dos EUA) é Abertamente e vocalmente oposta à fluoretação da água, segundo eles, uma ação irracional, desmedida e perigosa. E eles estão sólidamente embasados. O documento divulgado pela união tem uma série de estudos ligando a fluoretação a uma quantidade ENORME e séríssima de problemas de saúde.

Por que isso não é divulgado ou questionado abertamente?

lampadaEssa situação parece ter acontecido do mesmo jeito que a pirâmide alimentar, a demonização do ovo  e os diversos mitos prejudiciais relacionados com alimentação, saúde e emagrecimento.

Veio alguém e declarou aquilo apressadamente e dúbiamente como verdade e a maioria das pessoas só aceitou aquilo como verdade inquestionável.

A partir daí as pessoas passaram a divulgar apenas um lado da moeda, e não olhar para o outro de maneira imparcial, como deve ser feito.

Absolutamente tudo deve ser questionado.

A CALCIFICAÇÃO DA PINEAL PELO FLUORETO

A glândula pineal (também chamada de corpo pineal, epífise cerebral, epífise ou o “terceiro olho”) é uma pequena glândula endócrina no cérebro dos vertebrados e produz a melatonina, serotonina e também DMT (Dimetiltriptamina). A sua forma assemelha-se a uma pequena pinha (daí o seu nome), e está localizada perto do centro do cérebro, entre os dois hemisférios, escondida num sulco onde os dois corpos talâmicos arredondados se juntam. Esta pequena glândula é estudada há muito tempo e é considerada por muitos como a “sede da alma”. Para vocês entenderem melhor, os hindus a conhecem como “centro de força”, os ocultistas, como “olho de shiva” (por ser o responsável pela clarividência, a vidência Racional). É realmente o “olho” pelo qual o homem harmoniza o mundo interior e o exterior, o elo de ligação entre o macrocosmo e o microcosmo. Ao pé da letra, é responsável pela harmonia com si mesmo, pela espiritualidade, pela conexão com o divino. Há estudos, entretanto, que indicam que o fluoreto seja atraído magneticamente à glândula pineal, calcificando-a e depositando metais pesados em seu corpo, por consequência. É, na verdade, um assunto que dá continuidade ao post sobre o Flúor na água e claro, gostaria de alertar que é apenas uma informação sobre o tema, não se trata necessáriamente de uma opinião sómente.

No final dos anos 90, um cientista com o nome de Jennifer Luke realizou o primeiro estudo sobre os efeitos do fluoreto de sódio na glândula pineal. Ela determinou que a glândula pineal, localizada no meio do cérebro, foi alvo do fluoreto. A glândula pineal simplesmente absorveu mais flúor do que qualquer outra matéria física no corpo, até mais que os ossos. Como disse antes, a Glândula Pineal é como um ímã para o fluoreto de sódio. Este calcifica a glândula e faz com que seja menos eficaz em equilibrar os processos hormonais do corpo. Desde então que diversas investigações provaram que o Fluoreto de Sódio afeta a glândula mais importante do nosso cérebro! É a única coisa que ataca o centro mais importante da nossa glândula no cérebro. É predominante em alimentos, bebidas, no nosso banho e na água potável. Fluoreto de Sódio é colocado em 90% do abastecimento de água dos Estados Unidos, portanto a importância de filtros alcalinizadores e que retirem estas substâncias da água. Para continuar com as pesquisas, há uma da Universidade de Harvard que descobriu o efeito do Fluoreto em nosso QI.

A instituição publicou uma meta-análise, financiada pelos Institutos Nacionais de Saúde (NIH), que concluiu que as crianças que vivem em áreas com água altamente fluoretada têm valores de QI “significativamente inferiores” do que aqueles que vivem em áreas de flúor baixo. Num relatório de 32 páginas (em que pode ser feito o download gratuitamente a partir do Environmental Health Perspectives) um dos pesquisadores disse: “Os resultados da nossa meta-análise de 27 estudos publicados ao longo de 22 anos sugerem uma associação inversa entre a alta exposição ao flúor e a inteligência das crianças (…). Os resultados sugerem que o flúor pode ser um neurotóxico que afeta o desenvolvimento do cérebro em exposições muito inferiores aos que podem causar toxicidade em adultos (…)”. Para quem pesquisa sobre o assunto, não é novidade. Uma forma eficaz é evitar esta exposição tóxica e entender mais sobre a glândula pineal, que é um assunto extremamente interessante e que poucos abordam!

Fonte;-(CRM 68874) Dr. Mohamad Barakat, formado pela FMABC-UNIFESP/EPM, Pós-Graduado em Endocrinologia e Metabologia pela IPEMED

Cisto de glândula pineal calcificada visualizada em CT. Fonte: HellerhoffFlúor pode afetar a pineal e gerar Alzheimer

Estudos científicos têm demonstrado que pacientes portadores de alzheimer possuem a glândula pineal calcificada

Estudos científicos têm demonstrado, através de tomografia computadorizada, que pacientes com alzheimer possuem uma significante quantidade de tecido da glândula pineal calcificado. Pessoas com outras enfermidades, tais como depressão e outros tipos de demência, apresentam uma quantidade bastante inferior de tecidos calcificados nesta região.Na década de 1990, uma cientista britânica, Jennifer Luke, descobriu que o flúor se acumula em níveis notavelmente altos na glândula pineal. A glândula pineal possui um tecido altamente passível de sofrer calcificações, que, sendo naturalmente exposto a um elevado volume de fluxo sanguíneo, torna-se o principal local  de acúmulo de flúor em humanos.

O flúor é um gás halógeno, extremamente volátil e altamente reativo. Ao ser ingerido é rapidamente absorvido pela mucosa do estômago e do intestino delgado. Sua via de eliminação são os rins, responsáveis por eliminarem 50% do flúor diariamente ingerido, e o que sobra tem que encontrar refúgio em alguma parte do corpo, que geralmente é junto ao cálcio de algum dos tecidos conjuntivos. Como os dentes e os ossos são os maiores reservatórios de cálcio, é para lá que o excesso de flúor tende a se dirigir, passando a deformá-los e a provocar o que cientificamente se conhece como fluorose.

Resultado de imagem para imagens sobre o flúoroseNo caso dos ossos, dentes e glândula pineal, acrescenta-se ainda a facilidade com que os íons de flúor (1,29Z) substituem os da hidroxila OH- (1,33Z) e se incorporam à estrutura dos cristais de apatita. Por isso, diante do excesso de flúor, esses tecidos perdem a flexibilidade e se tornam extremamente rígidos e quebradiços.

Logo, as partes calcificadas da glândula pineal (cristais de hidroxiapatita) contêm as maiores concentrações de flúor do organismo humano, até mesmo maiores do que em qualquer osso. A glândula pineal é como um ímã para o fluoreto de sódio. Este calcifica a glândula e faz com que ela não tenha mais eficácia no equilíbrio de todo o processo hormonal do corpo.

Pesquisadores descobriram que os depósitos calcificados presentes na pineal estão associados com a diminuição do número de pinealócitos (principais células da glândula responsáveis pela produção de melatonina), com o funcionamento e a produção de melatonina reduzida, bem como com deficiências no ciclo sono-vigília, além de potencialmente destruirem a função normal na puberdade. Desta forma, o ciclo circadiano,  período de aproximadamente 24 horas sobre o qual se baseia o ciclo biológico (responsável por regular todos os ritmos psicológicos, a digestão, o estado de sono-vigília, a renovação das células e o controle da temperatura do organismo), se torna desregulado.

Resultado de imagem para imagens sobre o flúor e a pinealA toxicidade do flúor

O debate sobre os perigos do flúor está em curso há mais de seis décadas, apesar de inúmeros estudos confirmarem que o fluoreto é um veneno perigoso, tóxico, e que se bio-acumula no organismo ao ser ingerido ao longo da vida. Então, o que exatamente o fluoreto causa ao seu cérebro além de calcificar a glândula pineal?

Em 2006, pesquisadores da Harvard School of Public Health e da Icahn School of Medicine at Mount Sinai fizeram uma revisão sistemática e identificaram cinco produtos químicos industriais como sendo neurotóxicos. Isto incluiu venenos inquestionáveis, como o chumbo, o metilmercúrio, bifenilas policloradas, arsênico e tolueno. Desde então, eles têm documentado seis neurotóxicos de desenvolvimento adicional, sendo agora 11 produtos químicos industriais conhecidos por prejudicarem o desenvolvimento do cérebro em fetos humanos e em bebes. Um dos neurotóxicos adicionados mais recentemente a essa lista é o fluoreto, o qual atravessa facilmente a barreira placentária. Um dos autores do estudo já havia afirmado:

“O flúor parece se ligar ao chumbo, mercúrio e outros venenos que causam desequilíbrio na química do cérebro… O efeito de cada substância tóxica pode parecer pequeno, mas o dano combinado em uma escala da população pode ser grave, especialmente porque o poder do cérebro da próxima geração é crucial para todos nós. “

Há 37 estudos em humanos que ligam exposições aos fluoretos com inteligência reduzida (9 desses estudos encontraram QI reduzido em pessoas que consumiam água com menos de 3 ppm de fluoreto) e 12 estudos em humanos que ligam o flúor com déficits neurocomportamentais. Há também 3 estudos em humanos que ligam a exposição ao flúor com desenvolvimento restrito do cérebro fetal, e cerca de 100 estudos com animais que ligam o flúor a danos cerebrais.

Resultado de imagem para imagens sobre agua fluoretada

Água fluoretada e prevenção de cáries

Prevenção de cáries é o motivo pelo qual a Organização Mundial de Saúde iniciou, desde 1930, o programa de inclusão artificial do flúor na água. Logo, acredita-se que a eficácia da água fluoretada em evitar cáries estaria provada e comprovada para além de qualquer dúvida razoável. Mas, uma nova pesquisa sugere que esta suposição é dramáticamente equivocada: o uso de dentifrícios fluoretados não tem sido provado como bom para a saúde oral; no entanto o consumo de água fluoretada pode não ter nenhum impacto positivo.

Cochrane é uma organização não-governamental constituida por médicos e pesquisadores, existente em mais de 130 países, conhecida por suas considerações competentes, sendo estas consideradas o ‘padrão-ouro’ do rigor científico em relação a avaliar a eficácia das políticas de saúde pública estabelecidas. Recentemente, eles realizaram uma pesquisa no intuito de descobrir se a fluoretação reduz as cáries. Revisaram todos os estudos feitos sobre a fluoretação que eles puderam encontrar e, em seguida, analisaram os resultados dos estudos e publicaram a sua conclusão em uma revisão no início de junho deste ano.

A revisão identificou apenas três estudos, desde 1975, com qualidade suficiente para serem utilizados, os quais abordaram a eficácia da fluoretação na prevenção da cárie dentária na população em geral. O co-autor da revisão, Anne-Marie Glenny, pesquisador de ciências da saúde da Universidade de Manchester, no Reino Unido, concluiu que esses estudos determinaram que a fluoretação não reduz cáries em um grau estatisticamente significante em dentes permanentes.

Os autores encontraram apenas dois estudos, desde 1975, que avaliaram a eficácia da redução de cáries nos dentes de bebês, e concluíram que a fluoretação não tem nenhum impacto positivo estatisticamente significativo. Os cientistas também concluiram que há insuficientes evidências de que a fluoretação reduz a cárie dentária em adultos. “A partir da avaliação, não podemos determinar se a fluoretação da água tem um impacto sobre os níveis de cárie em adultos”, diz Glenny.

Flúor banido em diversos países

Segundo o site worldlifeexpectancy.com, a Finlândia, o Canadá e os Estados Unidos são os países com o maior número de pessoas acometidas por Alzheimer. Atualmente, os Estados Unidos têm diminuido a quantidade de cidades que participam do programa de fluoretação e o número de cidades fora do programa tem crescido gradualmente. Curiosamente, a Finlândia, assim como diversos países europeus, como Alemanha, Japão, Suíssa e Suécia baniram a fluoretação da água. Países que aparecem no site como tendo índices extremamente baixos de Alzheimer, tais como Grécia, Camboja e Índia não possuem, coincidentemente, programa de fluoretação da água.

Fluoretação da água  no Brasil

A fluoretação da água foi adotada pela primeira vez no Brasil na cidade de Baixo Guandu, ES, em 1953. Uma lei federal entrou em vigor em 1974 exigindo que estações novas ou ampliadas de tratamento de água deveriam ter a fluoretação, e sua disponibilidade foi significativamente ampliada na década de 1980, com fluoretação fixada em níveis de 0,8 mg/L. Segundo o IBGE, a partir de 2008, 3.351 municípios (60,6%) haviam adotado a fluoretação.

Resultado de imagem para imagens sobre manjericão santoDescoberta planta que remove flúor da água

Após tantas evidências contra o flúor, a melhor opção seria removê-lo da água. Atualmente há filtros que removem ou diminuem a incidência do flúor. Mas, um método eficaz surgiu após a descoberta de uma fantástica planta. Uma planta chamada tulsi, ou manjericão santo (Ocimum tenuiflorum), que cresce por toda a Índia, pode ser apenas outra resposta para retirar o flúor da água em países pobres em todo o mundo. Cientistas da Universidade de Rajasthan descobriram que otulsi pode substituir algumas das alternativas mais caras para a remoção de flúor.

Os investigadores conduziram o experimento em uma aldeia de Narketpally, imergindo 75 mg de folhas de manjericão santo em 100ml de água que tinha mais de 7 partes de flúor por milhão de água. Após a imersão das folhas em água durante apenas 8 horas, o flúor foi reduzido para apenas 1,1 parte por milhão. A Organização Mundial de Saúde diz que os níveis “seguros” de flúor na água não devem ultrapassar mais do que uma parte por milhão.Com a recente admissão da Universidade de Harvard que o flúor é ruim para a saúde, e as notícias continuadamente apontam para o flúor sendo responsável por esgotar a capacidade do cérebro causando déficit de atenção, ou mesmo calcificando a glândula pineal, (que inibe importantes secreções hormonais como a melatonina e serotonina, e DMT), é uma notícia maravilhosa de que um remédio tão simples foi encontrado.

Visão pessoal….

O olho da mente, cientificamente conhecido como a glândula pineal, é considerado a porta de entrada para os níveis mais elevados de consciência, no caso de você não estar ciente a glândula pineal é uma glândula endócrina em forma de uma pequena pinha no cérebro que produz e secreta o hormônio melatonina, acredita-se também que a glândula pineal seja responsável pela liberação de Dimetiltriptamina (DMT), a glândula pineal é o “princípio da sede da alma”, segundo Descartes, como você pode ver esta glândula tem muitas funções tanto física como metafisicamente, assim mantê-la funcionando em todo o seu potencial deve ser uma prioridade de todos os que procuram uma mente saudável.À medida que envelhecemos a glândula pineal começa a se calcificar e tornar-se lenta, esta taxa varia consideravelmente por pessoa e estilo de vida, mas o consumo de quantidades excessivas de flúor é considerado um fator de risco, isto é em parte porque o fluoreto se acumula em quantidades extremamente altas na glândula pineal causando sua calcificação mais rapidamente, o flúor também pode diminuir a produção de melatonina, duas coisas que certamente não queremos que aconteça, a pesquisa mostrou que esta calcificação da glândula pineal tem uma forte correlação no desenvolvimento da doença de Alzheimer (Mercola 2011), uma dieta pobre carregada de conservantes, açúcar branco, refrigerantes, GMO, produtos químicos e pesticidas é um importante fator de risco para a calcificação e seu envelhecimento precoce também.O que podemos fazer para combater o processo de envelhecimento e calcificação da glândula pineal ?Devemos comer uma dieta livre de conservante / química , que seja rica em gorduras saudáveis​​, deve ser um acéfalo (trocadilho intencional), mas o que mais podemos fazer ?Enquanto você não cortá-lo completamente você pode reduzir drasticamente os níveis de flúor que consome, para fazer isso deve filtrar adequadamente à água da torneira antes de beber uma vez que muitas comunidades têm abastecimento de água que é adicionado flúor, para conseguir isso você precisa usar um filtro que retire o flúor (cuidado com o filtro por osmose reversa ele também retira todos os minerais da água “matando-a”), ou comprando água engarrafada que indica a não adição de flúor de água de nascentes, você também pode mudar para um creme dental sem flúor, muitos tipos de pasta dentais naturais podem ajudar na prevenção da cárie dentária, além de não intoxicá-lo com flúor.Tome vinagre e maçã,que é rico em ácido málico tornando-se um grande tônico para desintoxicar o corpo todo incluindo a glândula pineal, o vinagre de maçã tem uma longa lista de benefícios e pode ajudar a tornar o corpo mais alcalino (isso é uma coisa muito boa), tente tomar uma colher de sopa 3 vezes ao dia ou experimente adicioná-lo no suco de limão com mel, sente-se, saboreie e colha os benefícios;Coma alimentos ricos em iodo como algas marinhas, outros alimentos como cranberry, feijão verde, couve, brócolis, folhas verdes escuras, banana, camarão e lagosta também são ricos em iodo, esta é uma lista muito curta, incompleta, você pode ajustá-la para atender às suas necessidades e estilo de vida, não só a função de apoio do iodo para a tireoide, mas também é importante para a glândula pineal, o iodo ajuda a remover o flúor do corpo que como discutido acima é muito tóxico, o iodo pode ser prejudicial em níveis super altos por isso se você optar por usar em forma de suplemento considere o uso de uma forma solúvel em água como Iosol, para evitar o risco de excesso ao consumi-lo;outra coia é o Cacau cru orgânico,que é rico em antioxidantes que combatem os radicais livres e mantêm o nosso cérebro saudável, isso também pode ajudar a estimular o olho da mente(pineal) ajudando a desintoxicá-la, além disso quem não gosta de chocolate ?Mais uma estrela;O óleo de coco(extra virgem prensado a frio) nutre todo o corpo até mesmo a pele e o cabelo, mas a sua maior vantagem é que ele nutre o cérebro e desintoxica a glândula pineal, o óleo de coco é rico em triglicérides de cadeia média que são convertidos em cetonas no fígado, foi comprovado que as cetonas restauram os neurônios e a função dos nervos no cérebro (Mercola 2013), esta é uma grande notícia para reverter os danos no cérebro e pode até mesmo fornecer um avanço na pesquisa da doença de Alzheimer, os Triglicerídeos de cadeia média (TCM), o principal tipo de gordura encontrada no óleo de coco aumenta o desempenho cognitivo em adultos mais velhos que sofrem de distúrbios de memória tão graves como a doença de Alzheimer e não é depois de meses ou até mesmo dias de tratamento, mas após uma única dose de 40 ml (3 colheres de sopa); brotos de alfafa e de Salsa ajudam a energizar a glândula pineal, todas estas ervas (e muitas outras) ajudam a estimular e desintoxicar a glândula pineal, tente adicionar o broto de a salsa e de alfafa generosamente quando cozinhar para um impulso extra do cérebro;Outra coisa é parar de usar óculos de sol;Será que isso chamou a sua atenção ? Bem deixe-me explicar, a luz refletida pela retina estimula a glândula pineal, nossos olhos precisam ser expostos à luz solar indireta diariamente (a qualquer uma célula ganglionar fotossensível), se você for usar óculos de sol certifique-se de tirá-los pelo menos por um curto intervalo de tempo diariamente, isso também nos fornece vitamina D que é muito importante para a saúde e equilibra o cérebro ajudando a combater a depressão.Claro que existem várias outras maneiras maravilhosas para promover a saúde dos olhos da mente, como foi dito, isso não é de forma alguma uma lista completa, é sempre bom verificar com um médico fitoterapeuta, especialmente se você tiver algum problema de saúde se for tomar suplementos, agora vá em frente nutrir o olho da sua mente 

Inspiração…….

• Mistério do flúor: Cientistas estudam o controverso aditivo

Toxicidade do flúor – Portal FOP-Unicamp

Controvérsias sobre o flúor | Scientific American Brasil 

Universidade de São Paulo Faculdade de Saúde Pública Uso do flúor .

Monicavoxblog

Recomendo….

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o flúor

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o flúor

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre o flúor

 

 

Reflexões sobre os tempos que estão por vir…..(?)

Resultado de imagem para imagens sobre o caos planetarioRecebo muitos e-mails perguntando se agora é o fim dos tempos e o que isso realmente significa para todos nós.Morreremos todos? O mar vai subir? O planeta vai acabar? E as guerras? Será que algum ditador vai tomar o planeta por completo? E a água potável, vai mesmo acabar? Há alguma chance deste planeta ser destruído completamente?Muitas são as previsões catastróficas e muitas são também as más interpretações sobre elas. Não nos cabe ficar meditando sobre qual destas previsões estão corretas ou não. Isto só fará com que elas fiquem mais fortes, o que aumenta a chance de ocorrerem.

O que realmente pode mudar este quadro horroroso previsto para a Terra, é o seguinte:

1 – Estamos vivendo a” Batalha do Armagedon” no aqui e no agora. Não espere algo deste tipo no futuro.

2 – O Armagedon se tornou muito mais físico, desde 11 de setembro de 2001. Não pela guerra em si, mas pela consciência mundial, que mostrou que todos os níveis e camadas sociais do mundo estão vulneráveis a esta guerra.O mundo inteiro acordou para uma guerra entre o bem e o mal, e mesmo sem tomar partidos, seja você quem for, Armagedon é uma guerra entre os filhos da luz e os filhos das trevas.

Não pensem que é uma guerra entre o Céu e a Terra, ou entre “Deus e os demônios” . Entendam que os filhos da luz podem vencer se chamarem os “exércitos do Céu” para lutar a batalha, mas esta é uma guerra de quem vive nos quatro planos inferiores da matéria.

Esta guerra realiza-se totalmente nos quatro corpos inferiores da Terra e nada tem a ver com o etéreo. Ela é, e está, na memória, no mental, no emocional e no físico, por isto ninguém sabe com certeza, se este ou aquele é bom ou ruim, pois tudo se trava em um mar de ilusões( “maya”).

A certeza é uma só. Os nossos aliados, aqueles que podem nos ajudar a vencer esta guerra, não estão na Terra, na Água (astral), no fogo ou no Ar. Os nossos aliados,(que não são salvadores) são os que vêm do Éter (fogo de altíssima vibração), o quinto elemento( Plenum Cósmico/Deus e seus anjos de Luz, Os Mestres Ascensos e seres de alta estirpe sideral)

Os enviados da luz etérea vêm para a batalha, quando são chamados pelos despertos e espiritualizados, e eles sempre vem em corpos sutis,diferentes desses corpos de terceira dimensão e podem aparecer nas mais diversas circunstâncias, basta o ser humano estar vibrando naquela frequência deste Ser.

3 – Podemos fazer a diferença nesta guerra. Mas para que isto se realize, é preciso:

a) – Buscar o contato com a Presença do EU SOU diáriamente e entregar-se, submeter-se a esta Presença de Luz. Isto é – Amar incondicioanlmente tudo e todos, acima de todas as coisas.

b) – Invocar a Chama Violeta  para consumir com o carma planetário, aliviando as energias negativas que estão sobre nosso planeta.

c) – Buscar elevar a nossa consciência estudando os ensinamentos das escolas de mistério, do Cristo Cósmico na Terra e buscando contato constante com o nosso  Eu Superior ,o Cristo Pessoal.

d) – Fazer jejum um ou dois dias por semana e /ou se alimentar de vegetais, frutas, castanhas, legumes e cereais integrais, deixando de comer as carnes de animais, aves e peixes e produtos industrializados/transgênicos/contaminados por agrotóxicos e químicas.

e) – Pedir intercessão divina em todos os lugares que acharmos necessário, sem qualquer crítica, condenação ou julgamento. Confiar e entregar ao Plenum Cósmico / Deus/Criador, implorando sua intercessão imediata onde quer que haja desordem e tumulto, desarmonias e impurezas, dor e sofrimento, ódio e maldade.

f) – Buscar a elevação da consciência através a oração espontânea,sincera, contínua.

g) – Invocar a ação harmonizada da Mãe Divina /Gaia/aspecto feminino do Criador, pedindo a purificação para si e para todo o planeta Terra.

h) – Pedir ao Criador que liberte os elementais do fogo, do ar, da água e da terra de toda e qualquer submissão ao mal. Os cataclismos naturais são conseqüência do carma coletivo do planeta e se libertarmos os elementais, poderemos amenizar muito este sofrimento.

I) – Manter em mente que a Palavra é Sagrada. A palavra é a manifestação da energia divina e precisa ser respeitada e sempre utilizada para falar positivamente, até mesmo na formação das frases mais comuns de nosso cotidiano.

J) – A Palavra precisa ser utilizada todos os dias para falar com o Plenum Cósmico/ Deus e seus anjos de luz, com os Elohim e os Mestres Ascensos, com os elementais de luz e com a nossa Mãe Divina.

K) – Manter sempre a mente e o coração com a esperança positiva de que todo o mal que nos aflige nesta “Batalha do Armagedon,” pode ser e será, eliminado da Terra. O medo atrai a destruição e fortalece o mal que nos aflige.

L) Buscar a comunhão com Espírito Santo, pedindo a sua intercessão na união dos filhos da Luz.

Resultado de imagem para imagens sobre o caos planetario

4 – É a Vontade de nosso Pai Celestial, que este planeta Terra seja a moradia da Nova Era Aquário.Esta nova Era de Aquário é regida por mudanças e profundas transformações de todas as ordens;Os nossos mentores espirituais, as Equipes da Luz,carregam a chama do amor do Espírito Santo, a chama da liberdade e da justiça. No momento vivemos as dores do nascimento do parto da era de aquário. A Era de Aquário será uma era de amor e iluminação, justiça e liberdade.

5 – Sabendo que a Era de Aquário é a Era da liberdade e do Amor divino, podemos ter certeza de que triunfaremos sobre o mal. A Justiça será feita com a elevação de nossas consciências, o que elevará o planeta como um todo.

6 – Nosso lema é: “Seja feita a evolução que já estava prevista,que seja realizada – Assim será na  Terra,já que é assim no Céu -” 

7 – Os seres das trevas tentarão levar o maior número de filhos da luz com eles para a “segunda morte”, mas na realidade, eles é quem estão morrendo de medo de” morrer”. Eles sabem que é chegada a hora deles. Eles querem que todos acreditem que o fim do mundo é agora, e para todos, mas a verdade é que agora é o fim do mundinho deles. O pequeno mundo dos que não acreditam e não seguem ás Leis do Universo ,inexoráveis ,do bem, da justiça, da Luz .

8-A Remissão está no aqui e no agora, onde todos estão tendo a oportunidade de seguir a luz e libertar-se das garras do mal.O que existe de real e verdadeiro na falsa hierarquia do mal e seus seguidores? Nada. Nada é a resposta! Assim, quanto mais ilusões físicas existirem na Terra, quanto maior será a destruição desta ilusão materializada.

9- – A Vinda do Cristo Cósmico será diferente da vinda de Jesus. O Cristo, agora, se manifestará através de muitos de nós, mundo a fora. Veremos o Cristo Interno atuando em todos os cantos deste mundo, oriundos de todas as oito grandes religiões do planeta e de todas as raças – Judaísmo, Budismo, Cristianismo, Hinduísmo, Confucionismo, Islamismo, Taoísmo, e Zoroastrismo.

10 – Como em toda batalha, sim, muitos filhos da luz, aqueles que acreditarem nas mentiras da falsa hierarquia,cairão e serão tomados e derrubados e perderão a maravilhosa oportunidade que agora se abre de vivermos lado a lado com os Mestres de luz na nova Era que surge.

11 – A união faz a força. O lema dos Mestres Ascensos é: “Um por todos e todos por Um” Precisamos orar para que os nossos irmãos na Luz do Plenum Cósmico/ Deus que é Invencível que sempre vence, sempre venceu e sempre vencerá, sejam libertados das garras do mal e da ilusão, e levados para os ensinamentos da Luz divina e esclarecedora.

Resultado de imagem para imagens sobre a verdade

Só o conhecimento da verdade liberta; À Vitória, Sempre com a Verdade

A libertação dos Filhos da Luz, para que eles possam se juntar a nós nesta batalha, ajudando-nos a invocar o poder de transmutação do fogo do éter divino, é o que pode fazer a diferença, é a coisa mais importante do momento. São Miguel e as Legiões da Luz, Consciência Crística, Maitreya, Gautama Buda, Sanat Kumara, São Miguel e todos os seres cósmicos que os seguem nesta grande luta pela verdade da libertação da humanidade, viajam pelo cosmos livremente e na velocidade da luz,não confundi-los com nossos irmãos extraterrestres,que também estão evoluindo na Senda do Pai.

Os impostores da luz, a “Matrix do Bem”,  atuam única e exclusivamente nos corpos inferiores, nada tendo de real no plano do éter divino. Estes falsos ensinamentos dizem para que os despertos invoquem falsos nomes e atentem para falsos ensinamentos com ares de bondade e “conformismo do bem” , ao invés de nos orientar para a ação e reação necessária para a mudança definitiva.

12 – Os cataclismos naturais, não são obra da natureza. Nossa Mãe divina jamais nos enviaria tal destruição. Estes cataclismos são o retorno da Lei de Causa e Efeito, inexorável ,nossas ações coletivas irresponsáveis. Não existe fuga no sentido de subir uma montanha, sair da costa do mar para viver no interior, entre outras idéias milagreiras.

Resultado de imagem para imagens sobre profeciasPREVISÕES

Nós sabemos que elas são o assunto preferido de todos vocês. Nós também sabemos que elas estão sendo usadas para elevar as esperanças da humanidade desta vez; sabemos que nessa categoria caem também “avisos terríveis”. E esses são usados exatamente para o efeito oposto.

Algumas das previsões mais fantásticas que parecem positivas, na realidade, são usadas porque aqueles que começam a imaginá-las, serão levados a um grande desapontamento E ISSO JÁ ESTÁ ACONTECENDO. Vamos discutir tudo isso.

Primeiro vamos definir o que pode ser uma previsão real. De uma perspectiva, uma previsão real sómente pode ser uma extensão para o futuro dos possíveis efeitos das causas atuais. Por exemplo, se se vê uma pessoa estudando diligentemente, seria razoável prever que em algum ponto essa pessoa pode encontrar o sucesso. Se se vê uma pessoa participando de uma atividade que a sociedade considera indesejável seria razoável assumir que a sociedade poderia escolher puni-la.

O que estamos escolhendo discutir hoje são os mesmos fenômenos estendidos ao reino dos efeitos das causas que seriam tão grandes, tão generalizados e tão afastados da manifestação imediata que o efeito em si pareceria desconectado e, portanto, imperceptível no presente.E também incluiria causas tão generalizadas que mal se poderia ver nosso próprio papel nelas. Também incluiria a incrívelmente grande quantidade de causas que um ser individual acumula durante as muitas vidas, o que nós chamamos retrógradamente de karma. Normalmente  sómente pensamos nisso como uma coisa negativa. Os despertos ficariam surpresos ao ver a imensa quantidade de “karma positivo” que muitos de nós acumulamos

E agora pensem em uma quantidade ainda mais fantástica de causas positivas que têm sido depositadas no “cofrinho da humanidade” por todos nós. E tudo isso está apenas aguardando para ser liberado por alguma chave mágica.Bem, essa é exatamente a situação em que nosso mundo está agora. E a pergunta em nossas mentes é: “O que é a chave? ”. A resposta será bastante surpreendente; Nós somos a chave.

Agora, nós começamos por dizer que uma previsão dependia das causas delas não mudarem. E a causa de manifestarmos o mundo que nós desejamos tão ardentemente é a nossa própria elevação para uma consciência vibracionalmente superior;nós nos imaginamos depois de todo esse período e depois de toda dor e do esforço que nós colocamos mudando a trajetória de nossas vidas? Claro que não. Então, qual é a nossa previsão para o futuro?

Atualmente há profetas de plantão pessimistas entre nós. É isso que  achamos que a humanidade criou? Se alguém quiser isso, ele pode ter. Se ele escolhe acreditar, ele terá de alguma forma.Felizmente também está aumentando o número de pessoas que imaginam um mundo muito melhor do que qualquer um de nós não temos  qualquer lembrança de experimentar. Um número cada vez maior se empenha em viver essa esperança diáriamente. Repito;É isso que  achamos que a humanidade criou? Se escolhermos acreditar,  teremos de alguma forma.NÓS CRIAMOS A NOSSA REALIDADE;entendem como funciona? Todos nós somos co-criadores das realidades que  fazemos e que iremos ver.

Não faz muito tempo que essa parecia uma declaração ridícula de se fazer. Mas hoje ela não causará espanto em muitos dos lugares. Podemos ver  como já fomos longe.E então, de volta ao assunto de previsões. Nós sentimos que as previsões que nós fazemos honestamente, sinceramente e pelo bem de todas as pessoas, no fundo de nossos corações, agora começarão a se manifestar sériamente. A espiral descendente de nosso mundo está sendo parada. E a espiral ascendente agora está definitivamente em progresso. Liguemos os nossos  motores da convicção. Façamos isso.

Um conselho;

Amem. Esperem. Perdoem. Façam todas as coisas que vocês aprenderam a fazer e que levarão para a mudança. Sejam o que vocês desejam. O tempo de ser contra já passou. Prevejam o futuro em seus corações. É aí onde ele será criado.

Resultado de imagem para imagens sobre doutrina espiritaUMA ANÁLISE ESPÍRITA PROFUNDA SOBRE PREVISÕES E PROFECIAS-pelos seres de luz

Canal: Ron Head 

Fonte: http://oraclesandhealers.wordpress.com/

“A fé necessita de uma base, e essa base é a perfeita compreensão daquilo em que se deve crer. Para crer, não basta ver, é necessário compreender.” (Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 19, item 7).

verdadeira convicção só se adquire pelo estudo, pela reflexão e por uma observação contínua” (Discurso na Sociedade Parisiense 5/4/1861)

Fé inabalável é somente aquela que pode encarar de frente a razão, em todas as épocas da humanidade” (Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 19, item 7).

“Nada examinando, a fé cega aceita, sem verificação, assim o verdadeiro como o falso, e a cada passo se choca com a evidência e a razão. Levada ao excesso, produz o fanatismo” (Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 19, item 7).

Toda a experiência espiritual ou mediúnica é, sem dúvida, uma experiência de fé, de emoções e sentimentos que permitem à pessoa que vivencia tal experiência uma conexão com algo que transcende a matéria. Entretanto, o nobre codificador esclareceu que não basta apenas vivenciar tal experiência de fé espiritual, juntamente com o emocional ou sentimental; ele esclareceu que é necessário refletir, observar, examinar, comparar e acima de tudo passar pelo crivo da razão tal experiência para assim concluir se tal experiência foi fruto da imaginação, se foi obra de espíritos zombeteiros ou mal intencionados ou se realmente foi um contato com alguma entidade de elevado valor moral.

Resultado de imagem para imagens sobre doutrina espiritaKardec ensinou o método para realizar tal análise, em minúcias, no O Livro dos Médiuns, como por exemplo, os mecanismos para identificar se o espírito manifestante é realmente um espírito bom ou se apenas se manifesta com disfarces ou máscaras. Ensinou como analisar uma comunicação mediúnica, identificado indícios da presença, ou não, de espíritos mal intencionados.

O ano de 2012, em especial, foi recheado de médiuns e canalizadores que não observaram esses preceitos elementares do nobre codificador. Algumas mensagens que qualquer aluno aplicado de uma escola mediúnica identificaria como obra de espíritos gozadores se multiplicaram na internet; mensagens ignorando os mais elementares postulados da física e da astronomia da mesma forma ganharam a grande rede, em parte pela invigilância de quem não analisou o que escreveu ou “recebeu” espiritualmente, em parte pela invigilância de quem leu e aceitou sem passar pelo crivo da razão e da comparação.

CUIDADO COM A MATRIX DO BEM

A experiência espiritual, seja de quem vivencia ou de quem lê ou estuda, deve ser fruto do equilíbrio entre a razão e a emoçãoNão basta apenas sentir que algo “parece” bom, iluminado ou do bem, é preciso comparar, auscultar, observar se existe lógica em determinado relato.

No capítulo 24 do Livro dos Médiuns, itens 260 e 261 esclarece que existem espíritos tão especializados em embustes, que conseguem não apenas falsificar assinaturas em mensagens como ainda imitar com perfeição o jeito, o modo de falar e os tiques de determinado espírito de quilate elevado que seja conhecido do grande público. Kardec assim esclarece:

“Pode-se também colocar entre as provas de identidade a semelhança de caligrafia e de assinatura. Mas além de não ser dado a todos os médiuns obter esse resultado, ele nem sempre representa uma garantia suficiente. Há falsários no mundo dos Espíritos, como no nosso. Certamente se dirá que se um Espírito pode imitar uma assinatura, pode também imitar a linguagem. É verdade. Temos visto os que tomam a o nome da Consciência Crística e para melhor enganar imitam o” estilo evangélico” excedendo-se nas expressões mais conhecidas:” Em verdade vos digo.”

Portanto não basta apenas se emocionar com o que se vê ou o que parece ser, é preciso analisar também o que é dito, relatado, escrito e assim comparar todas as informações para que se observe se existe lógica nas mesmas.

Um nobre espírito desencarnado conhecido, por exemplo, diria em uma comunicação mediúnica algo totalmente diferente daquilo que disse quando em vida? Certamente que não. Portanto, é preciso que a fé, a experiência emocional, sentimental e espiritual passe sempre pelo crivo da razão, da comparação, da análise minuciosa antes que seja admitida como uma experiência fidedigna.

O próprio Kardec levou esse método ao extremo na elaboração da Codificação. Ao juntar as comunicações recebidas através de diversos médiuns que atuaram no processo de elaboração dos cinco livros da Codificação, ele simplesmente descartou 90% das comunicações mediúnicas, foram aproveitados apenas 10%. Já naquela época, Kardec sabia que não bastava uma mensagem que falasse muito de amor, mas que em algumas linhas no meio de belas palavras apresentasse argumentos ou teorias estranhas, ele também sabia que muitos espíritos se apresentavam com aparência boa, doce e nobre, mas com más intenções por trás de uma boa aparência ou de uma aparente boa retórica.

Uma mensagem, uma palestra, um livro,  devem ser analisados como um todo, linha por linha, palavra por palavra, pois muitas vezes pequenos sofismas são propositalmente colocados no meio de belos e nobres ensinamentos e o médium, se não estiver suficientemente vigilante, certamente será presa fácil de espíritos especialistas nesse tipo de fascinação.

Os mecanismos de obsessão atualmente também evoluíram; o preocupante não é o espírito grosseiro ou raivoso que se manifesta , mas sim o ardiloso que se esconde numa voz mansa, suave e procura utilizar muitas frases sobre amor e evolução e coloca no meio destas, de forma consciente, certas idéias estranhas ou até mesmo mensagens subliminares através de pequenos “comandos” escritos ou falado que muitas pessoas sequer percebem.

Nos itens 261 e 267 do mesmo capítulo do Livro dos Médiuns, Kardec resume de forma brilhante como identificar um espírito embusteiro. Seguem alguns trechos:

“Deve persuadir-se de que os Espíritos perversos são capazes de todas as trapaças e de que, quanto mais elevado for o nome usado, mais desconfiança deve provocar. Quantos médiuns têm recebido comunicações apócrifas assinadas por Jesus, Maria ou algum santo venerado!” (item 261)

“A bondade e a afabilidade são também atributos essenciais dos Espíritos depurados. Eles não alimentam ódio nem para com os homens nem para com os demais Espíritos. Lamentam as fraquezas e criticam os erros, mas sempre com moderação, sem amarguras nem animosidades.” (item 264)

Imagem relacionada“Por mais legítima confiança que vos inspirem os Espíritos dirigentes de vossos trabalhos, há uma recomendação que nunca seria demais repetir e que deveis ter sempre em mente aos vos entregar aos estudos: a de pensar e analisar, submetendo ao mais rigoroso controle da razão todas as comunicações que receberdes; a de não negligenciar, desde que algo vos pareça suspeito, duvidoso ou obscuro, de pedir as explicações necessárias para formar a vossa opinião”.(item 266)

“Não devemos julgar os Espíritos pelo aspecto formal e a correção do seu estilo, mas sondar-lhes o íntimo, analisar suas palavras, pesá-las friamente, maduramente e sem prevenção. Toda falta de lógica, de razão e de prudência não pode deixar dúvida quanto à sua origem, qualquer que seja o nome de que o Espírito se enfeite.” (item 267)

Toda heresia científica notória, todo princípio que choque o bom senso revela a fraude” (item 267, subitem 7)

Os Espíritos bons podem fazer-nos pressentir as coisas futuras, quando esse conhecimento for útil, mas jamais precisam as datas. Todo anúncio de acontecimento para uma época certa é indício de mistificação.” (item 267)

Comentário: Quantos espíritos se manifestaram para canalizadores e médiuns nos últimos 2, 3 anos falando em grandes mudanças para breve e nada aconteceu, nem apocalipse, nem mudança de Era realmente significativa, nem ascensão para outra dimensão ou plano. É importante citar esse item, pois existe uma data provável circulando por aí  para o auge dos eventos da transição planetária: 24 de abril de 2036, mas essa data parece que é fruto de uma comparação de diversas profecias(?), de profetas que já mostraram o seu valor(?) ao acertar predições de eventos, ou seja, é fruto de um estudo comparativo e metódico que chegou a um ponto específico,esta é a alegação, um foco comum que representa esta data e não simplesmente uma mensagem ou canalização(?) citando uma data qualquer no futuro sem sustentar-lhe em qualquer base comparativa ou racional.

NOTA DO MONICAVOXBLOG:-Uma coisa é um espírito se manifestar, “soltar” uma data para o apocalipse, nova era ou qualquer outro mega evento sem qualquer base lógica e racional, outra coisa é encontrar uma data, baseada em um método comparativo que cria um foco comum para as profecias dos profetas mais confiáveis do mundo.

Kardec inclusive, no próprio O Livros dos Médiuns, item 289, sub-item 8 mostra que é possível receber informações sobre acontecimentos futuros (algo perfeitamente plausível, visto que a própria Consciência Crística/ Jesus falou sobre o futuro, em detalhes, no sermão profético, vaticinando enormes eventos naturais):

“Às vezes, entretanto, alguns acontecimentos futuros não são anunciados espontaneamente pelos Espíritos de maneira verídica”

Pode acontecer que o Espírito preveja coisas que considera conveniente dar a conhecer ou que tenha por missão revelar-vos. Mas é nesses casos que mais devemos temer entre os espíritos mistificadores, que se divertem fazendo predições. É somente pelo conjunto das circunstâncias que podemos julgar o grau de confiança que elas merecem

Comentário: Ou seja, qualquer profecia que não possua uma base lógica e racional, que não esteja em sintonia com profecias de profetas que já acertaram outros vaticínios deve ser simplesmente descartada. Alguém profetizar algo ou acreditar em alguma profecia apenas baseado em um calendário ou em uma heresia científica, renegando todas as profecias mais confiáveis do mundo, inclusive as do Mestre Jesus, certamente é alguém que estará incorrendo em grande equívoco no estudo das profecias.

É também importante analisar com ampla reflexão os próprios relatos proféticos de Kardec, sobretudo na Gênese, sobre como ocorreria a mudança de Era. Infelizmente ainda existem espíritas que acreditam que as mudanças serão suaves, sem enormes cataclismos apocalípticos, como se os vaticínios do Rabi da Galiléia fossem meras lendas.

Resultado de imagem para imagens sobre o apocalipseA GÊNESE , KARDEC E O APOCALIPSE

“A Terra, no dizer dos Espíritos, não terá de transformar-se por meio de um cataclismo que aniquile de súbito uma geração. A atual desaparecerá gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo, sem que haja mudança alguma na ordem natural das coisas.” (A Gênese” de Allan Kardec, capítulo 18, item 27)

Essa é uma passagem paradoxal  muito utilizada por alguns “doutores da lei” espíritas para argumentar que não teremos as grandes mudanças vaticinadas no Apocalipse. Mas  se o cidadão é espírita e tem como maior exemplo a seguir ,segundo a doutrina, a Consciência Crística/ Jesus, justamente por ser espírita, como que ele vai desacreditar os relatos que foram trazidos pelo próprio Messias, no sermão profético?? Será que estes espíritas não sabem que no sermão profético, contido nos 4 evangelhos amplamente estudados pela Codificação, está justamente o relato de intensas mudanças de ordem natural?Científicamente já temos a resposta, haja visto o aquecimento global, as mudanças dos pólos e o derretimento da calota polar,sem contar o desmatamento e a poluição ambiental desmedida.

Estudo da obra “A Gênese”

Para começarmos a entender a questão, é preciso compreender que a obra “A Gênese” possui uma diferença com relação às demais obras básicas do Espiritismo: em muitos dos seus textos existem teorias ainda hipotéticas, fruto da opinião pessoal do codificador e não da doutrina espírita, sendo que muitas dessas idéias foram esboçadas na Revista Espírita na época de Kardec. O nobre codificador esclarece isso logo na introdução da obra:

“Os mesmos escrúpulos havendo presidido à redação das nossas outras obras, pudemos, com toda verdade, dizê-las: segundo o Espiritismo, porque estávamos certo da conformidade delas com o ensino geral dos Espíritos. O mesmo sucede com esta, que podemos, por motivos semelhantes, apresentar como complemento das que a precederam, com exceção, todavia, de algumas teorias ainda hipotéticas, que tivemos o cuidado de indicar como tais e que devem ser consideradas simples opiniões pessoais, enquanto não forem confirmadas ou contraditadas, a fim de que não pese sobre a doutrina a responsabilidade delas.”

Aliás, os leitores assíduos da Revue hão tido ensejo de notar, sem dúvida, em forma de esboços, a maioria das idéias desenvolvidas aqui nesta obra; A Revue, muita vez, representa para nós um terreno de ensaio, destinado a sondar a opinião dos homens e dos Espíritos sobre alguns princípios, antes de os admitir como partes constitutivas da doutrina.” ; Nota da EditoraAo leitor cabe, pois, durante a leitura desta obra, distinguir a parte apresentada como complementar da Doutrina, daquela que o próprio Autor considera hipotética e pessoalmente dele.Portanto, para início de análise, já partimos do pressuposto de que nem tudo que foi dito no livro “A Gênese” pertence à Doutrina Espírita, mas sim a algumas opiniões pessoais do  codificador como ele próprio esclareceu na introdução da obra.

Resultado de imagem para imagens sobre o apocalipseA MUDANÇA DE ERA

Chegando ao capítulo 18 onde se encontra a famosa frase utilizada por muitos defensores de uma mudança de Era sem grandes eventos cataclísmicos, o próprio codificador esclarece ao final do item 10:

“Anunciando a época de renovação que se havia de abrir para a Humanidade e determinar o fim do velho mundo, a Jesus, pois, foi lícito dizer que ela se assinalaria por fenômenos extraordinários, tremores de terra, flagelos diversos, sinais no céu, que mais não são do que meteoros, sem abrogação das leis naturais.”

Ou seja, está claro e evidente que “A Gênese” acha lícita as profecias da Consciência Crística/ Jesus, falando inclusive sobre meteoros . Então, como que no mesmo capítulo, poucos itens depois, é dito que as mudanças serão sem cataclismos? Podemos apenas supor, utilizando-nos da razão, que a opinião do item 27 seja uma opinião pessoal de Kardec e não da doutrina, pois a Doutrina Espírita, como exposto no item 10, concorda com as predições da Consciência Crística/ Jesus sobre cataclismos para a mudança de Era.

Mas vamos analisar as palavras do nobre codificador, que ao que parece são opiniões pessoais que ele manifestou na obra, pelo menos na segunda frase abaixo:

“A Terra, no dizer dos Espíritos, não terá de transformar-se por meio de um cataclismo que aniquile de súbito uma geração.”

Concordo com essa opinião, pois “aniquilar súbitamente uma geração” seria destruir por inteiro (eis o significado de aniquilar) toda a coletividade humana, ou reduzi-la a níveis ínfimos, algo que Jesus também deixou claro que não irá acontecer, segundo consta no sermão profético do evangelho de Mateus, capitulo 24, quando ele fala que metade da população mundial irá desencarnar no auge dos eventos, algo bem distante de uma aniquilação, pois ainda sobreviverão bilhões de pessoas encarnadas.

A atual desaparecerá gradualmente e a nova lhe sucederá do mesmo modo, sem que haja mudança alguma na ordem natural das coisas.”

A Gênese foi escrita antes de 1900, ou seja, a mais de 120 anos e a frase acima diz respeito à geração daquela época, sem que obviamente devesse haver qualquer mudança radical na ordem natural das coisas, até porque o auge do Apocalipse foi previsto(?) pela Consciência Crística/ Jesus para bem depois daquela geração, ao citar a profecia dos 70 períodos de Daniel no sermão profético, profecia essa que se iniciou em 1967 e termina em 2036.

A frase está plenamente correta, pois não se refere à geração que vivenciará o auge do Apocalipse (em boa parte a atual), mas sim a geração que vivenciou a época de Kardec.

Esses erros de interpretação infelizmente ainda são muito comuns entre alguns  espíritas, da mesma forma que a famosa passagem de Mateus 24:36 é utilizada por muitos cristãos para dizer que é impossível que o dia e a hora exatos do auge dos eventos sejam descobertos, pois repetem a frase dita pela Consciência Crística/ Jesus nesse versículo:

“O dia e a hora ninguém sabe, só o Pai que está nos céus”.

Ora, a Consciência Cristica/Jesus  falou a verdade, só que ele disse isso há quase dois mil anos no sermão profético, em momento algum ele disse que no futuro alguém não poderia saber;ele usou o verbo no presente (ninguém sabe) mas não disse que no futuro ninguém viria a saber, tanto que ele próprio, após proferir essas palavras e depois desencarnar, voltou para trazer a revelação (apocalipse) à João, a revelação exata do dia e hora dos eventos.(segundo os Evangelhos)

Portanto, é importante que os amigos espíritas, católicos, protestantes e neopentecostais e todas as linhas cristãs e usam os Evangelhos como base, se atenham a uma interpretação mais ampla dos textos, pois é uma simples questão elementar de interpretação de texto, independente da crença ou fé de cada um, até porque a lógica interpretativa independe da fé da pessoa, depende apenas do seu bom senso em seguir as normas elementares da Língua.Novamente fica o lembrete, a espíritas e espiritualistas: estudem com mais cuidado, com maior comparação e com relação aos temas proféticos.

Resultado de imagem para imagens sobre uma nova eraVisão pessoal…

Nessas palavras do texto, está o cronograma de todas as mudanças até que se inicie uma Nova Era, após 2036, palavras que devem servir sempre de base comparativa em relação a mensagens de médiuns e canalizadores, sobretudo àqueles que defenderam o auge do Apocalipse ou início de uma nova era ao final de 2012 .Uma coisa é um espírito se manifestar, “soltar” uma data para o apocalipse, nova era ou qualquer outro mega evento sem qualquer base lógica e racional, outra coisa é encontrar uma data, baseada em um método comparativo que cria um foco comum para as profecias dos profetas mais confiáveis do mundo.Kardec inclusive, no próprio O Livros dos Médiuns, item 289, subitem 8 mostra que é possível receber informações sobre acontecimentos futuros (algo perfeitamente plausível, visto que a própria Consciência Crística/ Jesus falou sobre o futuro, em detalhes, no sermão profético, vaticinando enormes eventos naturais):“Às vezes, entretanto, alguns acontecimentos futuros não são anunciados espontâneamente pelos Espíritos de maneira verídica?Pode acontecer que o Espírito preveja coisas que considera conveniente dar a conhecer ou que tenha por missão revelar-vos. Mas é nesses casos que mais devemos temer os espíritos mistificadores, que se divertem fazendo predições. É somente pelo conjunto das circunstâncias que podemos julgar o grau de confiança que elas merecem”.

Inspiração….

A Nova Era e a Revolução Cultural

Espiritismo, Uma Nova Era PDF 

Conheça os Livros da Nova Era, com informações sobre a Ascensão.

Monicavox

Recomendo….

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre uma nova era

Imagem relacionada

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre uma nova era

 

O Processo de Auto-Iluminação

O processo de auto-iluminação nos permite colocar, no lugar mais reservado de nosso ser, a realização do destino pessoal em consonância com os objetivos divinos. Descobrir como encaixar o que fazemos e queremos da Vida com aquilo que acreditamos que sejam os desígnios do Criador, é fundamental na evolução do ser humano. A luz de nossa essência interior deverá brilhar a fim de que se realize em nós a presença de Deus. O ser humano é simultaneamente material e espiritual, pois, se sua origem e raízes estão na Terra, sua destinação e essência se encontram nas estrelas.

No processo de auto-iluminação, após vencidas as barreiras dos processos anteriores, deve-se buscar o estado permanente de paz e harmonia interior e exterior. Isso ocorre quando, além de descobrirmos o sentido da Vida, vamos em busca de novos e maiores objetivos. Nesse estado o indivíduo consegue ser feliz como é, visto que se percebe ainda em processo. Nesse processo de auto-iluminação as dificuldades de compreensão do significado do espiritual já não existem. As dúvidas e resistências em aceitar a realidade espiritual já 95 não perseguem a consciência.

O indivíduo possui uma vivência espiritual adequada à sua tarefa no mundo, sem os medos e receios característicos de fases anteriores de sua vida. A vivência é verdadeira e positiva, na medida que traz benefícios pessoais e coletivos. O contato com o espiritual é simples e sem os complexos mecanismos de defesa anteriormente utilizados. Torna-se possível estabelecer uma relação madura com o espiritual, sem modismo, sem pieguice, e sem subserviência. O espiritual passa a ser o natural na vida do indivíduo, não existindo distância com o material, pois são faces de uma mesma realidade que se complementam para o aprendizado humano.

Nesse processo, o indivíduo percebe a Vida como um fluir constante em que ele é o principal personagem da grande história de sua vida. Ele percebe a Vida como uma melodia permanente, sob o som da qual ele dança a própria Vida, adaptando seu ritmo. A dança da Vida é o viver éticamente buscando realizar o próprio sentido presente nas experiências vividas. O indivíduo durante o processo de auto-iluminação consegue aprender a arte de ser positivo diante de dificuldades, sem o otimismo superficial de quem quer esquecer conflitos sem entender-lhes as causas. Ele consegue entrar em contato direto com o que o incomoda, buscando extrair aspectos das leis de Deus durante a execução de estratégias para sua solução.

Imagem relacionadaQuestiona-se sempre sobre o que deve aprender com as dificuldades que atravessa, visto que sabe não estar livre de vivenciar dificuldades, tampouco incomoda-se em solucioná-las sob tensão, considerando-as aspectos inerentes ao viver.  Sabe adiar recompensas, buscando sentir a Vida a partir das experiências mais simples, sabendo extrair delas o que de melhor possam oferecer. O processo de auto-iluminação geralmente leva o indivíduo a certo destaque em seu grupo ou segmento social, evidenciando e expondo sua vida e suas atitudes perante seus pares.

Neste processo o indivíduo tem consciência de como sua vida influencia a de outros, atentando para a descoberta de como viver a própria vida sem necessariamente atender aos anseios coletivos, nem tampouco desprezá-los. Sua vida pública torna-se extensão de sua vida privada, sem que perca sua autonomia. Sua filosofia de vida é perfeitamente coerente com as normas sociais e com os princípios morais de todas as religiões. Sua vida e seu trabalho, além de atender suas necessidades pessoais, permitem-lhe auxiliar e elevar moral e espiritualmente a sociedade em que vive.

Possui uma certeza interna inamovível que o determina a realizar sempre, motivando-o ao trabalho. Essa certeza interna é uma espécie de mito pessoal transcendente, como uma crença íntima. Tal certeza é quase intraduzível, pois se situa além do tempo e do espaço, identificando-se com a presença interna de Deus na alma humana. É uma certeza que vai além das certezas e incertezas, onde nenhuma dúvida penetra. É uma espécie de dogma pessoal. Como exemplo podemos ver a seguinte afirmação: 

“Sou um ser indestrutível e meu destino me pertence. Vou construí-lo com amor e sabedoria.” É uma simples frase que, se colocada como certeza interna, passa a ter força diante de qualquer desafio externo. Não é uma crença externa, nem uma confissão de fé ou demonstração de  princípios religiosos. É um dínamo interno gerador de movimento para a Vida.

No processo de auto-iluminação o indivíduo tem um permanente diálogo com Deus, seja através da oração ou de atitudes diretamente concorrentes aos Seus desígnios. Esse diálogo é tão sutil que se confunde com um monólogo psíquico interno. É seu alimento diário e constante, pois tem nessa comunicação sua permanente conexão com Deus, que lhe dá a certeza de Sua existência. Sente-se feliz por existir e por estar realizando a própria vida, independente das circunstâncias aversivas ou não que atravesse, tendo a felicidade como um estado de espírito permanente. O desejo e a vontade se constituem na própria essência do espírito, sendo conseqüência de sua existência. Pertencem à esfera mais íntima da individualidade. Freqüentemente permitimos que eles se contaminem pelas necessidades artificiais do ego. É salutar que não tenhamos desejos contaminados, porém é pouco provável que não possamos tê-los, visto que, embora partam da intimidade do espírito, são influenciados tanto pelo ego quanto pelo inconsciente. O indivíduo no processo de auto-iluminação consegue que seus desejos sejam materializados na medida que os situa acima de interesses pessoais egóicos, portanto suas realizações atendem a seu Self e à coletividade. Estar no processo de auto-iluminação não quer dizer que o indivíduo possua poderes especiais, pois os que os têm, e utilizam para o bem comum, necessitam dessa prática para fazer prevalecer sua mensagem coletiva. Tais poderes especiais, mediúnicos ou não, se tornam valiosos instrumentos de penetração de sua mensagem pessoal para a sociedade dos que precisam ver para crer.

Os dotes especiais, adquiridos ao longo das vidas sucessivas, conseqüência natural do uso adequado que fizeram, são habilidades que serão colocadas a serviço do Self, no seu desejo de realização. Ter tais dotes especiais não implica em evolução, mas muitas vezes em necessidade cármica, sem a qual não haveria possibilidade de sucesso na investida reencarnatória. No processo de auto-iluminação o indivíduo percebe que há leis gerais da Vida, às quais ele aprende a internalizar para seu próprio progresso. A integração do aprendizado dessas leis cada vez mais o capacitam a viver no mundo e a ensinar ao mundo sua utilização. São leis gerais da Vida para que a própria Vida se realize através do ser humano.

 É nessa fase que as companhias espirituais amigas se tornam mais evidentes e o contato com antepassados favorece o desenvolvimento de mais realizações na vida. O indivíduo descobre como agem seus guias, bem como desenvolve a habilidade de entender seu próprio guia interior, o Self. 

Algumas pessoas têm como referencial um espírito guia ou uma voz interior. A essa voz ou a esse guia pode-se atribuir características diversas como a uma personalidade. Deve-se procurar atribuir-lhe boas qualidades, como por exemplo: equilibrado, harmônico, amoroso, disciplinado, altruísta, idealista, otimista, entusiasmado, econômico, sincero, humilde, determinado, discreto, despachado, alegre, inteligente, incentivador, criativo, compreensivo, compassivo, etc. Esse procedimento nos auxilia a sintonizar com os bons espíritos. O indivíduo em processo de iluminação não anda buscando gurus ou mestres externos, visto que já percebe os  conteúdos das próprias projeções e das limitações das pessoas que já alcançaram um grau mais elevado de realização e que ainda se encontram vinculados a atividades que exigem atitudes comuns. 

Resultado de imagem para imagens sobre iluminação interior do ser humanoO guia externo é necessário até certo ponto da caminhada, quando ainda não se percebe espírito. Quando o ego se identifica com os propósitos do Self, o guru externo é dispensável. A adoção de um mestre ou guru não prejudica a ação do Self, pois não há mais projeção, mas respeito pelo outro. No processo de iluminação interior o indivíduo descobre a liberdade como compromisso consigo mesmo e com Deus. Sua liberdade é exercida sem qualquer preocupação com as prisões externas, visto que mantém o coração e a consciência disponíveis para suas próprias escolhas.

Nada o prende nem o limita no sentido psicológico, face à sua capacidade de adaptar-se às contingências externas sem alterar seu rumo. Possui a liberdade de ser aquilo que se determinou sem as influências externas, porém respeitando-as. Adquire a consciência de existir a partir da percepção da vontade divina, cuja certeza é alimentada pelas realizações que leva a efeito no campo do bem, do amor e da paz. A consciência da existência não é apenas um dado decorrente da razão, mas sobretudo do sentimento de unidade com o divino. Nesse processo, o indivíduo se sente integrado ao universo como elemento participante dos eventos da Vida. O sentimento de integração lhe permite acreditar no futuro, na transcendência da Vida, na realidade de Deus e nas possibilidades de felicidade. Sente o amor em plenitude, visto que materializa-o através da construção de um mundo melhor. Sua vida é dedicada à realização de si mesmo e de 100 uma sociedade mais harmônica e feliz, onde o ser humano seja reconhecido como espírito imortal.

O iluminado não é o santo, o religioso, mas o consciente de Deus, de si mesmo e de seu destino. É o ser que ama tendo o amor como sentimento que o une ao universo. É o ser que, integrado aos objetivos divinos, manifesta-os em suas realizações sem se ausentar do mundo. O iluminado não é o diferente, mas o que se iguala para realizar sua própria singularidade. Ele nem sempre está nas hostes religiosas, nem nos templos erigidos pelos homens, nem tampouco tem assento garantido nos poderes mundanos, mas se encontra no mundo, servindo a Deus junto aos seres humanos.

Seu lugar é ao lado, compartilhando, crescendo junto, implicando-se e envolvendo-se com as pessoas de sua convivência. Onde existir oportunidade de colocar-se a serviço do próximo, aí ele se fará presente. O indivíduo iluminado sabe que sua capacidade de curar o outro não é ilimitada, muito mais que não é ele o curador. Tem consciência de que, no seu mister de auxiliar o próximo é apenas instrumento divino no processo do outro. Compraz-se em se colocar a serviço da Vida no momento em que o outro lhe projetou a capacidade de curá- lo.

É cidadão do mundo e vive como todos. Eleva-se acima de todos mantendo-se ao lado. Ilumina a quantos passem no seu caminho por receber a luz de todos. É respeitado pelo respeito que tem a todos. É amado por amar, sem exigir retribuição. A auto-iluminação é o estado interior de paz consciente, de harmonia contagiante, de autodeterminação e integração com o Universo e com Deus. É a consciência de si mesmo como espírito imortal, individualizado e plenamente consciente do sentido da Vida.

Lidando com nossos problemas

A primeira e grande observação de magna importância para a compreensão e solução de problemas é que eles pertencem e são causados pela própria pessoa que os tem. Isto é fundamental: seu problema é seu e ninguém é diretamente responsável por ele a não ser você mesmo. Essa colocação não retira o papel das influências espirituais na base daqueles problemas e isso iremos tratar adiante. Indiretamente vários fatores concorrem para que eles existam. Mesmo aqueles que são diretamente provocados por outras pessoas ou pela própria vida (pelo destino), têm suas causas em aspectos desconhecidos ou negados de nossa personalidade, aí incluindo causas oriundas de atitudes de outras vidas. Essa compreensão é fundamental para o estabelecimento de estratégias para a saída deles. Em segundo lugar devemos aplicar a regra da resignificação, isto é, nada é totalmente como pensamos que seja. O significado ou a leitura que fazemos de um conflito pode ser completamente diferente da realidade. Um novo significado pode ser de grande ajuda para a solução dele. Para essa nova visão temos que recorrer a alguém que nos possibilite essa outra percepção e que não seja parte do problema. Quando assim procedemos estaremos ampliando nossa própria visão a partir das percepções de alguém. Por estarmos vivendo o problema perdemos, muitas vezes, a visão de conjunto, o que nos impede de estabelecermos cenários alternativos de soluções. Em terceiro lugar devemos aplicar a regra da solucionabilidade, isto é, nada é insolúvel e não há problema algum que já não tenha se passado com alguém. Isso possibilita a certeza de que há algo mais além de se estar atravessando aquele determinado problema que, certamente, tem solução.

 Aquele problema surgiu em minha vida como uma forma de ensinar-me algo que ainda desconheço. A solução pode estar mais próxima do que imaginamos e ao alcance de nossas possibilidades.

Em quarto lugar, é importante que eu o enfrente, e, para isso, é preciso conhecê-lo bem, procurando entender todas as forças que concorrem para que se torne um problema em mim. Devo verificar se suas causas não se encontram em outras vidas, a partir da percepção de mim mesmo, de minha infância, adolescência e vida adulta. Caso constate que se trata de algo que venha de outra vida, devo evitar repetir o equívoco que cometi não me permitindo deixar de resolver o conflito. Em quinto, o tempo está a meu favor e não devo desesperar-me em busca de soluções mágicas e imediatas.

Muitos dos problemas se resolvem com paciência e determinação, permitindo-se que o tempo atue junto aos fatores determinantes. Sem pressa, porém sem esquecer de buscar alternativas para a solução do conflito. 

Em sexto, ter consciência das influências espirituais que atuam na grande maioria dos conflitos humanos. De um lado, as influências obsessivas, negativas, que atrapalham sobremaneira uma solução ou um desfecho favorável, cujos fatores predisponentes se encontram em vínculos cármicos de vidas passadas. Por esse lado devemos recorrer aos mecanismos conscientes de defesa psíquica, tais como, o passe, a leitura edificante, e, sobretudo, a oração. Do outro lado temos as influências positivas que favorecem nossa percepção das alternativas que melhor nos permitam tirar lições por entre os problemas que nos compete resolver. As influências positivas são muito mais abundantes que as negativas, visto que, aliadas aos bons espíritos, as leis de Deus conspiram a favor do ser humano.

Resultado de imagem para imagens sobre iluminação interior do ser humanoEm resumo:

1. O problema é meu e fui eu quem proporcionou sua existência e devo tentar enxergar as ocorrências da Vida como elas são, aprendendo a assumir minhas responsabilidades, não culpando a ninguém nem a mim mesmo;

2. Posso vê-lo de outra forma desde que saia da posição egóica em que me situo, tentando entendê-lo a partir de outro referencial;

3. Ele é solucionável e está a meu alcance a saída, sendo de minha responsabilidade verificar o que me compete fazer no momento;

4. Devo conhecê-lo bem para enfrentá-lo, sem relegá-lo ao esquecimento, nem tampouco reagir imediatamente a ele, movido pela emoção descontrolada;

5. Ao procurar a solução devo buscar agir sem ferir a ninguém nem colocar-me como vítima. Devo 104 procurar não lutar contra as pessoas, mas agir em favor de mim mesmo, sem precisar atacar para defender-me;

6. O tempo está a meu favor, pois a paciência é uma virtude desejável em todos os momentos;

7. Minha determinação, os bons espíritos e Deus são forças que conspiram a meu favor, independente do contrário;

8. Devo sempre perguntar-me por que estou passando por esse problema.

Resultado de imagem para imagens sobre iluminação interior do ser humanoVisão pessoal…

Existem vários conflitos que afligem o ser humano e que, muitas vezes, atrapalham sua marcha evolutiva, muito embora lhe acrescentem algumas lições em sua jornada. São problemas comuns e que vão se modificando a cada época de nossa história, mas que merecem atenção e cuidado na busca de soluções. A grosso modo podem ser vistos sob diferentes ângulos, porém cada pessoa atravessará seu problema de forma particular e, por esse motivo, deve-se buscar formas específicas de resolvê-los, entendendo-se que o mesmo problema em pessoas diferentes terá, necessariamente, soluções distintas. O ser humano é singular e seus problemas são, da mesma forma, singulares e exigem modos distintos de compreensão e solução. Durante muito tempo aprendemos que as atitudes sociais, em respeito à boa educação, deveriam concorrer para que os indivíduos mostrassem sua índole e caráter. Eles deveriam: aparentar segurança, não manifestar emoções e, muito menos, confidenciar seus problemas. O resultado disto é uma sociedade altamente inibida e que manifesta seus problemas íntimos através das doenças do corpo e, principalmente, doenças psíquicas. A alternativa é  desabafar, chorar, pedir ajuda, contar e expressar suas emoções e problemas. Aprender a confessar, buscando ser verdadeiro em suas palavras, sentimentos e atitudes. Diante daquilo que não conseguimos entender devemos tomar algumas atitudes que possam nos retirar do marasmo e da inércia.

Inspiração….

1-O despertar de uma nova consciência

Eckhart Tolle

2-Momento de despertar
Shakti Gawain
3-Psicologia da Alma
Dr Joshua David Stone
4-Um Curso em Milagres
Foundation for de Inner Peace
5-Ascenção Cósmica-roteiro para os reinos desconhecidos da luz
Dr Joshua David Stone
6-Sua missão ascencional-O seu papel no Plano Maior
Dr Joshua David Stone
7-Ascenção Cósmica
James Tyberonn
Monicavox
Recomendo….
Imagem relacionada
Imagem relacionada
Imagem relacionada
Resultado de imagem para imagens sobre iluminação interior do ser humano

 

ROMPENDO COM AS CONVENÇÕES E PADRÕES ANTIGOS

Vivemos sempre em dúvida de que caminho seguir, qual não, e para realizarmos nosso livre arbítrio, sempre nós nos baseamos nos valores e crenças que recebemos dos pais e da sociedade. Mas estes valores, muitas vezes simples, são envoltos em muitas metáforas , que os deixam complicados e acabamos nos perdendo na forma e não no conteúdo. Ficamos presos aos valores éticos, aos religiosos, adotamos os conceitos da possibilidade da reencarnação que o espiritismo propagou, e com isto assumimos termos um carma que passa de vida em vida. Cada vez mais, então, somos presas da autoculpa que na realidade é o medo de ter magoado ou vir a magoar alguém, e colocamos um peso enorme quando erramos em uma ação, de forma que amarramos nosso desenvolvimento, por não nos acreditarmos merecedores do bem que a nós vem. Porém, podemos reduzir o conceito de carma a uma simples lei física, uma vez que somos um campo energético-material e a cada ação corresponde um resultado, e se estivermos nos movendo conforme o fluxo energético do Universo,  que é nosso caminho, as coisas serão fáceis e tranqüilas, mas, se tivermos opondo resistência de alguma forma ou quisermos determinar para onde temos que ir, a energia reagirá tentando manter-­nos no caminho, criando o conflito. Como um rio, as águas mansas o seguem para seu destino, o mar, fluindo, se não houver obstáculos; no entanto, as pedras que ficam no caminho são lapidadas para seu ponto de menor resistência, e num rio, é onde existem pedras que temos nas corredeiras e o fluxo se torna caótico. Temos o livre arbítrio de sermos água fluídica, ou pedras duras na vida. Podemos, desta forma, simplificar o conceito de que estar no Bem é seguir o fluxo energético (dharma), na busca da organização, e estar no mal é ir contra ele, criando um caos na energia (carma). Mas, como podemos perceber que estamos indo contra o fluxo no qual deveríamos ir? Basta olhar para nossa vida, se ela flui ou está travada e em que área temos problemas.

Estamos encarnados em um mundo de formas, de contrastes, da dualidade energética, que servem para que desenvolvamos nossa sensibilidade, ou seja, trabalhemos nosso lado emocional e sensorial. 

Porém, fomos ensinados desde crianças, pela lei da sobrevivência do mais forte e mais esperto, que nosso caminho evolutivo deve ser pelo intelecto, e criamos um monte de regras que se tornaram normais, mas não tem nada de natural.

Pela história, sabemos que Atlântida e Lemúria seguiram pelo caminho do desenvolvimento do poder mental, e foi uma civilização que chegou ao fim pela autodestruição. Cabe a nossa atual civilização, não seguir o mesmo caminho, já que conhecemos o resultado, e sim evoluirmos pelo sentimento. Pela mente, nunca conseguiremos fazer conexão de nosso Espírito, pois estamos presos manipulando a matéria, mas pela emoção positiva, poderemos modificar nosso campo energético, purificando nossa irradiação, de forma que possamos acessar um nível vibratório diferente.

REFLEXÕES SOBRE OS PODERES SUPRACONSCENCIAIS

Sabemos que a mediunidade, a paranormalidade, são decorrentes de estarmos despertos ao nosso campo energético, então, nos cabe a aprender a usá-­lo, como fizemos um dia,  quando éramos crianças ao lidar com o mundo material e social. Temos uma inversão de valores; a mente, nossa parte material, é quem acreditamos que comanda nossa vida, quando na realidade, quando nosso corpo o deseja ele paralisa a mente, nos deixando doentes .

Somos um espírito que tem sua parte mais densa manifestada, e não um corpo que tem em algum lugar (externo) um espíritoNa realidade, nosso corpo é só a ponta do iceberg, o visível, enquanto nosso espírito é todo ele, principalmente a parte submersa. Porém, vivemos como se só o que existe é a parte visível, e nos negamos a entrar em contato com nossa parte inconsciente, mas, na realidade, é ela que comanda nossa vida. Neste caso, só estaremos seguindo nosso caminho.

No dia que abrirmos nossa sensibilidade para que ouçamos nosso próprio espírito, começaremos a levar a Luz do Autoconhecimento para as trevas daquilo que negamos em nós, e ao ouvirmos nossa alma, paramos de deixar que o mundo se imponha a nós, e sim que nós nos coloquemos no mundo, assim como somos de verdade e não como os outros querem que sejamos.

O PODER DO “EU SOU O QUE EU SOU”

Dizer que Eu sou o que Sou, e sustentar esta postura, é o mesmo que se assumir como um Ser integral, corpo e espírito, e não apenas uma máscara pintada para agradar quem a vê, pois nos é conveniente. Estar no bem, torna-­se estar vivendo a favor de si mesmo, da vida plena, e estar no mal é estar abrindo mão da própria vida para viver o que os outros desejam para nós. Temos que lembrar, que se acreditamos na reprogramação cármica entre vidas, teremos que prestar contas daquilo que fizemos de nossa vida, e não o que fizemos pela vida dos outros, pois não podemos dar a ninguém aquilo que não temos em nós mesmos. Muitas vezes nos consideramos sem forças, inseguros para nossas próprias coisas, mas, no entanto, cuidamos de toda a família com energia e determinação. Se pudermos ser generosos com os outros, não seria primeiro nossa obrigação sermos generosos conosco mesmos, já que nos dois momentos cruciais de nossa vida, o nascimento e na morte, percorremos sózinhos? Existe enorme diferença em fazer pelos outros o melhor, porque eu assim desejo e posso, e fazê-­lo por que eles desejam, como se estivéssemos comprando seu amor, por estarmos ajudando­-os porque nos devem uma contrapartida.

O PRINCÍPIO DO DAR E RECEBER

Quando estivermos vivendo nosso melhor para nós, automáticamente, teremos o nosso melhor para dar aos que amamos. Porém, se não vivemos nosso potencial, nada teremos a oferecer, só uma imagem, sem conteúdo, que com o tempo as pessoas se cansam. Não poderemos mostrar nossa alma, como é bela e plena, se não soubermos onde e com quem ela está, se estivermos ocos. Uma pessoa vazia não tem o que oferecer, mas uma pessoa integrada, tem sua alma para auxiliá-­la a ajudar a alma do outro a se manifestar e se sustentar, pois teremos a adaptabilidade e fluidez da água necessária para entender a linguagem do outro, e não seremos a pedra dura e inflexível, que apenas lhe indica o caminho que á nós foi ensinado como sendo o melhor. 

Integrados com nosso espírito, responsáveis pelo nosso campo energético, com a sensibilidade e conexão desperta, estaremos aptos a criar nossa própria realidade, sem culpa, temores, mágoas,e poderemos alterar sempre que assim desejarmos mudar nossas crenças e valores, obtendo sua essência, e jogando fora os escombros que não mais nos servem. 

Se nos aceitarmos como seres em constante treinamento evolutivo, e que é pela experienciação que envolve erros e acertos que se cresce espiritualmente, podemos errar, sem com isto carregarmos o peso do carma como se ele fosse um homem rígido nos apontando o dedo no nariz.

A vida é plena por si só, se seguirmos nosso coração com consciência de estarmos seguindo as leis universais, dedicando-­nos a conhecer nossos próprios potenciais, nossa vida fluirá facilmente, pois estaremos seguindo o fluxo que a vida nos reserva.

ROMPER COM AS CORRENTES

O desconhecido, o inédito e o mistério sempre nos impõem medo. Por mais que o desejemos, quando a oportunidade surge, o ego nos leva a duvidar,nos amedronta tentando nos impedir, nos fazendo acreditar que as velhas experiências, ­especialmente as ruins,novamente se repetirão. Um erro cometido uma vez, diz a mente, certamente vai se tornar o padrão usual da nossa vida. Mas, se conseguirmos superar este estágio e ir em frente apesar da mente, poderemos ser brindados, em algum momento, com inacreditáveis surpresas. 

É claro que a possibilidade do equívoco sempre estará presente, porém, ao contrário de nossa suposição, ele é um instrumento útil para o nosso aprendizado. A cada vez que uma escolha se mostrar inadequada e trazer as consequências , ao invés de nos fecharmos, deveríamos aceitá-­la como apenas mais uma etapa em nosso processo evolutivo. 

Acreditar que cada nova oportunidade é um presente, e não uma ameaça, fará toda a diferença, seja qual for a área de nossa vida em que o desconhecido se apresente. Abrir-­se incondicionalmente para a possibilidade do risco e deixar que o novo nos surpreenda, muitas vezes favorávelmente, é o único caminho para viver uma vida plena e verdadeira.

AS ABERTURAS QUE O NOVO CICLO DO PLANETA NOS OFERECE

Aproveitemos este final  de um ciclo, quando uma Era se encerra, para refletir sobre as escolhas que faremos nesta Transição Planetária que se inicia. Seguiremos buscando o conforto do conhecido, ainda que ele não nos faça feliz? Ou, ao contrário, aceitaremos o desafio do novo e abriremos nossas mãos e nosso coração para as chances que a vida nos trouxer de fazer tudo diferente? .

Lembre­mos sempre que quando um novo momento, um novo insight, começa a permanecer em torno de nós, precisamos considerar a escolha o novo, ­ porque o velho não faz nem fará mais nada por nós, então, qual é o motivo de voltar atrás? Consideremos que será uma nova aventura: vamos nos dar a oportunidade de conhecer algo. 

Mesmo se  não alcançarmos a meta, pelo menos vamos ter aprendido a ter coragem para se mover em direção ao desconhecido,   que será o nosso ganho. Mas, prestemos atenção, porque o velho é muito pesado ­ ele vai querer nos “puxar” de volta. É muito confortável e conveniente ficar com o passado, mas o conforto e a conveniência não representam  nada já que o crescimento é tudo. Se o crescimento vier através de desconforto, do incômodo, pode ser um bom indicativo de que as coisas não estavam boas. Então continuemos a crescer, não nos tornando uma rotina, um lugar comum, começando a nos mover no mesmo círculo vicioso ,novamente e novamente e novamente.

FAZENDO UM UPGRADE DE CONSCIÊNCIA

Para conseguir esse aumento de consciência, temos que ter em mente que a partir de agora  vamos passar a fazer um “policiamento” em nossa maneira de pensar e agir, condicionando­-nos positivamente para viver uma vida mais plena, mais apaixonante, mais feliz e mais próspera. Abandonemos os maus hábitos, incluindo a preguiça e a descrença; Estudemos, pesquisemos, tenhamos fé em nós mesmos e vamos, centralizando as nossas forças físicas, mentais e espirituais, na meta a que nos propusermos. Para se chegar a algum lugar, é necessário ir de corpo inteiro. A mente pode divagar entre o antes,o aqui e o depois, mas se o corpo e o espírito não forem juntos, tudo não passará de ilusão.

Vamos unir os elos que compõem a nossa vida: corpo, matéria e espírito para que, em um trabalho uníssono,  sejamos levados para onde desejamos estar,pois temos que acreditar que, transformando nossas esperanças /desejos em ações , tudo vai dar certo. O bem ­estar é apenas um estado de espírito que pode ser induzido e mantido em nossa mente. 

Basta dirigir todo o nosso esforço nesse sentido, dando ênfase ao lado bom de todas as coisas. Vamos procurar dentro de nós, o estado de ânimo que gera a alegria de viver e assim, teremos dado um passo importante rumo a uma felicidade sempre crescente que produzirá riquezas mentais, espirituais e materiais.

FAZENDO SUBSTITUIÇÕES SAUDÁVEIS

Precisamos substituir pensamentos e sentimentos negativos por emoções que nos tragam alegria e felicidade. Mesmo que essa atitude seja forçada no início, não nos preocupemos. Logo nossa mente mais profunda passará a aceitá-­las como algo possível e merecido. Da mesma forma com que nós nos habituamos a cultivar crenças limitadoras, podemos estabelecer e manter hábitos elevados e remodelar nossa essência, de forma a tornar possível uma grande transformação. Cultivemos bons pensamentos e vamos dar ênfase ao bem ­estar cósmico que flui. Trabalhemos nossa mente e emoções de maneira imperativa no sentido de criar uma aura reluzente e agradável à nossa volta. è importante reafirmar sempre que “NÓS ESTAMOS NO COMANDO”. Mudemos o foco da nossa atenção, do mal que aprisiona, degenera e destrói, para o bem, que nos coloca em alinhamento com a Fonte. A transformação de nós mesmos pode até ser difícil e demorada, mas começa no exato momento em que, decididos, nós damos o primeiro passo.

Todas as coisas estão prontas para o que nós estivermos preparados. Então, o segredo do nosso êxito está em aceitar o bom, o belo e o justo como realidade em nossa vida. Do mais, basta ficar com a mente alerta para os insights criativos que surgem á todo momento.

A AUTO-ANÁLISE-CHAVE PARA A MESTRIA DA VIDA

~Por Paramahansa Yogananda-excerto da obra “A Eterna Busca do Homem”

“Deixe-­nos abandonar o confinamento do ego e refletir sobre os vastos campos do progresso espiritual.  A iniciativa de assumir o seu mais importante dever desta vida está quase sempre enterrada embaixo dos entulhos dos hábitos humanos. Vocês devem se libertar das influências embrutecedoras e começar a plantar as sementes do sucesso que vocês desejam. A vida vale a pena quando vocês estão executando o trabalho mais essencial, que é encontrar o sentido e os verdadeiros valores da sua existência. O homem deveria se instruir pelo filme cósmico da vida. Ele não nos é mostrado sem razão. À cada dia observamos diferentes cenas e cada dia possui sua lição. Vocês estão destinados a aprender a lição concentrando-­se no supremo propósito da existência humana: o de se conhecer e quem ou o que está por trás de suas vidas. Sem auto­-análise, o homem leva uma vida robotizada; milhões de pessoas nunca analisam á si mesmas. Mentalmente elas são produtos mecanizados da fábrica dos seus ambientes, preocupadas com café-­da-­manhã, almoço, jantar, trabalho e dormir, e indo daqui para ali para se divertirem. Elas não sabem o porquê ou o que estão procurando, nem porque nunca atingem completa felicidade ou satisfação duradoura. Ao fugir da auto-análise, as pessoas acabam se transformando em robôs, condicionadas por seus ambientes. A verdadeira auto-análise é a maior arte do progresso. Todos devem aprender a analisar desapaixonadamente a si mesmos. Relacione diáriamente seus pensamentos e aspirações. Descubra o que você é ­ não o que imagina que seja, ­ porque você deseja fazer de você mesmo o que você deve ser. Muitas pessoas não mudam porque não enxergam os seus próprios defeitos.Todo mundo é resultado de sua hereditariedade e ambiente.O seu ambiente é o resultado da sua verdadeira hereditariedade – as peculiaridades e desejos adquiridos por você em vidas passadas. Esta hereditariedade de encarnações passadas lhe levou a nascer na família e ambiente específicos nos quais agora você se encontra. Peculiaridade de vidas passadas nos influencia atualmente  e cada pessoa de uma família é um espírito individual que trás os seus traços distintos de vidas passadas. 

Considerando que sempre existe alguma semelhança em família proveniente da hereditariedade biológica, mesmo assim cada pessoa é diferente em caráter. Apesar disso, o homem é o arquiteto do seu próprio destino.

Pode-­se muitas vezes se prever o que alguém será na próxima vida através da análise dos seus interesses e hábitos atualmente dominantes. Qualquer coisa que você tenha feito, você pode desfazê­la , já que nós podemos nos modificar muito rápidamente com uma forte determinação; ninguém pode mudar sem esforço, ou em poucos minutos, os padrões de hábitos de anos. Para erradicar um hábito antigo você deve aplicar a força total de sua determinação na ação oposta até que que o mau hábito seja extirpado. Muitas pessoas não possuem a necessária paciência.,mas todos devem se sentir encorajados por esta verdade: qualquer coisa que vocês tenham criado ou feito, vocês podem desfazer. O pensamento produz todas as coisas no universo e tudo no universo é pensamento materializado. Os aspectos físicos e mentais do homem são intrínsecamente relacionados e  seus pensamentos e emoções são afetados pela sua condição física. Uma fraqueza dos órgãos gera um correspondente efeito de enfraquecimento no poder mental, pois a mente influencia mais o corpo do que vice­versa, mas a química do corpo influencia constantemente a mente. Corpo e mente são interdependentes.

Vocês devem manter em mente, entretanto, que não é sábio negligenciar o corpo. Devemos comer alimentos apropriados preferencialmente á alimentos inadequados. E se vocês precisam viver com pessoas que te deixam nervoso, bem, então seria melhor mudar de ambiente. Mas seria melhor ainda se vocês conseguissem mudar as suas atitudes mentais, desta forma não sendo mais pertubados pelas ações de terceiros. Mudem a vocês mesmos, e vocês poderão viver em paz e felicidade em qualquer lugar. A maior parte do mundo é como um hospital psiquiátrico. Muitas pessoas são doentes de inveja, outros de raiva, ódio e paixão. Elas são vítimas dos seus hábitos e emoções. Mas vocês podem fazer de seus lares lugares de paz. Analisem a vocês mesmos. Cada emoção se reflete no corpo e na mente. Inveja e medo empalidecem o rosto, o amor o faz brilhar. Aprendam a ser calmos e vocês serão sempre felizes. Então lembrem­-se, independentemente do tipo de ego que vocês possuam, do tipo de personalidade que vocês estejam tentando expressar, vocês devem fazer um esforço para analisar as suas verdadeiras naturezas e tentar desenvolver suas melhores qualidades. 

Aqueles que são produtos do ego material sofrem muito e desnecessáriamente. Essas pessoas devem aprender o autocontrole, de outra forma são como pedaços de matérias em ação; ­ elas têm que fumar várias vezes ao dia, elas têm que comer certos tipos de comida e sempre ficam com dor de cabeça caso não almocem, e elas sómente conseguem dormir em determinados tipos de cama. Tudo bem em usufruir dos confortos, mas sem ser escravo dos mesmos. As condições para a felicidade estão na vida plena e pensamentos superiores. Uma vida plena e pensamentos superiores devem ser as suas metas. Aprendam a levar todas as condições de felicidade dentro de vocês, meditando e sintonizando suas consciências ao sempre existente, sempre ­consciente e ao sempre­novo regozijo que é a Fonte. A sua felicidade nunca deve ser submetida a qualquer influencia exterior.

A despeito do que seu ambiente seja, não permita que a sua paz interior seja por ele tocada. Seja capaz de fazer as coisas quando e porque você deva fazê-­las e evite fazer coisas que você saiba serem prejudiciais; ­ essas são as chaves para o real sucesso e felicidade. Não mantenha a sua mente engajada em muitas atividades. Analise o que você delas obtém e veja se elas são realmente importantes. Não perca o seu tempo. Ler um bom livro lhe acrescenta muito mais que assistir filmes. Sempre digo: Se você ler por uma hora, escreva duas no seu diário espiritual; e se você escrever por duas horas, pense três horas; e se você pensar por três horas, medite o tempo todo. Independente de onde eu vá, sempre mantenho contínuamente a minha mente na paz de minha alma. Você também deve sempre focar a sua atenção no Pólo Norte do regozijo espiritual. Então ninguém vai atrapalhar o seu equilíbrio. Lembre-­se, se a cada dia você não se tornar uma pessoa melhor do que a que você foi no dia anterior, então você estará andando para trás ­ em saúde, em paz mental e em satisfação espiritual. Por que? Porquê você não se exercitou o suficiente no controle de suas ações. Você mesmo constrói os seus hábitos e você pode mudá-­los. Se você tem pensado errôneamente, dirija a sua mente para as boas companhias e para o estudo e meditação. Uma mudança de companhia pode fazer uma grande diferença para você.

ALGUNS TÓPICOS BÁSICOS NO NOSSO DIA -Á DIA PARA PRESTARMOS ATENÇÃO

1-Autocontrole – A pessoa entende melhor aquilo que sente, os seus pensamentos e os gatilhos que a levam a ter determinadas reações, além dos resultados que tal comportamento lhe trará e, portanto, a melhor forma de lidar com ele.

2-Autoestima – Quem se conhece melhor admite seus pontos fracos e reconhece seus pontos fortes, valoriza-se mais e fortalece a confiança em si próprio.

3-Abertura à diversidade – A autoanálise leva à compreensão e à aceitação de que cada indivíduo é único na forma de ser, pensar e agir.

4-Respeito aos próprios limites – O indivíduo que se conhece bem aceita suas limitações e busca pessoas de habilidades e competências complementares.

5-Prontidão para a mudança – Quem está disposto a se enxergar de forma realista tem mais chance de avaliar as próprias falhas, aprender com elas e mudar.

Resumindo, o autoconhecimento permite um maior controle sobre a sua própria vida.

MAIS DICAS PARA O AO AUTOCONHECIMENTO E A CURA

 1-Esteja cônscio de seu estado de consciência – Infelizmente, muitas pessoas não estão cientes de seu atual estado de consciência, ou até mesmo o que define a consciência. Você pode até não estar consciente dos mais diversos estados de consciência possíveis, devido ao fato de que pode ter experimentado sómente um estado primário de funcionamento em toda a sua vida. Se você é uma pessoa que não experimentou outros estados, ou mais importante, não consegue entender o seu próprio estado, você está definitivamente perdendo alguns aspectos e entendimentos de percepção consciente importantes.

2- Estabeleça um exemplo positivo para os outros – Um exemplo positivo pode pertencer a qualquer área da vida e é altamente recomendável. Criar um exemplo positivo saudável para os outros seguirem, envia uma imagem positiva direta para as vidas e mentes dos outros. Tentar ser conscientemente um bom exemplo para os outros, irá aumentar ainda mais a sua consciência. Um mau exemplo, ou exemplo inconsciente, vai desacelerar, parar ou reverter o seu desenvolvimento consciente atual.

3- Guie outras pessoas interessadas em elevar suas consciências – Há muitas maneiras de ajudar os outros no processo de elevar a sua consciência, especialmente se você é um indivíduo mais conscientemente avançado. As probabilidades são grandes de que você precise fazer algum trabalho pessoal prévio, aumentando sua própria consciência, antes de que você possa colocar-se em uma posição eficaz para ajudar os outros a aumentar a  consciência deles. 

4- Compartilhe sua visão única e sabedoria própria – Todo mundo tem uma perspectiva diferente, com base em sua experiência pessoal, propósito e personalidade. Assim, cada indivíduo tem uma forma única de visão que eles podem compartilhar com os outros. Há infinitas maneiras e oportunidades para você se expressar e compartilhar o seu conhecimento com os outros. Tudo o que você precisa fazer é tomar medidas no sentido de encontrar um meio mais eficaz para permitir que você compartilhe o seu insight.

5- Ganhe sabedoria a partir da experiência de outros – Nenhuma pessoa detém toda a sabedoria do universo em seu cérebro. Por esta razão, é importante estudar a sabedoria dos outros e tentar aplicar à sua vida. Como mencionado anteriormente, todo mundo tem uma perspectiva única e base de conhecimentos para trazer para a si. Estudar a sabedoria dos outros pode ser feito de várias maneiras. Os exemplos incluem reunião face-a-face com um indivíduo mais consciente avançado para pedir-lhe conselhos para a vida, a leitura de websites com conteúdo edificante e de desenvolvimento pessoal de várias fontes diferentes, ou talvez assistir a diferentes seminários de desenvolvimento pessoal.

6- Mantenha seu ego sob controle – Quanto mais atento você é ao seu ego, mais fácil é se tornar mais consciente. Com isso dito, à medida que aumenta a sua percepção, o mesmo acontece com o seu estado de consciência. O inverso também se aplica: como sua consciência aumenta, o mesmo acontece com a sua percepção. Deixar o ego tomar o controle e tomar o lugar do “motorista” em nossa consciência tem potencial para reduzir rápidamente o nosso estado de funcionamento. Tomar o controle e responsabilidade de forma a manter o seu ego controlado, quando confrontado com a adversidade, lhe permitirá avançar conscientemente de uma maneira muito mais saudável.

7- Pratique o desenvolvimento pessoal – Tomar medidas para melhorar a sua vida através do conceito de desenvolvimento pessoal é uma forma extremamente eficaz de tornar-se um ser humano mais consciente. Pense em desenvolvimento pessoal como o ato de melhorar a função de cada área de sua vida, ao mais alto grau possível: saúde, finanças, relacionamentos, etc. Práticamente todos os aspectos do desenvolvimento pessoal levam a um maior desenvolvimento consciente, de uma forma ou de outra.

8- Mude o seu foco consciente –Ficar se preocupando com pensamentos de eventos passados e futuros tem potencial para dirigir a sua consciência na direção errada. Centrando a sua atenção neste exato momento (comumente referido como “o agora”), no entanto, é uma ótima maneira de aumentar o seu nível de consciência. Através de técnicas que lhe permitem aprender a deslocar a sua consciência para este exato momento, você pode fazer maravilhas no processo de avanço consciente.

9- Seja enérgico – Ser enérgico pode ser muito poderoso para avançar seu estado de consciência e para inspirar outros a se tornarem mais conscientemente avançados. Seu corpo pode tornar-se energizado, e seu cérebro pode tornar-se energizado. Quando ambos estão operando na máxima intensidade e energia, você está em um estado de pico de desempenho consciente.

10- Faça mudanças alimentares saudáveis –Fazer mudanças na dieta para ficar mais saudável significa buscar encontrar a melhor dieta possível para atender às suas necessidades mentais, necessidades físicas, espirituais;  Você está plenamente consciente do que você está consumindo? A fim de aumentar o seu próprio nível de consciência, é importante estar plenamente consciente dos alimentos que você está consumindo em sua dieta, e ser respeitoso ao aceitar as dietas de outros indivíduos, sem fazer julgamentos negativos.

11- Aceite os outros como eles são – Como mencionado acima sobre ser consciente sobre o que você come, é importante aceitar as dietas que outros optam por ter. Seja uma decisão consciente sobre ter uma dieta pouco saudável, ou uma decisão inconsciente, aceite suas ações. Aceitar outros pode aplicar-se a todas as áreas da vida. Não importa se você não concorda com as ações de outra pessoa que esteja em desacordo com a sua personalidade, ou em desacordo com a sua percepção de vida, é importante a aceitá-los pelo que são e não tentar forçar mudanças sobre deles. Resolva suas desavenças com outros indivíduos puramente ao aceitá-los pelo que são.

12- Aceite e ame a si mesmo por quem você é – A jornada da vida torna-se muito mais fácil e significativamente enriquecida se você puder aprender a aceitar a si mesmo como você é. Dependendo do seu estado atual de consciência, pode ser difícil de amar e aceitar quem você é. Aproveite o tempo para contabilizar suas bênçãos, ter aceitação por si mesmo e seu nível de consciência. Perceba que neste momento atual você está fazendo o melhor que pode para avançar de forma consciente.

13- Entenda o seu próprio processo de pensamento –uma forma extremamente eficaz para se tornar mais consciente é tomar nota de seu processo de pensamento e compreendê-lo com o melhor de sua capacidade;muitas pessoas andam em círculos mentais devido a uma compreensão ineficaz de seu próprio processo de pensamento. Ser consciente de seus pensamentos e por que está pensando neles é um passo fundamental para a criação de uma compreensão exata da sua realidade.

14-Abençoe tudo o que acontece – Há momentos ao longo da vida quando coisas incríveis acontecem a nós, e outras vezes eventos desagradáveis têm lugar. Assim como aceitar quem você é, é um grande hábito para internalizar, você também deve aprender a abençoar tudo o que acontece em sua vida. Não importa o quão ruim for um evento, tem potencial para causar um impacto positivo na sua vida no longo prazo. Sua capacidade de abençoar e apreciar, até mesmo o que pode ser inicialmente percebido como um cenário do pior caso possível, em última análise, pode fornecer-lhe grande satisfação consciente.

15- Tire um tempo para reflexão interna –  Tirar um tempo para reflexão interna é a maneira mais eficaz de aprender mais sobre si mesmo e seu atual estado de consciência. Reflexão interna certamente vai ajudar você a entender melhor seus pensamentos, emoções, espiritualidade, e fornecer clareza na sua situação de vida atual. Se você ainda não tem tempo para refletir internamente, você poderia muito bem começar uma rotina de meditação 20 minutos todas as manhãs, e observar a diferença que faz rápidamente em seu estado de consciência.

16- Foque em avançar conscientemente – No processo de desenvolvimento da consciência, é importante concentrar-se exatamente sobre o que você está tentando realizar: o ato de se tornar mais consciente. Durante este processo, é importante distanciar todas as distrações não-saudáveis, tais como relações negativas, abuso, luta, drogas ilícitas, etc. Se você se permitir se distrair com hábitos inconscientes e pouco saudáveis, então o ato de avançar conscientemente vai se tornar um processo muito mais difícil ou mais lento do que o normal.

Visão pessoal….

A importância do autoconhecimento  é como o primeiro degrau para a cura de uma sociedade enferma. Estamos culturalmente castrados, aprendemos que o dever é mais importante que o conhecer-se. Aquele que só aprende por exigência não desenvolve, não tem valores, tudo que faz, faz por preço, por um resultado, por um prêmio. Há uma morte de valores.Quando abordamos o modelo atual de educação, vemos que a parte espiritual do Ser está relegada ao plano das crenças e religiões, padrões estereotipados de uma sociedade rançosa e cheia de bloqueios.  Sem mostrar a importância de uma consciência melhor e mais desenvolvida, voltada para os reais valores do Ser e não do Ter, nossas gerações futuras repetirão os padrões antigos, como vem sendo feito á centenas de anos nas suas bases principais( educação, família , religião e sociedade);então, para essas novas gerações a  crise da civilização torna-se universal. “As pessoas são melhores quando compreendem a si mesmas”, afirma Yogananda.Na máxima do Cristianismo- “Amai ao próximo como a ti mesmo.”podemos questionar; Como? Se as pessoas não amam e nem compreendem a si mesmas. Ou seja, não se pode amar ao próximo se a criança interior estiver insatisfeita. O autoconhecimento é a base de tudo. Conhecer a si próprio nos torna conscientes de nossas potencialidades, de nossos pontos fortes, nos torna mais preparados para as escolhas, atitudes e a forma como vamos influenciar de forma positiva a realidade que fazemos parte.Então, ainda há esperança: dar importância em formar uma geração melhor, mais consciente de si, benévola, sábia e mais livre de condicionamentos e crenças limitadoras, pode mudar a forma como nos relacionamos com o mundo e como o transformamos.O autoconhecimento é a pedra fundamental da Inteligência Emocional, é a aptidão emocional sobre a qual se fundam outras como o autocontrole, a empatia e as habilidades de cada um, o potencial adormecido.Conceitua-se autoconhecimento como a clara percepção que o indivíduo tem da sua personalidade, incluindo, forças, fraquezas, pensamentos, sentimentos, crenças, motivações e emoções.A autopercepção não é a cura de todos os males, mas definitivamente é um belo começo. Ter  consciência dessa necessidade de autoconhecer-se, é o primeiro passo para  começar a modificar atitudes, hábitos, pontos de vista, e atrair novos resultados e possibilidades.Assim que nós nos  entendermos melhor, soubermos o porquê de agir e reagir da forma como fazemos habitualmente, teremos todas as ferramentas para mudar e passar a nos comportar da forma que escolhermos, e não mais agir no piloto automático, como de costume.O autoconhecimento exige, primeiro, uma autoavaliação sincera. O indivíduo precisa mergulhar em si mesmo e perceber suas qualidades, defeitos e limites; o que o tira do sério, o que acende o seu botão vermelho, o que o deixa inseguro, etc.Há diversos livros que ajudam nessa busca. Só que não basta a teoria, tem que se colocar em prática o que foi aprendido, exercendo o autoconhecimento no dia-a-dia. Listar os objetivos de vida, as características positivas, as dificuldades, principais crenças e valores, a fim de saber como lidar com elas e alcançar as metas. desejadas.Fazer meditação ou ioga são ótimas opções, já que a introspecção facilita o autoconhecimento.Na verdade, qualquer experiência vivida pelo indivíduo é capaz de promover uma autoanálise, segundo Yogananda. Só é preciso que se esteja com as antenas ligadas e receptivas.Enfim, não se tem aqui a pretensão de esgotar esse tema tão rico e complexo,mas, continuaremos com nossa série , abordando temas relativos ao assunto e dando dicas.Aguardem os próximos capítulos, que entraremos na parte de exercícios  ,que podem ser feitos por qualquer um que esteja sentindo que chegou a hora de evoluir.

Inspiração…

WEBSITE;-SELF-REALIZATION FELLOWSHIP
PARAMAHANSA YOGANANDA.ORG

Monicavox

Recomendo….

 

 

 

 

RESILIÊNCIA: 7 PRINCÍPIOS BÁSICOS PARA SUBIR NO BARCO VIRADO

resiliência-capa

 A resiliência é a capacidade de lidar com a adversidade de uma forma positiva, cultivando os recursos que se encontram dentro de nós. O termo resiliência pode ser entendido, por exemplo, como a força de vontade que nos permite levantar e reagir quando estamos em uma situação difícil.

As pessoas resilentes sempre saem reforçadas de uma crise. Não entram em colapso, não sucumbem. Vitalidade, energia, criatividade, inventividade, coragem e força são apenas algumas das características das pessoas resilientes.

foto

 Mas, o que é essa tal de resiliência?

O termo resiliência tem a ver com a capacidade de um material ou corpo de sofrer pressão e recuperar seu estado original (Thomas Young, 1807) e é aplicado na física, na metalurgia e também na psicologia, quando se trata da capacidade do ser de superar adversidades.No mar, os antigos chamaram de “resilientia”, do verbo “resalio”, que vem do latim e significa “pular para trás, recuperar-se” a ação de “subir no barco virado” que salvava muitos dos marinheiros em caso de mar bravo.

foto

Lendo sobre o assunto da resiliência lembrei de algumas frases populares, bem batidas, e que a gente nem para para pensar no significado “oculto porém explícito” que nos ensinam, desde pequenos, a sermos resilientes. Pense bem, o resiliente é aquele que não só sobrevive às intempéries mas que também “vive a vida” em toda sua intensidade.

foto

7 frases para a gente pensar junto

 1) Suba no barco virado

Este lema tem a ver com as gentes do mar: quando um barco se vira, a vida dá uma cambalhota, você pode se afogar ou lutar tenazmente para sobreviver. Então, suba no barco virado, se agarre nas bordas, no que for, e bata a pés, quer dizer, resista e se recupere e se salve.

2) Do limão faça uma limonada

Está azeda a situação? Nada que não se modifique com uma colher de bom humor – experimente. É assim que a gente faz limonada de limão azedo, com açúcar ou mel, o bom humor necessário para se enfrentar a crise.

3) Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima

Lembra desse samba? É uma composição de Paulo Vanzolini, mestre musiqueiro (compositor, tocador, enfim, todo um músico) e zoólogo, paulista, um dos fundamentos da música popular brasileira. Música que pode ser entendida ;- onde o principal é que “levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima” é o que faz todo aquele que é resiliente, não?

4) Sorria ao mau tempo

Enfim, de que adianta você ficar acabrunhado, triste, deprimido se chove lá fora, não é? Mas, se você lembrar o quanto a chuva é necessária para que os frutos cresçam nas árvores, se você buscar o lado positivo das situações, até o tempo mais cinzento vai ficar mais fácil de se suportar.

5) Depois da tempestade vem a bonança

Pois é verdade! A Terra, com sua redondez, seus ventos, suas variações climáticas, as correntes marinhas, enfim, tudo o que interfere na formação de tempestades, funciona em ciclos – às vezes, mais naturais, às vezes, prejudicados pela ação do ser humano mas, sempre, situações cíclicas pois a natureza busca, continuamente, o reequilibrio de seus fatores. Então, não há tempestade, ou mesmo furacão, que vá durar para sempre.

6) Atolou, desatole

É a mesma coisa com a vida: a gente até pode atolar, cair no buraco (ou na valeta, já me aconteceu também) mas, de experiência em experiência a gente vai aprendendo, de um jeito ou de outro. E se fortalece. E até aprende a ver o buraco à distância, não é verdade?

7) Confie, persevere e tenha fé, em você

Simplesmente isso, confie: em você mesmo, nas suas convicções, no seu coração, no seu caráter, no seu espírito, na natureza, no amor. Confiar e ter fé: perseverar, confiar e perseverar um pouco mais, insistir e mais uma vez, continuar em frente. Tenha a certeza de que, um dia, você chegará lá aonde pretende chegar.

foto

PESQUISA AFIRMA QUE SUCESSO ESTÁ ASSOCIADO AO ESFORÇO, E NÃO À INTELIGÊNCIA

Uma pesquisa realizada nos últimos 35 anos mostra que a expectativa sobre o desenvolvimento de uma inteligência “superior” ou de algum talento deixa as pessoas vulneráveis ao fracasso, pois elas sentem medo de desafios e desmotivação para aprender.

Resultado de imagem para imagens sobre inteligencia

Em artigo publicado na revista Scientific American, um dos principais periódicos científicos do mundo, a pesquisadora Carol S. Dweck, professora de psicologia da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, diz que valorizar os avanços no processo de desenvolvimento produz grandes empreendedores na escolar e na vida. Para a autora do artigo e outros pesquisadores envolvidos no estudo ao longo de três décadas, pais e professores são responsáveis por garantir o desenvolvimento cognitivo das crianças incentivando-as a serem persistentes com estratégias de resolução de problemas, no lugar de enaltecer a sua inteligência. Ao contar às crianças histórias que enfatizam o trabalho duro, a perseverança e o prazer pela aprendizagem, ensina-se que a mente precisa ser constantemente atualizada para funcionar bem.

A motivação do estudo de Carol nasceu nos anos de 1960, quando ela percebeu que um grupo de roedores desistia de realizar um percurso após sucessivas falhas, ficando estáticos. A pesquisadora interpretou que os animais aprendiam, com esse insucesso, a não ter esperança, pois não recebiam incentivo para superar os desafios.

Intrigada pela “desesperança aprendida”, a pesquisadora decidiu investigar mais profundamente a questão. De acordo com ela, a “desesperança” é aprendida e está ligada à crença das pessoas sobre os motivos que a levam a errar. A pesquisa foi estendida ao campo educacional, sendo realizada com estudantes da educação básica. Notou-se que a falta de esforço dos alunos, que não tem a ver com incapacidade, fazia com que eles cometessem mais erros ao tentar solucionar problemas matemáticos. O estudo, que separou as crianças em dois grupos, incentivou um grupo com elogios sobre o “quanto eram inteligentes” e outro grupo com elogios sobre o “quanto eram esforçados”. O primeiro grupo não conseguiu solucionar problemas mais complexos, enquanto o segundo conseguiu desvendar as dificuldades e avançar.

A explicação para esse resultado é que alunos mais persistentes não pensavam sobre a sua falha, e sim focavam no trabalho de encontrar os erros cometidos durante o processo para tentar corrigi-los. Tal capacidade é denominada resiliência.

Nossa sociedade crê no talento e assume que algumas pessoas têm uma habilidade superior. De acordo com uma pesquisa realizada nos anos de 1990, 85% dos pais acreditavam que louvando a habilidade e a inteligência de seus filhos, quando tinham uma boa performance, faziam com que eles se sentissem mais motivados. Entretanto, os estudos mostraram que isso só fazia com que as crianças se sentissem mais frágeis e defensivas.

Resultado de imagem para imagens sobre desafiosSuperando desafios

Desenvolver a resiliência é um processo que começa no início da vida e deve ser incentivado em casa e na escola. Crianças que são elogiadas por seu talento inato, por exemplo, podem desenvolver uma crença implícita de que elas nasceram inteligentes, e que o esforço para aprender algo novo é menos importante do que ser inteligente para aprender aquilo. O problema nessa crença faz com que elas vejam desafios, erros, e, até mesmo, a necessidade de exercer um esforço, como ameaças ao seu ego – e não como oportunidades para melhorar. Isso faz com que percam a confiança e a motivação quando o trabalho não é mais fácil para elas.

 As pesquisas concluem, portanto, que incentivar o processo (que nada mais é do que a soma de esforço pessoal com estratégias eficazes), ajuda a direcioná-los para uma melhor vida acadêmica e pessoal.

Confira, a seguir, os enunciados que, segundo a pesquisadora, professores e pais devem usar para se comunicar com as crianças, incentivando-as a serem os sujeitos do seu processo de aprendizagem:

– Não diga “como você é inteligente”; diga “você fez um bom trabalho” e explicite os fatores que fazem com que aquele trabalho seja elogiado;

– Não elogie apenas a nota alta obtida em uma prova, foque o elogio no processo, dizendo, por exemplo: “Você realmente estudou para seu teste. Você leu o material várias vezes e testou-se sobre ele. E realmente funcionou!”;

– Não foque no resultado da resolução de um problema, aponte as estratégias usadas pela criança, dizendo, por exemplo: “Eu gosto do jeito que você tentou essa série de estratégias diferentes no problema até finalmente resolvê-lo”;

– Elogie o tempo de estudo, focando no quanto o tempo dedicado influenciou o resultado. Por exemplo: “Você ficou em sua mesa e manteve sua concentração, por isso conseguiu achar a solução. Isso é ótimo!”;

– Não aponte o erro como uma falha imutável. Pelo contrário, mostre que o erro é apenas um desafio a ser superado e ofereça ferramentas para que a criança possa superá-lo para seguir adiante.

Essas estratégias fazem com que a criança perceba que o sucesso não é uma questão de inteligência, habilidade ou classe social, mas sim um mérito do esforço.

Imagem relacionadaVisão pessoal….

Adoro essa explicação sobre o que é perseverança: “Perseverança é o trabalho duro que você faz depois de ter se cansado do trabalho duro que você fez” Atribuem essa frase a Newt Gingrich, pode ser que seja dele. O que eu sei é que esta é a verdade nua e crua do ser resiliente – quem é resiliente persevera pois tem confiança nos seus propósitos e fé nos resultados da sua ação. Se não perseverasse, não adiantavam nem a fé nem a confiança. Pensem nisso……

Inspiração….

Mecanismos Neurobiológicos De La Resilencia Pdf 

os códigos da inteligência – Eu faço a diferença no mundo

 O Código da Inteligência – Augusto Cury em PDF, 

Existe uma inteligência existencial/espiritual? O debate … – PUC-SP

Monicavox

Recomendo….

 

O valor da libertação através do Conhecimento e da Sabedoria

  Conhecimento e Sabedoria é o único meio direto para moksa= liberação. Se é possível ganhar liberação simplesmente por essas duas coisas, então a liberação não pode ser um acontecimento, não pode ser algo produzido por karma= ação. O conhecimento/sabedoria é o único meio direto, comparado a qualquer outro, inclusive meditação, oração, rituais, Yoga ou mesmo uma vida de dharma =integridade. Todas essas sadhanas, ou meios, contribuem para se adquirir conhecimento e sabedoria; mas apenas o conhecimento e a sabedoria, comparado á qualquer um desses, funciona realmente.O conhecimento funciona porque você já é liberado. O seu ser é Brahman – ele já é livre – e nunca esteve confinado. Neste mesmo momento ele não está confinado. Na hora do ensinamento, ele não está confinado, antes desse momento ele não estava confinado, tampouco pode ele ser confinado depois. Ele está sempre livre, é eternamente livre, portanto é tão sómente uma questão de reconhecer que O SER É LIVRE

2

A superimposição da limitação sobre o Atma devido à ignorância

Atma, o ser, é “como se fosse” limitado. A limitação aparente divide-se em três partes;

1-A primeira é a de kala, o tempo. Eu sou sujeito a nascimento, envelhecimento e finalmente à morte. Ao longo do tempo, atma parece limitado.

2-A segunda limitação é de desa= lugar. Eu estou aqui neste corpo sómente; fora deste corpo eu não estou. O corpo e o atma parecem ser idênticos e, assim, parece que o atma ocupa apenas um determinado lugar, que não está em toda a parte. Assim, atma parece limitado em termos de localização.

3-A terceira limitação é vastu= limitação a nível de objeto, que se expressa na forma de atributos: conhecimento, memória, saúde, força, altura e assim por diante. Kala, Desa, Vastu são responsáveis por todas as formas de limitação. Todos os seres humanos pensam ter essas três limitações: “Eu sou mortal, eu sou pequeno, eu tenho atributos limitados.”

EXPLICANDO A LIMITAÇÃO

Ninguém aceita a limitação – podemos apenas ser passíveis de uma limitação, mas não aceitá-la. Eu não posso dizer que sou limitado e me sentir feliz com isso, existe uma luta constante para se ver livre da limitação. Se atma for realmente limitado vai permanecer sempre limitado, não importa quantas modificações você introduzir. Vamos imaginar que você assuma um corpo celestial – ainda assim ele será limitado. Se você mudar o lugar e for “para o céu”, ainda terá limitação. Portanto o status de limitado não será anulado ou modificado mesmo se você assumir um novo corpo ou um novo lugar. Não importa que mudanças você fizer nesse corpo – ele ainda assim permanecerá limitado! Se atma for realmente limitado em algum momento, em algum lugar – ele permanecerá sempre limitado.

Mas, se o atma é “como se fosse” limitado, então ele não é realmente limitado. No seu ponto de vista, atma é limitado – na visão dos Upanishads, ele não é absolutamente limitado. Assim, temos dois pontos de vista: a visão  de que o “Eu” não é limitado de modo nenhum: não existe nenhum confinamento; mas porque existe uma sensação de limitação, é que existe uma luta da parte do indivíduo para se livrar dessa limitação.

COMO SE TORNAR ILIMITADO?

Como será que posso me tornar ilimitado? Você não pode se tornar ilimitado; você é ilimitado. É devido tão sómente à ignorância, que o atma parece ser limitado. Portanto, tudo o que você tem a fazer é eliminar essa ignorância. Uma vez que o problema é a ignorância, tudo o que temos de fazer á respeito, é apenas remover essa ignorância e nada vai remover a ignorância a não ser o conhecimento com sabedoria. Nenhuma forma de ação irá remover a ignorância, pois a ação, não sendo oposto de ignorância, não pode eliminá-la.A ação implica num agente. Se a autoria de uma ação é considerada como uma qualidade intrínseca de uma pessoa, existe ignorância do ser, atma, que não é agente de nenhuma ação.

A autoria, que é confirmada pela ação e que está por trás de cada ação, é uma superimposição no atma; uma superimposição devida tão sómente à ignorância. Essa superimposição não é deliberada, como ao superimpor uma nação inteira na sua bandeira, ou superimpor o Senhor em um ídolo. Aqui eu não estou deliberadamente superimpondo autoria em atma – eu erradamente acredito ser um agente. “Eu fiz isso, eu fiz aquilo, eu deveria ter feito isto”.

Isso tudo porque atma é considerado como limitado, considerado como aquele que faz a ação.A ignorância se manifesta na forma de autoria da parte do atma. Ações feitas com um sentido de autoria da ação produzem resultados na forma de punya= mérito, e papa= demérito. Punya e papa por sua vez se tornam a causa de se assumir sucessivos nascimentos. Esse processo continua até que a ignorância tenha sido eliminada.

Sómente o conhecimento se opõe à ignorância

Sómente o conhecimento com sabedoria,  remove a ignorância. Como a luz se opõe à escuridão, da mesma forma conhecimento e sabedoria se opõe à ignorância. Da mesma forma que a escuridão não pode estar onde a luz está, a ignorância não pode estar no mesmo lugar onde o conhecimento com sabedoria se encontra. A escuridão não pode ser removida por nenhuma ação e, sim, sómente pela luz. Ignorância do Ser não é meramente ausência de conhecimento e sabedoria, muito embora essa ignorância desapareça ao despontar destes últimos. Isso é muito importante. Não se pode dizer que a escuridão não existe; até que chegue a luz, ela existe. Algo que não existe não pode criar problemas; A ignorância do Ser é algo que existe, cria problemas, cria erro e cria uma sensação de limitação.Sómente conhecimento com sabedoria é capaz de remover a ignorância do Ser. O fato de que sou saccidananda=existência, conhecimento, plenitude, não vai eliminar a ignorância. 

Mas o conhecimento de que eu sou saccidananda elimina a ignorância. A noção de que eu sou um agente limitado da ação é negada pelo conhecimento de que eu sou ilimitado, que atma é sempre existente, sempre efulgente, sempre pleno, e é esse conhecimento, o qual se dá no intelecto, que remove a ignorância. Portanto, o conhecimento de minha ilimitação remove a noção de que eu sou um agente limitado.

Tendo a ignorância ido embora, ela não pode regressar e substituir o conhecimento com sabedoria, da mesma forma que a escuridão não pode entrar onde a luz estiver, a ignorância não pode entrar onde o conhecimento estiver. A ignorância pode existir tão sómente enquanto o conhecimento sábio não tiver ocorrido. A ignorância não tem princípio – até que o conhecimento/sabedoria ocorra, a ignorância é soberana. Até mesmo uma escuridão que tenha existido em uma caverna por milhares de anos desaparece instantâneamente ao entrar a luz! Da mesma forma, tudo o que é preciso para remover a ignorância que não tem início é conhecimento – agora.

Não existe nenhuma ação que possa remover ignorância, somente pramanavicara= o questionamento discriminativo  produz o conhecimento sábio que pode eliminar a ignorância.Há 3 premissas básicas;

1- Desravanaouvir o ensinamento;

2-Mananarefletir sobre o ensinamento;

3-Enididhyasanacontemplação.

Entretanto, as premissas requerem uma mente preparada, porque a mente é o local onde o conhecimento sábio tem que ocorrer. Essa mente pode ser fortalecida, a fim de receber esse conhecimento, motivo pelo qual você precisa de sadhanas secundárias, e é aí que entram karma yoga, meditação, oração, etc. Através da ação, você adquire uma mente preparada – através do conhecimento sábio você ganha moksa. Sem conhecimento não há liberação.

PORQUE NOS SENTIMOS PRISIONEIROS DE IDÉIAS/EMOÇÕES/PENSAMENTOS LIMITADORES?

O problema do aprisionamento existe porque, devido à ignorância, atma é considerado como limitado. Quando essa ignorância é destruída pelo conhecimento, atma é revelado como auto-evidente, auto-efulgente, uno e não dual. Ao despontar do conhecimento sábio, o atma que parecia limitado devido à ignorância, deixa de ser visto como limitado. Atma é a única coisa que existe – não existe mais nada. Se houvesse outros atmas, cada um seria novamente limitado por tempo, lugar e objetos – haveria um e mais muitos outros. Somente atma é satyam= verdadeiro, tudo o mais é reconhecido como mithya=  realidade aparente. É assim que o mundo todo é. Tempo e lugar e todo o mundo dentro dos parâmetros brilham a partir de atma e têm sua existência em atma.

O sol é auto-evidente, não necessitando nenhuma lanterna ou qualquer outra luz para se revelar a seus olhos. De forma similar, o ser é auto-revelante, não necessitando qualquer outra luz para se revelar. Uma nuvem pode encobrir a resplandecência do sol, mas não a existência do sol. Do mesmo modo, a ignorância pode encobrir o fato de que “eu sou ilimitado“, mas não pode ocultar que “eu sou, eu existo”. Da mesma forma como a nuvem, que parece encobrir o sol, só pode ser vista por intermédio da própria luz do sol que ela encobre, assim também o senso de limitação e aparente diversidade na criação é conhecido apenas pela consciência ilimitada que é o ser. Assim como o sol brilha em sua própria luz quando a nuvem se vai, o ser brilha como único, não-dual quando a ignorância é removida.

É por isso que o conhecimento é adequado para promover a liberação. É sómente devido à ignorância que atma parece ser limitado. Quando a ignorância vai embora, atma é visto brilhando como ilimitado em sua própria glória. Ele não necessita de nenhuma luz porque ele é a própria luz graças à qual você conhece a tudo. Atma é auto-revelante; sómente a noção de que eu sou aprisionadoé negada. O ser é libertado da noção de limitação, e é desta forma que moksa é atingido através do conhecimento. O conhecimento é o único meio direto para se conquistar a liberdade porque o aprisionamento é devido à ignorância.

O SENTIDO MAIOR DO CONHECIMENTO E DA SABEDORIA

Nos relacionamentos de cunho superior, estamos além da alegria quando entramos em contato com nosso verdadeiro Eu Superior e nos encontramos com nossos  irmãos e irmãs, parceiros e amigos de que natureza for. Nós os amamos, estamos felizes quando estamos ao redor deles, e os “vemos’ e os aceitamos com todos os seus próprios dons e talentos e por precisamente quem eles são. Nós os reverenciamos, nós os respeitamos profundamente e os reconhecemos.Isto é conhecimento desta natureza superior e sabedoria ao avaliá-la e conviver com ela.

Nós os vemos, não através de quaisquer reflexos ou projeções nossas(sabedoria), mas, simplesmente, por quem eles são(conhecimento). Estamos conscientes de sua presença, e deixamos o espaço para que eles existam em nosso espaço. Nós os ouvimos, nós os reconhecemos, nós os vemos fora de nós mesmos. E há um apoio mútuo(conhecimento sábio).

Isto segue pelos dois caminhos, e não apenas por um. Nós os vemos claramente e não através do filtro de quem nós somos ou do que precisamos(sabedoria). Trata-se mais do outro e bem menos de nós mesmos. Isto é reverência. E quando o outro que reverenciamos nos vê, em retorno, é formada uma conexão poderosa e forte de luz.(conhecimento).Desta maneira, estamos ainda na fase onde estamos continuando a construir e a fortalecer a nova grade cósmica, através de interações de amor mútuo entre nós mesmos e os outros. Amor mútuo é a cola que irá sustentar a nossa nova realidade e o processo que continua a pedir a nossa participação.(conhecimento sábio)À medida que nos afastarmos das energias antigas, nós nos encontraremos no novo, mais seguros, mais ancorados e em espaços de vibração mais elevada do que já experienciamos até agora(conhecimento).

Estamos nos aproximando rápidamente da grande deterioração do velho, e é assim que foi pretendido. A deterioração chegará disfarçada como escuridão, mas é realmente a luz servindo como catalisador para a mudança.(sabedoria);Pois não há realmente nenhuma escuridão, será a luz disfarçada de escuridão que nos “cutucará” e nos estimulará para criarmos algo novo, para criarmos um forte desejo pela luz (impulsionando-nos nesta  desejada direção, de que se trata a nova realidade=conhecimento), e nos incentivar a sairmos da velha realidade , olharmos para cima e ao nosso redor e começarmos a criação do novo em uma realidade física.(conhecimento sábio).

O PASSO Á PASSO PARA ADQUIRIR SABEDORIA COM CONHECIMENTO

Os acessos multidimensionais do passado estão se fechando, e os acessos do futuro estão se abrindo em um ritmo cada vez mais rápido à medida que o processo de ascensão se acelera. O medo da mudança foi o principal fator de controle de nossa consciência por um tempo muito longo(falta de conhecimento e desconhecimento do que era ter sabedoria para avaliação). No começo de nossa jornada para a densidade, nós buscamos uma grande variedade de auto- expressão e mudança, e nos deleitamos cada nova criação. Foi apenas durante nossas experiências terrenas, que nos esquecemos éramos co-criadores dotados da plena medida de capacidades criativas e que temos uma conexão direta com a Fonte do Poder da Criação, através do Rio da Vida/Luz.(conhecimento sábio).

Há atualmente dois tipos em franca evolução(ou não) se polarizando no planeta, onde o conhecimento sábio é fator preponderante para a diferenciação;

 1-SER ESPIRITUAL/HUMANO torna-se progressivamente cônscio e começa a refinar a mente subconsciente, o que conduz á uma reconexão com o Eu Alma e com a mente Superconsciente. Essa é a nossa ligação com os padrões vibracionais e com a sabedoria expandida dos reinos espirituais de frequência superior, através dos muitos aspectos do nosso Eu Superior. Muito provávelmente, nessa etapa, começaremos a ter lampejos de inspiração, através da intuição, o que se acelera com a meditação e uma volta para dentro. O poder da mente é, desse modo, aprimorado, e o aspirante começa a considerar o mundo e os eventos atuais á partir de uma perspectiva superior, que incorpora um quadro de realidade maior e mais expandido. Os centros dos chacras gradativamente retornam ao equilíbrio e à harmonia, e começam o processo de integração da sabedoria superior da Mente e do Coração Sagrados, funcionando, desse modo, em harmonia um com o outro sob a direção da Alma e da Superalma-Eu Superior(conhecimento expansivo e sólidamente construído e sabedoria paulatinamente trabalhada e experenciadamente reflexiva).

2-UM SER FÍSICO/HUMANO, funcionando dentro dos padrões distorcidos de frequência da terceira e quarta dimensões inferiores, utilizam as mentes subconsciente e consciente, juntamente com uma sobreposição de memórias de encarnações passadas. Ele/ela é em grande parte focado(a) externamente e é fortemente influenciado(a) pelos condicionamentos familiares junto com as tradições culturais e a religião. Os padrões de pensamento são amiúde distorcidos e geralmente auto focados, com isso, vendo sómente o pequeno quadro(conhecimento distorcido e manipulado e sabedoria equivocada e tendenciosa).

Sem título

Há ainda muitas Almas jovens nos países subdesenvolvidos, que estão funcionando em suaNATUREZA ANIMAL/HUMANA,SEM CONHECIMENTO, NEM SABEDORIA e estão principalmente concentrados nos três chacras inferiores. Nesse nível, os centros dos chacras são em sua maioria centros da mente inconsciente. Essas Almas queridas são essencialmente influenciadas pela mente subconsciente e pela consciência limitada(pouco ou nenhum conhecimento, sem sabedoria). São guiadas pelas vidas passadas e memórias raciais, e por uma realidade instintiva baseada na sobrevivência. A maioria tem um foco muito estreito no eu (self) e na sobrevivência familiar. Essas são as Almas preciosas que serão levadas para outros planetas primitivos onde o espectro da polaridade/dualidade da terceira e da quarta dimensões, que estará no equilíbrio adequado. Esses entes queridos terão uma oportunidade de continuar sua jornada nos reinos físicos da consciência em um ambiente muito mais agradável e estimulante(onde poderão desenvolver o conhecimento sábio paulatinamente)

Nós, as Sementes Estelares Despertas e em processo de despertar, somos sinalizadores do Caminho, e no Caminho, somos os que estão tornando isso possível, porque concordamos em encarnar em níveis mais densos da materialidade a fim de ajudar a elevar a consciência de toda a humanidade de volta às iluminadas regiões de Luz e Automestria(onde o ascesso ao conhecimento sábio é fator preponderante á evolução). Todavia,  precisamos lembrar de que não importa a idade da consciência da nossa Alma ou o conhecimento sábio que já adquirimos, e independentemente das coisas maravilhosas e benevolentes que realizamos no passado, a escolha de seguir o Caminho da Luz precisa ser feito conscientemente em cada existência, em cada encarnação e em cada ciclo da experiência(sabedoria com conhecimento).

1A IMPORTÂNCIA DA INTERNET NA AQUISIÇÃO DO CONHECIMENTO SÁBIO DA NOVA ERA

A Eletrônica e a Internet foram e são a nossa ferramenta mais importante pela abrangência, enquanto muito estava e está sendo reorganizado; elas nos passam as informações on line em tempo real,  através da aparente escuridão, para começarmos a criar o novo no mundo físico. Desta forma, haverá reestruturação, tanto quanto a soberania e o rompimento da assim chamada escuridão, que se tornará intolerável.Ao mesmo tempo, estamos muito mais próximos agora do que nunca de uma realidade com luz em sua essência, e do simples evento de qualquer chamada “escuridão” sendo exposta á nossa luz cada vez mais presente.

Este processo, então de deterioração e de reestruturação,tenderá cada vez mais a avançar muito rápidamente.Em última análise, são as energias que criamos através do amor e da reverência mútuos que servirão para acelerar o nosso processo. Estamos realmente construindo a nova realidade através do nosso amor pelo outro, uma ponte segura e sólida de amor, de uma vez por todas.Não devemos confundir jamais conhecimento com sabedoria. Um nos ajuda a entender e organizar a vida; o outro, a construir uma vida, na acepção da palavra.

Visão pessoal…

Temos seguido silenciosos, hesitantes e algumas vezes  desanimados, sem aparentemente nenhuma esperança por qualquer tipo de mudança. Podemos estar, neste ponto, tão distantes da esperança, que a esperança não é mais algo que possamos encontrar com tanta facilidade. Mas ainda assim, isto é simplesmente uma manifestação de nosso atual estado, e este estado é somente temporário.Pequenos vislumbres de esperança podem ter encontrado o seu caminho para nós sómente  á pouco tempo; Um sentimento novo e estranho para muitos de nós. As coisas estão melhorando e já podemos sentir que estamos  nos tornando mais fortes e nos conectando com o novo a cada dia.Podemos estar certos de que estamos sendo cuidados e protegidos. Fizemos progressos e uma maior conscientização de coisas boas estão ocorrendo. Ao mesmo tempo, nós também estamos nos desligando de nossos espaços normais. A desconexão pode chegar de várias formas. Podemos ter os nossos celulares apresentando algum defeito, ou agindo de forma diferente do normal e podemos nos encontrar desconectados de nossos antigos lares e relacionamentos por estranhas razões, ou podemos até ter os membros de nossa família distantes de nós,íntimamente.Seja qual for o processo, estamos nos desconectando de muita coisa, a fim de nos prepararmos para a Grande Reestruturação que logo irá ocorrer.Assim que estivemos livres por algum tempo de todos esses laços antigos que não nos servem mais, nós então nos reconectamos, e isto tem chegado periódicamente  na forma de ondas de grande explosão solar que alcançaram a Terra este ano e seus efeitos puderam ser sentidos (especialmente para os mais sensíveis) por vários dias. Elevamo-nos como um todo para um espaço inteiramente novo. Desta maneira, tivemos uma grande limpeza e nos purificamos os nossos espaços e muito mais, enquanto ao mesmo tempo, tocamos muito profundamente no novo e o ancoramos. E porque fizemos tanto progresso em relação a retirarmos as camadas através da ascensão, fomos literalmente esvaziados e por isso muitos ainda não estão centrados em novos patamares e outros estão ainda sem ter as coisas muito claras,mas sabendo que algo está mudando vertiginosamente.Para aqueles que estavam em primeiro plano e para aqueles em que restaram menos camadas, este esvaziamento foi muito doloroso. Especialmente para o corpo físico. Lembremo-nos que os mais depertos foram básicamente “preparados antes” por mais tempo do que  a maioria , assim estes tipos de eventos os atingiram em níveis bem mais profundos do que a maioria. Tivemos que ancorar e ter essas novas energias da nova realidade retidas. Assim, ainda que possamos ter sentido alguns vislumbres de esperança pouco antes, estes eventos recentes em nós e no planeta, estão servindo para consolidar a nossa nova realidade e os novos degraus que recentemente encaixamos. Desta forma, depois que estes eventos começar a enfraquecer seus efeitos, iremos nos sentir muito, muito mais fortes do que nunca.Mas há ainda mais. Sempre que entramos em um espaço de vibração mais elevada, as energias mais densas e mais escuras são desalojadas. Desta maneira, elas não têm nenhum lar; Elas não sabem para onde ir e agora se encontram expostas à luz; e quando elas começam a entrar em pânico, todo a “energia escura” pode ser liberta.Devemos nos lembrar de que não há realmente nenhuma escuridão, certo ou errado e nem bom ou mau, mas simplesmente energias que vibram em níveis diferentes. E tudo real e simplesmente, apenas È. Nestas novas energias, nós reconhecemos, aceitamos, reverenciamos e amamos profundamente. É o amor que realiza a cura. Precisamos sómente resplandecer a luz e oferecermos amor, ou se estivermos muito esgotados e exauridos, precisamos simplesmente “ser”, confiarmos, aceitarmos e deixarmos ir.

Inspiração….

Reintegração Cósmica Trilogia completa.pdf –

Meditações para a Ascensão – Centro de Cura Cósmica

consciência, discernimento e cocriação – Pax Universal

Monicavox

Recomendo….

Resultado de imagem para imagem sobre livros de ascensão

Resultado de imagem para imagens sobre livros sobre ascensão humana